fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Australian Open, apostas Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Australian Open, apostas Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Australian Open, apostas tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/bruno_soares/0203_trofeus_slam_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/bruno_soares/0203_trofeus_slam_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Soares questiona acusações de corrupcao
03/02/2016 às 16h53
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/bruno_soares/0203_trofeus_slam_int.jpg" title="Bruno fez história com dois títulos em Melbourne" />

Bruno fez história com dois títulos em Melbourne

Foto: Marcello Zambrana
Felipe Priante
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

São Paulo (SP) - Um dos assuntos mais falados neste começo de ano, as acusações de corrupção no circuito foram questionadas pelo mineiro Bruno Soares, que não gostou da forma como elas foram feitas, tampouco no momento em que aconteceram. Para ele, a falta de provas, nomes e afins fazem apena com que todos os jogadores acabem ficando sob olhares desatentos.

"É uma coisa complicada, nunca fui abordado por esse tipo de gente. Escutamos que esse tipo de coisa acontece", declarou o número 10 do mundo nas duplas, em entrevista coletiva dada nesta quarta-feira para celebrar seus dois títulos conquistados (duplas e duplas mistas) no Australian Open.

"Achei até um pouco antiético soltarem uma matéria assim logo antes de um Grand Slam, onde falaram, falaram e não falaram nada. Estão basicamente falando que todo mundo é corrupto até que prove o contrario. Se eles têm provas que as passem para a ATP e os órgãos responsáveis", complementou Soares.

Sobre a conquista dos dois títulos na Austrália, o mineiro contou que a ficha foi caindo aos poucos. "Acho que o resultado do fim de semana veio em duas partes. A conquista da dupla masculina foi muito mais um alívio depois de ter batido na trave outras vezes. Grand Slam é uma coisa especial, são apenas quatro no ano", declarou o dono de quatro títulos de Slam.

"Ao mesmo tempo não pude deixar a ficha cair muito, pois tinha uma final no outro dia e não podia perder a concentração. Mais do que ninguém em seu como é difícil jogar uma final de Grand Slam", complementou o mineiro, que além das quatro conquistas tem outros dois vice-campeonatos: Wimbledon (nas mistas) e US Open (nas duplas), ambos em 2013.

Bruno destacou que a taça de duplas, a primeira sua deste nível, foi especial para ele. "Era uma coisa que eu sempre sonhei e até concretizar foi um passo muito grande. Foi uma grande realização, um sonho que de cinco ou seis anos para cá se tornou algo mais palpável. Depois do meu primeiro Grand Slam em duplas mistas senti que era uma coisa que estava faltando", disse o mineiro.

"Foi uma prova de que tudo que estava fazendo. Renovou tudo que tudo que fiz estava certo. Fazer uma dobradinha é algo histórico e muito difícil. Me sinto um cara extremamente sortudo por ganhar dois títulos de Slam em um fim de semana, é algo que fica para a história", complementou o parceiro do britânico Jamie Murray.

Últimas notícias
Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG
ProSpin