fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Paula Goncalves, Alize Lim, Julia Glushko, Rio Open, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Paula Goncalves, Alize Lim, Julia Glushko, Rio Open, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Paula Goncalves, Alize Lim, Julia Glushko, Rio Open, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/brasileiras_outras/paula_rioopen_back_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/brasileiras_outras/paula_rioopen_back_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Rio Open
Paula salva o Brasil no qualificatorio do Rio Open
14/02/2016 às 17h29
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/brasileiras_outras/paula_rioopen_back_int.jpg" title="Paula vai estrear na chave principal contra Glushko" />

Paula vai estrear na chave principal contra Glushko

Foto: Rio Open/Divulgação
Felipe Priante
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Rio de Janeiro (RJ) - A paulista Paula Gonçalves salvou a pátria no quali do Rio Open. Ela foi a única atleta da casa a superar o classificatório e entrar na chave principal do torneio. A convidada da organização aproveitou muito bem a oportunidade e na última rodada, neste domingo, bateu a francesa Alizé Lim em sets diretos, com duplo 6/3, depois de 1h40 de partida.

Outras três brasileiras tentaram a sorte no qualificatório do torneio carioca, mas nenhuma delas conseguiu passar da estreia. Maria Silva foi superada pela norte-americana Jennifer Brady, Laura Pigossi caiu diante de Lim e Carolina Meligeni foi eliminada pela argentina Maria Irigoyen.

"É uma pena que as outras não tenham passado, mas fico feliz de ter feito a minha parte", declarou a pupila de Carlos Kirmayr. Sua adversária na chave principal será a israelense Julia Glushko, contra que jogou quatro vezes e soma dos triunfos e duas derrotas.

"Já conheço ela e venci nas duas últimas vezes que nos enfrentamos (ambos os jogos em 2015), uma no saibro e outra na rápida. Ela é uma adversária perigosa", analisou Paula, que também tem uma derrota sobre a terra batida e uma sobre o sintético.

Feliz com a vaga na chave, a brasileira comemorou o apoio do público, que embalou sua vitória na rodada decisiva do quali. "A torcida foi muito legal e espero contar com ela na sequência. Esse ano foi especial, pois entrei por mérito, sem convite. Isso dá uma confiança ainda maior. Estou feliz por ter conseguido duas vitórias importantes", analisou.

"É o amadurecimento. Entrei em quadra hoje bem tranquila, pensando apenas no que deveria fazer", disse a paulista. Questionada sobre o calor que faz no Rio de Janeiro, Paula minimizou o tempo quente. "Está quente mesmo, mas é para todo mundo, para as dus que estão em quadra", finalizou.

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series