fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Sara Errani, Teliana Pereira, Rio Open, Roberta Vinci, Lucie HradeckaCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Sara Errani, Teliana Pereira, Rio Open, Roberta Vinci, Lucie HradeckaCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Sara Errani, Teliana Pereira, Rio Open, Roberta Vinci, Lucie Hradeckatênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/teliana/0213_rio_treina_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/teliana/0213_rio_treina_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Rio Open
Errani dá pouca chance e elimina Teliana
17/02/2015 às 18h31
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/teliana/0213_rio_treina_int.jpg" title="Teliana teve apenas duas oportunidades de quebra" />

Teliana teve apenas duas oportunidades de quebra

Foto: Agif/Rio Open
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Rio de Janeiro (RJ) - Num dia de calor e forte umidade‏ no Rio de Janeiro, a italiana Sara Errani encontrou as condições ideais para jogar seu melhor tênis e passar pela pernambucana Teliana Pereira logo na estreia do Rio Open, ao marcar um duplo 6/3 em 1h20 de disputa.

Apostando na consistência de seu jogo de fundo de quadra e sendo mais efetiva nos momentos de variação e subidas à rede, a italiana neutralizou a baixa velocidade de seu saque e a maior potência nos golpes de Teliana. A italiana dominou o jogo, conquistando cinco quebras e perdendo só dois games de serviço nos únicos break points que enfrentou.

Principal cabeça de chave no Rio Open e 16ª do ranking da WTA, Errani enfrentará agora a espanhola Lourdes Dominguez Lino, 108ª do colocada, contra quem venceu os últimos jogos e perdeu apenas duas vezes, nos distantes anos de 2005 e 2007. O duelo de oitavas de final acontecerá apenas na quinta-feira.

Por sua vez, Teliana sofrerá uma dura na próxima atualização do ranking. Semifinalista no ano passado, a atual 109ª colocada perderá os 90 pontos referentes a ótima campanha de 2014, caindo em torno de 28 posições na tabela de classificação a ser divulgada na próxima segunda-feira.

Outra italiana que avançou às oitavas de final é Roberta Vinci. Terceira cabeça de chave no Rio, a experiente jogadora de 31 anos passou com 7/6 (7-4) e 6/3 pela tcheca Lucie Hradecka e agora enfrenta a paraguaia Veronica Cepede Royg, algoz da campineira Paula Gonçalves.

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series