fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Marcelo Melo, Andre Sa, Marcelo Demoliner, WimbledonCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Marcelo Melo, Andre Sa, Marcelo Demoliner, WimbledonCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Marcelo Melo, Andre Sa, Marcelo Demoliner, Wimbledontênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/melo/0703_wimb_rede_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/melo/0703_wimb_rede_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Duplistas não dão sorte e têm adversários difíceis
20/06/2014 às 13h10
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/melo/0703_wimb_rede_int.jpg" title="Melo pode reencontrar os irmãos Bryan nas quartas" />

Melo pode reencontrar os irmãos Bryan nas quartas

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Londres (Inglaterra) - Sem representantes na chave de simples, algo que não acontecia desde 2007, o tênis masculino brasileiro depende dos duplistas para fazer novamente um bom papel em Wimbledon, mas o sorteio da chave não ajudou muito. Os quatro inscritos, todos com parceiros estrangeiros, terão de trabalhar muito para ir longe na grama londrina.

Cabeças 2, Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya pegaram logo na estreia a difícil parceria formada pelo bielorrusso Max Mirnyi e o russo Mikhail Youzhny. Se passarem, terão logo na terceira rodada o dueto formado pelo britânico Jamie Murray e o australiano John Peers, a quem derrotaram no domingo na decisão do Queen's Club.

Também cotados entre os favoritos, o mineiro Marcelo Melo e o austríaco Julian Knowle pegam na estreia os alemães Martin Emmrich e Christopher Kas, tendo boa chance de avançar até a terceira rodada, onde então pegaram os campeões da Austrália, o polonês Lukas Kubot e o sueco Robert Lindstedt. Não bastasse isso, ainda caíram no quadrante dos irmãos Bob e Mike Bryan, que são os possiveis adversários nas quartas. Melo defende o vice do ano passado, mas não terá a companhia do croata Ivan Dodig.

Por fim, o mineiro André Sá volta a fazer parceria com o garoto croata Mate Pavic, com quem atingiu as quartas de Roland Garros, mas terão que encarar logo o filipino Treat Huey e o britânico Dominic Inglot, campeões de Eastbourne em cima de Soares/Peya nesta sexta-feira.

Vindos do qualificatório, o gaúcho Marcelo Demoliner e o indiano Purav Raja têm dois experientes duplistas pela frente, ainda que ambos estejam com parceiros pouco habituais: o colombiano Julio Cezar Campozano se juntou ao polonês Marcin Matkowski.

Saiba mais

• Veja como ficou a chave de duplas

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series