fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thaisa Pedretti, Marcelle Cirino, Cosat, Venezuela, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thaisa Pedretti, Marcelle Cirino, Cosat, Venezuela, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thaisa Pedretti, Marcelle Cirino, Cosat, Venezuela, tênis" />
Notícias | Outros
Brasileiras dão adeus no Cosat da Venezuela
18/01/2015 às 11h59
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Caracas (Venezuela) – Thaisa Pedretti disputou duas partidas em três sets e despediu-se nas semifinais dos 18 anos da Copa Gatorade. A chave dos 18 vale pontos para o ranking juvenil mundial da Federação Internacional e está sendo disputada em Caracas, em quadras duras. Pelas quartas de final, Pedretti, a segunda favorita ao título, eliminou a russa Ulyanna Shirokova com parciais de  6/4, 3/6 e 6/1. Na penúlltima fase, depois de ganhar o set inicial, a brasileira sofreu uma virada e caiu diante da austríaca Mira Antonitsch, cabeça 3, por 5/7, 6/2 e 6/2.

Nos 16 anos feminino, em Valência, também em quadra dura, Marcelle Cirino perdeu da venezuelana Maria Gabriela Linares, cabeça de chave 1, por 6/4 e 6/3

Nos 14 anos masculino, Matheus Pucinelli, terceiro favorito e 7º do ranking continental, disputaria a fase semifinal com o principal favorito da competição, o peruano Sebastian Rodriguez, terceiro do continente.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis