fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Pablo Cuevas, Guido Pella, Rio Open Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Pablo Cuevas, Guido Pella, Rio Open Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Pablo Cuevas, Guido Pella, Rio Open tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/cuevas/0221_rioopen_toss_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/cuevas/0221_rioopen_toss_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Rio Open
Cuevas supera chuva e conquista seu maior título
22/02/2016 às 00h25
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/cuevas/0221_rioopen_toss_int.jpg" title="Cuevas tem agora quatro títulos em sua carreira" />

Cuevas tem agora quatro títulos em sua carreira

Foto: Luiz Pires/Fotojump
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Rio de Janeiro (RJ) - Uma das estrelas deste Rio Open, a chuva não poderia deixar de dar as caras no momento mais importante do torneio. Depois de seis games disputados, o tempo ruim paralisou a decisão entre o uruguaio Pablo Cuevas e o argentino Guido Pella, que ficaram mais de três horas esperando para o jogo voltar. Mais experiente, Cuvas levou a melhor no final das contas e conquistou seu título mais expressivo da carreira ao anotar 6/4, 6/7 (5-7) e 6/4, em 2h16de duelo.

Além de comemorar sua primeira conquista de um ATP 500, Cuevas também poderá celebrar o fato de ser o melhor sul-americano no ranking. Ele vai saltar da 45ª colocação para a 27ª com os pontos somados no saibro do Jockey Club Brasileiro, ultrapassando o paulista Thomaz Bellucci, que até esta semana era o melhor representante da América do Sul no circuito. Por sua vez, Pella ganhará 29 lugares e será o novo 42 do mundo.

Cuevas chegou à final escolado em como enfrentar canhotos como Pella. Em sua campanha até a final, ele teve apenas rivais que jogam com a mão esquerda. O uruguaio largou derrubando o quali argentino Facundo Bagnis, em seguida acabou com a festa do convidado cearense Thiago Monteiro, nas quartas superou o argentino Federico Delbonis e na semifinal conquistou sua vitória mais importante, eliminando o espanhol Rafael Nadal.

Os dois primeiros break-points foram para Pella, que não aproveitou as chances que teve no quarto game e dois games depois viu a partida paralisada. Foram mais de três horas de espera e apreensão para que a chuva parasse, mas no fim das contas eles voltaram para complementar o jogo. Cuevas conseguiu forçar um 0-40 quando o rival sacava em 4/4, perdeu o primeiro break, mas não deixou o segundo escapar e na sequência fechou o set.

A história do segundo set, disputado boa parte sob no mínimo uma chuva fina e sobre o saibro lento, foi de um equilíbrio milimétrico. Os sacadores prevaleceram sobre os devolvedores e os games de serviços foram todos confirmados. A definição foi então para o tiebreak, em que chegou a ter 5-4 e dois saques, mas perdeu ambos e viu Pella levar o desempate e forçar a disputa de mais uma parcial.

Depois de uma pausa para ir ao banheiro, os finalistas voltaram para a disputa do terceiro set, em que novamente os sacadores prevaleceram. Só que desta vez a definição não veio no tiebreak e acabou acontecendo na reta final. Pella sucumbiu no momento que sacou pressionado em 4/5, perdeu o serviço e o jogo.

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series