fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
cadeira de rodas, seletiva das Americas, Natalia Mayara, Cuenca, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
cadeira de rodas, seletiva das Americas, Natalia Mayara, Cuenca, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
cadeira de rodas, seletiva das Americas, Natalia Mayara, Cuenca, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/cadeirantes/brasileiras_quali_campeas_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/cadeirantes/brasileiras_quali_campeas_int.jpg" />
Notícias | Outros
Brasileiras garantem vaga no Mundial cadeirante
08/03/2016 às 23h23
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/cadeirantes/brasileiras_quali_campeas_int.jpg" title="Equipe feminina venceu o Equador." />

Equipe feminina venceu o Equador.

Foto: Divulgação/CBT
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Cuenca (Equador) – O tênis em cadeira de rodas do Brasil conquistou nesta terça-feira um grande resultado com a classificação para a BNP Paribas World Team Cup, a Copa do Mundo por Equipes, obtida com a vitória na final da seletiva das Américas contra o Equador, na casa das adversárias. 

O time brasileiro formado por Natália Mayara, Rejane Cândida e Meirycoll Duval, além do capitão Raphael Moraes, já havia vencido Equador e México durante a fase de grupos. 

Na final, novamente as brasileiras tiveram o Equador como adversário e começaram com Rejane Cândida derrotando Carolina Lasso com parciais de 6/0 e 6/3. Top 20 mundial, Natália Mayara confirmou o favoritismo e garantiu a classificação brasileira com a vitória sobre Alexandra Meza por 6/0 e 6/2, não sendo necessária a disputa de duplas devido à definição do confronto. 

“Estamos muito contentes por termos vencido este evento. Esta é a primeira final em um torneio qualificatório que uma equipe feminina do Brasil vence”, comemorou Natália Mayara. “Nós estamos muito ansiosas para ir à Copa do Mundo por Equipes em Tóquio, será a minha primeira visita ao Japão”, completou a brasileira, que já está classificada para os Jogos Paralímpicos Rio-2016 após ter conquistado ouro em simples e duplas nos Jogos Parapan-americanos de Toronto, no ano passado. 

O Brasil terá suas equipes masculina e feminina na disputa da Copa do Mundo, que neste ano acontece de 23 a 28 de maio em Tóquio, no Japão, reunindo as 16 melhores equipes masculinas e femininas.

Últimas notícias
Comentários
Loja - livros
Suzana Silva
ProSpin
Plakr