fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Mikhail Youzhny, Dmitry Tursunov, Edouard Roger-Vasselin, Vasek Pospisil, rankingCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Mikhail Youzhny, Dmitry Tursunov, Edouard Roger-Vasselin, Vasek Pospisil, rankingCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Mikhail Youzhny, Dmitry Tursunov, Edouard Roger-Vasselin, Vasek Pospisil, rankingtênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/youzhny/1027_valencia_trofeu_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/youzhny/1027_valencia_trofeu_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Título em Valência impulsiona Youzhny no ranking
28/10/2013 às 08h26
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/youzhny/1027_valencia_trofeu_int.jpg" title="Youzhny conquistou o 10º troféu de sua carreira" />

Youzhny conquistou o 10º troféu de sua carreira

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Miami (EUA) - Campeão do ATP 500 de Valência no último domingo, o russo Mikhail Youzhny conseguiu também uma boa subida no ranking. Além do troféu, a conquista lhe rendeu uma ascensão de seis colocações na lista, passando do 23º lugar para o 15º, o melhor em mais de dois anos.

Entretanto, esta não é sua mais alta posição no ranking, tendo já atingido o oitavo posto em janeiro de 2008. Youzhny não foi o único russo a se dar bem com a pontuação obtida no torneio espanhol da semana passada. Sua vítima na semifinal, o compatriota Dmitry Tusronov também melhorou sua colocação na ATP, saltando nove lugares e indo para o 30º.

Boa subida deu também o canadense Vasek Pospisil, que foi às semifinais na Basileia e com isso ganhou oito colocações, aparecendo agora no 32º lugar, o mais alto de sua carreira até então. Também semifinalista na Suíça, o francês Edouard Roger-Vasselin disparou, subiu 17 lugares e agora é o 48º do mundo, também a melhor posição da carreira.

Na contramão, o ucraniano Alexandr Dolgopolov amargou a pior queda entre os top 100, perdeu 21 lugares e aparece no 59º posto. No ano passado, ele havia ficado com o vice-campeonato em Valência, mas na atual temporada sua opção foi tentar somar pontos na Basileia, onde sequer passou da segunda rodada.

O top 10 não teve uma alteração sequer, com o espanhol Rafael Nadal seguindo firme na liderança, mas com vantagem de 550 pontos para o sérvio Novak Djokovic. Mesmo não tendo defendido o título em Valência, o espanhol David Ferrer segue em terceiro, mas tem a colocação ameaçada por Andy Murray, já que nesta semana novamente defende uma conquista, desta vez a de Paris.

Mesmo afastado das quadras, Murray tem grandes chances de voltar a ser o terceiro melhor do mundo na próxima semana. O britânico precisa apenas que Ferrer não chegue até a final para ultrapassá-lo no ranking. Além deles, completam a lista dos 10 melhores o argentino Juan Martin del Potro (5º), o  suíço Roger Federer (6º), o tcheco Tomas Berdych (7º), o suíço Stanislas Wawrinka (8º), e os franceses Jo-Wilfried Tsonga (9º) e Richard Gasquet (10º).

Últimas notícias
Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva
ProSpin