fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Radek Stepanek, Andy Murray, Andrey Golubev, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Radek Stepanek, Andy Murray, Andrey Golubev, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Radek Stepanek, Andy Murray, Andrey Golubev, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/djokovic/0623_wimbledon_slice_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/djokovic/0623_wimbledon_slice_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Djokovic prevê jogo duro diante de Stepanek
23/06/2014 às 20h25
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/djokovic/0623_wimbledon_slice_int.jpg" title="Djokovic disputou seu primeiro jogo desde Roland Garros" />

Djokovic disputou seu primeiro jogo desde Roland Garros

Foto: Site Oficial
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Londres (Inglaterra) - Após a tranquila vitória em sets diretos sobre o cazaque Andrey Golubev, o sérvio Novak Djokovic já pensa em sua próxima partida em Wimbledon, onde terá pela frente o tcheco Radek Stepanek. Famoso por seu estilo de saque e voleio, o experiente jogador de 35 anos sabe como ninguém jogar em quadra de grama e há duas semanas, findou uma invencibilidade de 19 partidas do britânico Andy Murray sobre o piso.

Djokovic prega respeito ao seu próximo rival, mas segue confiante. “Definitivamente não será um jogo fácil, mas se eu jogar bem como hoje, acho que tenho boas chances”, disse o sérvio que possui ampla vantagem nos confrontos contra Stepanek. Em onze partidas, foram dez vitórias de Djokovic, contra apenas uma do jogador tcheco, obtida ainda no ano de 2006.

O sérvio comemorou o desempenho apresentado em sua partida de estreia nesta segunda-feira. O número 2 do mundo cedeu apenas cinco games no total, chegando a vencer os onze primeiros do jogo e não foi quebrado em nenhuma oportunidade ao longo de 1h28 de partida.

“Foi um grande começo, especialmente nos dois primeiros sets e eu não poderia estar mais feliz com o desempenho. Mas o crédito para Andrey por ter jogado um ótimo tênis no terceiro set”, disse Djokovic, que disputou seu primeiro jogo desde a final de Roland Garros no dia 8 de junho. “Vir a Wimbledon sem ter feito nenhum jogo oficial dá mais motivo para chegar aqui mais focado e comprometido e jogar o melhor que pode, então foi isso que eu fiz”, completou Djokovic.

Na última semana, o sérvio deixou preocupados os fãs após anunciar a desistência da tradicional série de exibições londrina The Boodles, da qual já participa há oito anos, devido a uma lesão no punho direito. Na ocasião, Djokovic declarou que “há momentos em que a melhor preparação é não jogar”.

Apesar de o ranking apresentar Djokovic na segunda posição, a organização de Wimbledon o designou como principal cabeça de chave do torneio por conta de suas boas campanhas nos últimos anos aliadas às eliminações precoces do número 1 do mundo, o espanhol Rafael Nadal. Isso fez com que Djokovic fosse também agraciado em fazer a sua primeira partida na Quadra Central, no mesmo dia em que o britânico Andy Murray abriu a programação como atual campeão do evento.

“A Quadra Central de Wimbledon é a mais especial que temos no nosso esporte. É impossível não aproveitar a experiência, sentir a história e a tradição. É algo que está presente e que o jogador sempre sente”.

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
ProSpin
HandDry