fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thomaz Bellucci, Federico Gaio , Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thomaz Bellucci, Federico Gaio , Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thomaz Bellucci, Federico Gaio , tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/bellucci/0730_biella_back_800_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/bellucci/0730_biella_back_800_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Confiante Bellucci decide título as 6h de domingo
30/07/2016 às 18h48
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/bellucci/0730_biella_back_800_int.jpg" title="Bellucci enfrenta o italiano Federico Gaio na decisão, em busca do décimo título de challenger da carreira" />

Bellucci enfrenta o italiano Federico Gaio na decisão, em busca do décimo título de challenger da carreira

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Biella (Itália) - Classificado para sua 15ª final de challenger na carreira, sendo a segunda em menos de um mês, Thomaz Bellucci chega confiante para a decisão do título no saibro italiano. O número 1 do Brasil e 52º do mundo enfrenta o 213º colocado italiano Federico Gaio às 6h (de Brasília) deste domingo.

"Estou conseguindo manter um nível de jogo regular durante toda a semana", disse Bellucci que já venceu quatro partidas no torneio. "Isso me dá confiança que nosso trabalho está sendo bem feito”, acrescentou o paulista que há três semanas venceu o challenger de Braunschweig, no saibro alemão. Ele tenta o 10º título deste porte.

Assim como aconteceu na rodada anterior contra Guido Andreozzi, Bellucci venceu de virada neste sábado, dinate do italiano Stefano Napolitano. Novamente, o canhoto de Tietê avalia que conseguiu impôr um tênis mais agressivo, fundamental para reverter o placar e vencer por 3/6, 6/3 e 6/3.

“A partir do segundo set, tomei uma postura mais agressiva nas devoluções", disse o paulista, que sequer teve break points na primeira parcial e terminou a partida com cinco quebras e treze oportunidades criadas contra o jovem rival de 21 anos.

"Consegui jogar com bolas mais profundas e a sacar melhor também”, completou o número 1 do Brasil que só foi quebrado no set incial. Bellucci cedeu só cinco pontos sacando na segunda parcial e outros seis no terceiro, em que sequer foi ameaçado.

 

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
ProSpin
Loja genérico