fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thomaz Bellucci, Albert Ramos-Vinolas, Santiago Giraldo Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thomaz Bellucci, Albert Ramos-Vinolas, Santiago Giraldo Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thomaz Bellucci, Albert Ramos-Vinolas, Santiago Giraldo tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/bellucci/0521_genebra_estica_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/bellucci/0521_genebra_estica_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Bellucci comemora 150ª vitória e joga semi às 7h
21/05/2015 às 14h50
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/bellucci/0521_genebra_estica_int.jpg" title="Bellucci enfrenta Giraldo em busca de sua sexta final" />

Bellucci enfrenta Giraldo em busca de sua sexta final

Foto: Peter Staples/Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Genebra (Suíça) - Acumulando quatro boas campanhas seguidas no saibro europeu, Thomaz Bellucci conseguiu uma marca expressiva nesta quinta-feira, ao obter a 150ª vitória em competições de nível ATP. Nesta sexta-feira, o canhoto paulista joga sua 13ª semifinal deste porte e busca sua sexta decisão.

Em busca de uma vaga na final de Genebra, o número 1 do Brasil e 60º colocado enfrenta o colombiano Santiago Giraldo, 67º do mundo, a partir das 7h (horário de Brasília). Os dois são velhos conhecidos e o retrospecto está por 3 a 3, somando torneios ATP e 1 a 1 em challengers.

“Conheço o Giraldo desde os tempos de juvenil. Apesar de ter ganho as últimas três vezes que jogamos todos nossos jogos são sempre uma batalha", disse Bellucci, que venceu Giraldo no Brasil Open e Rio Open do ano passado, além de ter levado a melhor na Copa Davis de 2012.

Bellucci comemorou a atuação na vitória desta quinta-feira, quando passou pelo 63º colocado espanhol Albert Ramos por 6/0, 1/6 e 6/3 em 1h47 de disputa.

“Comecei o jogo muito bem, errando pouco, sendo bem agressivo e não dando chance nenhuma a ele (Ramos-Vinolas). No começo do segundo set, ele passou a jogar melhor e eu diminui um pouco o ritmo. Mas, logo voltei a jogar consistente, mexendo bem ele e dominando quase todos os pontos”, observou Bellucci.

O tenista número 1 do Brasil também destaca a boa fase na temporada europeia em quadras de saibro. Com o resultado desta quinta-feira, Bellucci já soma 13 vitórias em 17 jogos.

“Estou muito feliz com essa vitória e em poder jogar a segunda semifinal do ano (a primeira foi em Quito). É um prêmio para mim e para a minha equipe, principalmente pelo trabalho duro dos últimos meses. Espero que consiga seguir nessa onda de bons resultados”, completou o canhoto paulista, que voltou a treinar com João Zwetsch nesta temporada.

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
ProSpin
HandDry