fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Alexander Peya, Marc Lopez, Marcel Granollers, ATP FinalsCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Alexander Peya, Marc Lopez, Marcel Granollers, ATP FinalsCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Alexander Peya, Marc Lopez, Marcel Granollers, ATP Finalstênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/bruno_soares/1106_finals_combina_peya_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/bruno_soares/1106_finals_combina_peya_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | ATP Finals
De virada, Bruno e Peya se mantêm vivos no Finals
06/11/2013 às 17h55
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/bruno_soares/1106_finals_combina_peya_int.jpg" title="Bruno e Peya escaparam da eliminação precoce no Finals" />

Bruno e Peya escaparam da eliminação precoce no Finals

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Londres (Inglaterra) - Foi sofrido, mas o mineiro Bruno Soares se manteve vivo no ATP Finals. Ele e o parceiro austríaco Alexander Peya levaram um susto, saíram atrás dos espanhóis Marc López e Marcel Granollers, mas conseguiram a virada com e triunfaram com placar final de 3/6, 6/4 e 10-5, depois de 1h27 de embate.

O drama para confirmar os serviços voltou a assolar o mineiro e o austríaco no primeiro set e a primeira quebra sofrida veio já no terceiro game. Eles conseguiram responder prontamente e igualaram o placar logo em seguida, mas acabaram cedendo outro break-point no sétimo game. Os espanhóis ainda conseguiram bater o serviço de Bruno e Peya uma vez mais, fechando a parcial como uma quebra.

Precisando vencer o segundo set não só para se manter viva na partida, como também no torneio, a dupla austro-mineira tratou de melhorar o aproveitamento nos serviços. Eles se salvaram nos três break-points que enfrentaram contra e, em contrapartida, aproveitaram uma das seis oportunidades de quebra que tiveram a favor, no quinto game, para empatar o confronto.

A definição foi para um tenso match-tiebreak, no qual Bruno e Alex jogavam a vida no torneio. Os dois não seguraram a tensão e dominaram o desempate final, vencendo cinco dos oito pontos com o saque e cinco dos sete pontos em que estavam na devolução para anotar 10-5 no placar e faturar o jogo.

Na última rodada, Bruno e Peya medem forças com outra dupla 100% espanhola, os compatriota Fernando Verdasco e David Marrero, que venceram seus dois primeiros embates e já estão garantidos nas semifinais. Um triunfo em sets diretos do mineiro e do austríaco os asseguram na próxima fase independente do resultado do outro jogo, entre Granollers/López e Leander Paes/Radek Stepanek.

Últimas notícias
Comentários