fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Joao Souza, Sergiy Stakhovsky, Jonathan Eysseric Sydney, Qualificatorio, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Joao Souza, Sergiy Stakhovsky, Jonathan Eysseric Sydney, Qualificatorio, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Joao Souza, Sergiy Stakhovsky, Jonathan Eysseric Sydney, Qualificatorio, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/feijao/0110_sydney_treina_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/feijao/0110_sydney_treina_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Feijão comemora vitória rápida no quali de Sydney
10/01/2015 às 09h38
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/feijao/0110_sydney_treina_int.jpg" title="Feijão precisa de mais 2 vitórias para entrar na chave" />

Feijão precisa de mais 2 vitórias para entrar na chave

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Sydney (Austrália) - O paulista João “Feijão” Souza, número 117 do ranking mundial, estreou com o pé direito, no qualificatório para o torneio ATP 250 de Sydney, evento de primeira linha do circuito mundial e que distribui US$ 439 mil em premiação.

Número 2 do Brasil, ele enfrentaria Sergyi Stakhovsky, 57º colocado e principal favorito no quali, mas o ucraniano ganhou vaga na chave principal de última hora e o brasileiro superou seu substituto, o francês Jonathan Eysseric com parciais de 6/3 e 6/4, após 1h14.

"Foi uma boa estreia, joguei legal, controlei os pontos no fundo, fui agressivo e fiz ele jogar atrás da linha de base. Devolvi bem, consegui controlar o ritmo nos games de devolução”, avaliou o paulista de Mogi das Cruzes.

“Depois de uma longa viagem de Doha pra cá e o fuso, é importante ter economizado energia nessa primeira partida. Agora é mais um francês, mais uma dura partida, mas vamos pra cima", complementou Feijão, que precisa de mais dois triunfos para entrar na chave principal do torneio australiano.

Neste domingo ele buscará vaga na final do quali diante do francês Edouard Roger-Vasselin, 116º colocado e que até outubro do ano passado aparecia entre os 35 melhores do mundo. Este duelo será o segundo da quadra 4, começando por volta das 12h30 no horário local (23h30 de Brasília).

Últimas notícias
Comentários
Loja - camisetas
Tennis Camp
ProSpin