fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Nicolas Almagro, Fabio Fognini, Tommy Robredo, Filippo Volandri, Vina del MarCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Nicolas Almagro, Fabio Fognini, Tommy Robredo, Filippo Volandri, Vina del MarCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Nicolas Almagro, Fabio Fognini, Tommy Robredo, Filippo Volandri, Vina del Martênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/almagro/1022_valencia_vibra_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/almagro/1022_valencia_vibra_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Almagro, Fognini e Robredo disputam Viña del Mar
25/12/2013 às 09h35
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/almagro/1022_valencia_vibra_int.jpg" title="Almagro deve ser principal favorito ao título" />

Almagro deve ser principal favorito ao título

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Viña del Mar (Chile) - Torneio que marcou o retorno de Rafael Nadal em 2013, o ATP 250 de Viña del Mar não terá um elenco tão forte neste ano, mas contará pela primeira vez com três jogadores do top 20: os espanhóis Nicolás Almagro e Tommy Robredo e o italiano Fabio Fognini. A chave não conta com brasileiros inscritos diretamente.

O torneio começa no dia 3 de fevereiro e seu "corte" ficou no austríaco Andreas Haider-Maurer, 112º do mundo. Além de Almagro e Robredo, a Espanha será representada por Pablo Carreño Busta, Guillermo García-López, Daniel Gimeno, Albert Montañés e Albert Ramos.

A Itália terá Fognini, Paolo Lorenzi e Filippo Volandri e a Argentina contará com Federico Delbonis, Horacio Zeballos e Leonardo Mayer. A Colômbia levará seus dois principais jogadores, Santiago Giraldo e Alejandro Falla, e o Uruguai terá Pablo Cuevas. Número 34 do ranking, o francês Jeremy Chardy também marca presença.

Já o Chile precisou dos convites para ser representado. Os jovens Gonzalo Lama e Christian Garin foram contemplados com duas das três vagas escolhidas pela organização. "É o primeiro torneio sem Marcelo Ríos, Fernando González ou Nicolás Massú. É um novo tempo para o tênis chileno", disse Álvaro Fillol, diretor do torneio.

Há a possibilidade de González jogar o torneio de duplas com Garin. "Fernando e Christian podem jogar juntos nos Jogos Sul-Americanos de Santiago. Se acontecer, há a opção de jogarem em Viña, mas depende de uma reunião que faremos na próxima semana", completou Fillol.

Últimas notícias
Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva
ProSpin