fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Jordan Correia, Espanha, Juan Carlos Ferrero Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Jordan Correia, Espanha, Juan Carlos Ferrero Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Jordan Correia, Espanha, Juan Carlos Ferrero tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/outros_assuntos/jordan_correia_com-ferrero_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/outros_assuntos/jordan_correia_com-ferrero_int.jpg" />
Notícias | Outros
Juvenil capixaba festeja primeiro ponto na ATP
28/01/2015 às 19h56
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/outros_assuntos/jordan_correia_com-ferrero_int.jpg" title="" />
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

El Kantaoui (Tunísia) – Jordan Correia, de 17 anos, natural de São Mateus, Espírito Santo, tem um motivo especial para lembrar do future de El Kantaoui, realizado semana passada na Tunísia. O brasileiro ganhou sua primeira partida em torneio da Federação Internacional e conquistou o primeiro ponto no ranking da ATP. Na quarta-feira passada , ele superou o qualifier suiço Andrew Ruppli, de 19 anos e 1384º do ranking mundial, por 7/6 (7-4) e 6/2 e avançou às oitavas de final.  O brasileiro, que recebeu convite dos organizadores, encarou a seguir o francêsYannick Jankovits, 349º do mundo e principal favorito da competição, sendo derrotado por duplo 6/1. O Future de El Kantaoui, em quadra de piso rápido, distribui premiação de US$ 10 mil.

Jordan Correia vem treinando há dois anos e meio na academia de Juan Carlos Ferrero, na Espanha, e obtendo bons resultados nos torneios nacionais com premiação em dinheiro (primeira classe). Com 14 anos, aproveitando as férias foi para lá treinar, gostou da estrutura e do ambiente familiar e da proximidade com jogadores com Ferrero e Nicolas Almagro. Atualmente, treina com Jose Ezequiel Lido e Samuel Lopez, este treinador de Almagro.

No ano passado, Jordan fez uma seqüência de dois campeonatos e um vice em eventos espanhóis e furou o quali de um future. Logo depois, lesionou o ombro e ficou quatro meses parado. O brasileiro fez uma boa pré-temporada e iniciou 2015 festejando seu  primeiro ponto no ranking profissional..

Jordan faz parte de um grupo de quatro garotos composto por Rafael Camilo, Eduardo Russi e Mario Martinez-Vilella (campeão na Tunísia). O  treino na Espanha é baseado no plano de carreira e objetivos traçados por Samuel Lopez, Antonio Cascales e Juan Carlos Ferrero. O grupo técnico estipula cinco objetivos por semana por área (atitude dentro e fora da quadra, ordem de jogo, padrão tático, metal e físico) para, com isso, chegar no objetivo a longo prazo.

“Optei por treinar na Espanha, que é hoje grande potência do tênis mundial e ter a grande experiência de conviver diariamente com Ferrero e Almagro. Tenho toda a estrutura para evoluir e esta experiência está sendo muito importante na minha formação”, diz o jovem brasileiro. 

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
ProSpin
HandDry