fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Agnieszka Radwanska, Danka Kovinic, Tianjin, Cingapura, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Agnieszka Radwanska, Danka Kovinic, Tianjin, Cingapura, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Agnieszka Radwanska, Danka Kovinic, Tianjin, Cingapura, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/radwanska/1017_tianjin_back_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/radwanska/1017_tianjin_back_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Radwanska atropela em Tianjin e vai a Cingapura
18/10/2015 às 09h06
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/radwanska/1017_tianjin_back_int.jpg" title="Polonesa não cedeu sets na campanha do título" />

Polonesa não cedeu sets na campanha do título

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Tianjin (China) - A polonesa Agnieszka Radwanska completou uma semana perfeita no WTA International de Tianjin com o 16º troféu da carreira e a vaga garantida no WTA Finals de Cingapura. A número 6 do mundo não perdeu sets em cinco jogos e na decisão precisou de 58 minutos para bater a montenegrina Danka Kovinic, 75ª, por 6/1 e 6/2.

Radwanska é a quinta jogadora classificada para o torneio que reúne as oito melhores do ano e fará sua quinta aparição seguida. Ela foi semifinalista em 2012, ainda na Turquia, e repetiu a campanha em 2014, em Cingapura.

“Tenho boas lembranças do ano passado, os torcedores são incríveis, mal posso esperar para competir com as melhores do mundo”, disse a polonesa, que foi alternate em 2008 e 2009 e fez um jogo em ambas as edições. O título na China lhe rendeu 280 pontos e US$ 111 mil.

A vaga da ex-número 2, improvável no primeiro semestre, passou a ser uma possibilidade a partir da recuperação na grama – semifinal em Wimbledon e Nottingham e vice em Eastbourne. Por fim, os torneios na Ásia deram o maior impulso. Radwanska voltou a erguer um troféu depois de um ano, em Tóquio, foi semifinalista em Pequim e terminou com o título em Tianjin.

“Quando vim para a Ásia não pensava que realmente tinha chances, mas foram semanas muito boas. Ganhar Tóquio abriu chances para ir (a Cingapura) e cada jogo passou a ser importante. E sabia que se ganhasse aqui iria me classificar”, afirmou a campeã, que após a conquista anunciou a desistência do WTA Premier de Moscou, último torneio que vale pontos para o Finals.

As demais classificadas para Cingapura são a romena Simona Halep, a russa Maria Sharapova, a espanhola Garbiñe Muguruza e a tcheca Petra Kvitova. Serena Williams, número 1, garantiu vaga, mas anunciou que não jogará.

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
ProSpin
1xBet