fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Roger Federer, Andy Murray, Novak Djokovic, Dudi Sela, Denis IstominCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Roger Federer, Andy Murray, Novak Djokovic, Dudi Sela, Denis IstominCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Roger Federer, Andy Murray, Novak Djokovic, Dudi Sela, Denis Istomintênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/federer/0412_montecarlo_olhabola_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/federer/0412_montecarlo_olhabola_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Federer ultrapassa Murray e assume vicelideranca
09/05/2016 às 08h06
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/federer/0412_montecarlo_olhabola_int.jpg" title="Federer defende o vice em Roma na próxima semana" />

Federer defende o vice em Roma na próxima semana

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Miami (EUA) - Mesmo sem jogar, o suíço Roger Federer subiu no ranking e ultrapassou o britânico Andi Myrray, que defendia o título no Masters 1000 de Madri e como acabou ficando com o vice perdeu o posto de número 2 para o rival. Os dois somam os mesmos 7.525 pontos, mas o tenista da Basileia leva a melhor no critério de desempate (pontos em Grand Slam e ATP Finals).

A boa notícia para Murray é que nesta semana ele defende apenas 90 pontos no Masters 1000 de Roma, ao passo que o suíço foi vice-campeão no ano passado e por isso defende 600 pontos. Federer só irá manter a segunda colocação no ranking se as campanhas se repetirem e caso o britânico ganhe dois jogos ele terá que ser campeão para não ser ultrapassado. 

Quem assiste de camarote a esta disputa é o sérvio Novak Djokovic, que está isolado na liderança e com enorme vantagem para Federer. O número 1 do mundo soma 16.550 pontos, mais do que o suíço e o britânico juntos.

A troca do vice-líder na lista da ATP foi a única alteração em todo o top 10, que se manteve inalterado nos demais lugares. Depois de Djokovic, Federer e Murray seguem o suíço Stan Wawrinka (4º), o espanhol Rafael Nadal (5º), o japonês Kei Nishikori (6º), o francês Jo-Wilfried Tsonga (7º), o tcheco Tomas Berdych (8º), o espanhol David Ferrer (9º) e o canadense Milos Raonic (10º). 

Os dois que mais ganharam terreno no top 100 na última semana foram o israelense Dudi Sela e o uzbeque Denis Istomin. O primeiro foi vice-campeão no challenger de Karshi, Uzbequistão, e com isso melhorou em 11 lugares sua colocação, indo para o 63º lugar. Já Istomin furou o quali em Madri e ganhou um jogo na chave principal, campanha que lhe rendeu 15 posições, indo para o 64º posto.

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
ProSpin
1xBet