fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Paula Goncalves, Luisa Stefani, Laura Pigossi, Maria Fernanda Alves, Gabriela CeCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Paula Goncalves, Luisa Stefani, Laura Pigossi, Maria Fernanda Alves, Gabriela CeCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Paula Goncalves, Luisa Stefani, Laura Pigossi, Maria Fernanda Alves, Gabriela Cetênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/brasileiras_outras/paula_voleio_campos_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/brasileiras_outras/paula_voleio_campos_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Paula supera mexicana e chega a semi em Campos
28/07/2016 às 20h11
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/brasileiras_outras/paula_voleio_campos_int.jpg" title="Paula manteve estilo agressivo na quadra sintética de Campos do Jordão" />

Paula manteve estilo agressivo na quadra sintética de Campos do Jordão

Foto: Eric Visintainer
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Campos do Jordão (SP) - Paula Gonçalves será a representante brasileira nas rodadas decisivas da chave de simples do Torneio Internacional de Tênis Feminino, que acontece nas quadras sintéticas do Tênis Clube de Campos do Jordão e distribui pontos para o ranking mundial. Ela jogará na semifinal desta sexta-feira contra a chilena Daniela Seguel, enquanto europeias lutam pela outra vaga na decisão: a francesa Alizé Lim contra a búlgara Aleksandrina Naydenova.

Cabeça 1, Paula teve um segundo set trabalhoso diante da mexicana Renata Zarazua, mas avançou com parciais de 6/2 e 7/6 (7-3). "A quadra está um pouco lenta, mas a bola voa com a altitude de Campos. É uma combinação que exige concentração o tempo todo para evitar erros bobos", explica a pupila do técnico Carlos Kirmayr. "Sabia que seria uma partida de detalhes, comecei muito bem e tentei manter a agressividade o tempo todo".

Seguel evitou uma semifinal brasileira, ao derrotar a adolescente Luisa Stefani, por duros 6/1, 4/6 e 7/6 (8-6). "É duro perder uma partida assim", lamentou a paulista, que treina nos Estados Unidos desde 2011 e agora cursa a universidade. "Não tenho disputado muitos torneios válidos pelo ranking mundial, mas o ritmo de competição no universitário é muito forte e assim estou em forma". Ela recebeu convite e irá disputar o qualificatório para o WTA de Florianópolis neste fim de semana.

Lim teve dificuldade para confirmar a condição de cabeça 2, virando o duelo diante da espanhola Laura Pous, por 3/6, 6/3 e 6/0, enquanto Naydenova mostrou novamente um tênis vigoroso e regular para superar a paraguaia Montserrat Gonzalez, com parciais de 7/6(7-5) e 6/3.

O título da chave de duplas em Campos do Jordão será brasileiro. Stefani ao lado da experiente catarinense Nanda Alves venceram Lim e a gaúcha Gabriela Cé, por 6/1, 6/7 (2-7) e 12-10, e decidirão às 10 horas desta sexta-feira contra Ingrid Martins e Laura Pigossi, que superaram Gonzalez e a mexicana Ana Sanchez, por 6/2 e 6/4. Em seguida, às 11h30, acontecem as duas semifinais de simples, tudo com entrada gratuita para o público.

O Torneio Internacional Feminino de Tênis acontece através da Lei de Incentivo ao Esporte/Ministério do Esporte/Governo Federal com o patrocínio master da Vivo. Também patrocinam o torneio Cacau Show e Softy's. O apoio vem dos Correios e Comgás. A realização é do Instituto Esperança do Amanhã. O torneio tem as chancelas da Federação Internacional de Tênis, da Confederação Brasileira de Tênis e da Federação Paulista de Tênis. O site oficial do evento é festivaldecampos.ativo.com.

Últimas notícias
Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva
ProSpin