fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Teliana Pereira, Evgeniya Rodina, Mandy Minella, Kaia Kanepi, BiarritzCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Teliana Pereira, Evgeniya Rodina, Mandy Minella, Kaia Kanepi, BiarritzCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Teliana Pereira, Evgeniya Rodina, Mandy Minella, Kaia Kanepi, Biarritztênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/teliana/0221_rio_vibra_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/teliana/0221_rio_vibra_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Teliana consegue virada e alcança a final em Biarritz
11/07/2014 às 19h04
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/teliana/0221_rio_vibra_int.jpg" title="Teliana garantiu também seu retorno ao top 100" />

Teliana garantiu também seu retorno ao top 100

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Biarritz (França) - A pernambucana Teliana Pereira segue firme rumo à final do ITF US$ 100 mil em Biarritz. Segunda mais bem cotada ao título no saibro francês, nesta sexta-feira, ela se garantiu na final ao derrotar a russa Evgeniya Rodina de virada, com placar final de 3/6, 6/1 e 6/4.

Com a excelente campanha no torneio, a número 1 do Brasil não só assegurou a volta ao top 100, como também a vaga no US Open. Atual 102 do mundo, Teliana vai ganhar bastante terreno e deve voltar a figurar entre as 90 primeiras no ranking.

Teliana deve aparecer como 88ª já com o resultado alcançado até então, mas depende também das campanhas de outras rivais nesta briga, ficando no mínimo no 92º com o vice-campeonato. Se for campeã, ela deverá oscilar entre o 80º e o 83º lugar.

Na final, a pernambucana terá pela frente a vencedora do duelo envolvendo a estoniana Kaia Kanepi, cabeça de chave número 1, e a luxemburguesa Mandy Minela, sétima mais bem cotada, que se enfrentam mais tarde nesta sexta-feira.

Ainda nesta sexta-feira, a número 1 do Brasil tentou a taça na chave de duplas ao lado da espanhola Lourdes Dominguez, formando a terceira melhor parceria do torneio. Mas na final, elas foram superadas com duplo 6/2 pela argentina Florencia Molinero e a liechtensteinense Stephanie Vogt, cabeças de chave número 2.

* Já a paulista Nathalia Rossi caiu na segunda rodada do ITF US$ 25 mil de Gatineau, no Canadá frente à japonesa Hiroko Kuwata, sétima favorita, por 7/6 (7-2) e 7/5.

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
ProSpin
Loja genérico