fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Teliana Pereira, Yaroslava Shvedova, Mariana Duque-Mariño, Elina Svitolina, BogotaCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Teliana Pereira, Yaroslava Shvedova, Mariana Duque-Mariño, Elina Svitolina, BogotaCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Teliana Pereira, Yaroslava Shvedova, Mariana Duque-Mariño, Elina Svitolina, Bogotatênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/teliana/0418_festeja_bogota_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/teliana/0418_festeja_bogota_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
'É um sonho estar na final de um WTA', diz Teliana
18/04/2015 às 18h39
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/teliana/0418_festeja_bogota_int.jpg" title="Teliana retorna ao top 100 do ranking mundial" />

Teliana retorna ao top 100 do ranking mundial

Foto: WTA
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Bogotá (Colômbia) - Teliana Pereira deu mais um passo na sua carreira. A tenista de 26 anos decidirá neste domingo o WTA de Bogotá contra a cazaque Yaroslava Schvedova, 75ª do ranking, que no final da tarde deste sábado suou para tirar a colombiana Mariana Duque, por . O confronto será inédito. A decisão acontece às 13 horas (de Brasília) e será mostrado ao vvo pelo BandSports.

"É um sonho estar num final de WTA", garantiu Teliana, após eliminar a ucraniana Elina Svitolina, 27ª do ranking, por 7/6 e 6/3. "Sempre acreditei que seria possível e agora vou ter essa oportunidade. É a recompensa de todo um trabalho e dedicação de muito tempo com a minha equipe. Estou muito feliz também, por estar levando o tênis feminino do Brasil para os grandes torneios do mundo. O nosso tênis pode crescer e estamos no caminho certo," comemorou.

A final do WTA International de Bogotá, que está sendo disputado no saibro e distribui U$ 250 mil em prêmios, é o melhor resultado da carreira de Teliana. Até hoje ela havia alcançado a semi neste mesmo torneio em 2013 e a semi do Rio Open, no ano passado. Por já estar na final, a tenista nascida em Pernambuco e radicada em Curitiba já garantiu 180 pontos no ranking mundial, que devem colocá-la de volta no top 100 - atualmente está no 130º lugar. Se conquistar o título, marcará 280 pontos e poderá superar sua melh que or colocação, a 87ª, alcançada em 2013.

A vitória sobre Svitolina foi a nona seguida de Teliana. No domingo anterior, ela foi campeã do challenger de Medellin e, para chegar à decisão em Bogotá, venceu Francesca Schiavone, Mandy Minella, Lourdes Dominguez Lino e agora Svitolina. "Entrei em quadra para fazer o que eu venho fazendo desde a semana passada em Medellin. Com a Svitolina eu sabia que precisava jogar alto e fundo e quando tivesse oportunidade, teria que ir pra cima, mexendo ou indo pra rede. Deu certo, estou muito, muito feliz e agora é descansar e me preparar para essa final."

Últimas notícias
Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva
ProSpin