fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Gabriela Ce, Pauline Parmentier, Johanna Larsson, Irini-Camelia Begu, Rio OpenCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Gabriela Ce, Pauline Parmentier, Johanna Larsson, Irini-Camelia Begu, Rio OpenCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Gabriela Ce, Pauline Parmentier, Johanna Larsson, Irini-Camelia Begu, Rio Opentênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/brasileiras_outras/gabi_ce_rio_vibra_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/brasileiras_outras/gabi_ce_rio_vibra_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Rio Open
Gabi Cé surpreende no Rio e anota maior vitória
16/02/2015 às 20h44
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/brasileiras_outras/gabi_ce_rio_vibra_int.jpg" title="Gabriela Cé derrotou uma top 100 pela primeira vez" />

Gabriela Cé derrotou uma top 100 pela primeira vez

Foto: Divulgação/Agif
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Rio de Janeiro (RJ) - Em sua segunda chave principal de um WTA, a gaúcha Gabriela Cé obteve um grande resultado e anotou um triunfo inédito, derrotando a francesa Pauline Parmentier com direito a ‘pneu’. As duas travaram uma batalha de nervo e três sets, definida em quase duas horas e meia e placar final 6/2, 6/7 (1-7) e 6/0.

Sua adversária na segunda rodada será a sueca Johanna Larsson, quinta pré-classificada, que saiu perdendo para a espanhola Maria Teresa Torro, conseguiu se recuperar e venceu com direito a desistência da rival quando vencia o terceiro set com o placar de 6/7 (5-7), 7/6 (7-3) e 4/2, após 2h35 de confronto. Será a primeira vez que Cé e Larsson irão se enfrentar no circuito.

Outro jogo que acabou com desistência foi o embate entre a quarta pré-classificada Madison Brengle e a quali romena Ana Bogdan, que abandonou o jogo no meio do segundo set, com placar de 6/4 e 3/3, deixando a vitória com a norte-americana. Brengle terá como próxima rival a vencedora do embate entre a alemã Dinah Pfizenmaier e a quali espanhola Etrella Cabezza.

Apostando na consistência na linha de base e nos erros da adversária, Cé obteve êxito no primeiro set e com essa estratégia conseguiu levar a melhor. A parcial começou com cinco quebras seguidas e a gaúcha foi a primeira a confirmar, apenas no sexto game. Parmentier ainda perdeu mais um saque e acabou saindo atrás no marcador.

O segundo set teve um desenrolar parecido com o anterior, novamente com a solidez da gaúcha e os erros não forçados de Parmentier, que saiu sendo quebrada e ficou atrás até a reta final Cé chegou a sacar para o jogo em 6/5, mas foi quebrada e teve que encarar o tiebreak, em que venceu apenas um ponto e viu o jogo ficar empatado.

Depois de sofrer uma dura derrota no tiebreak da segunda parcial, Cé não se abalou e deu a volta por cima, começando com tudo no set decisivo. A gaúcha anotou duas quebras e

No outro lado da chave, a segunda favorita, a romena Irina-Camelia Begu, precisou de apenas 67 minutos para derrubar a australiana Olivia Rogowska com parciais de 6/1 e 6/3. Já a sul-africana Chanelle Scheepers não fez valer a condição de cabeça de chave número 8 e acabou superada pela norte-americana Grace Min, que triunfou em sets diretos, com placar de 6/2 e 6/1, após 1h13 de partida.

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series