fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Sam Querrey, Copa Davis, lesão, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Sam Querrey, Copa Davis, lesão, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Sam Querrey, Copa Davis, lesão, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/djokovic/0407_davis_caindo_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/djokovic/0407_davis_caindo_int.jpg" />
Notícias | Copa Davis
Djokovic passará por exame para avaliar a lesão
07/04/2013 às 23h33
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/djokovic/0407_davis_caindo_int.jpg" title="Djokovic está preocupado com presença em Monte Carlo" />

Djokovic está preocupado com presença em Monte Carlo

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Boise (EUA) - O domingo não é só de festa para o sérvio Novak Djokovic, que bravamente superou as dores após uma torção no tornozelo logo no terceiro game contra o norte-americano Sam Querrey, derrotou o rival e sacramentou a vitória do seu time na Copa Davis. Apesar do triunfo, o número 1 do mundo terminou o jogo sentindo muitas dores no pé e terá que passar por exames para avaliar o grau da lesão.

"Lesões fazem parte do esporte e você tenta as evitar o quanto pode. A natureza desta lesão continua indeterminada", falou o sérvio, que espera conseguir se recuperar a tempo de disputar o Masters 1000 de Monte Carlo, daqui a uma semana. Para saber a gravidade da lesão Djokovic já tem agendado um exame de ressonância magnética logo que retornar à sua casa.

Pela maneira como torceu o tornozelo e por algumas declarações após a partida, as chances do sérvio jogar em Monte Carlo parecem ser pequenas. "Está inchado e um inchaço nunca é um bom sinal. Vou fazer tudo o que estiver ao meu alcance para me recuperar a tempo de disputar o torneio. O quanto isso será suficiente para eu estar em quadra lá eu não sei dizer", pontuou o líder do ranking.

"Uma hora depois da partida, posso afirmar que não está nada bom", acrescentou o sérvio. Ele já declarado que se manteve em quadra muito em função de estar defendendo as cores de seu país e de ter um time o apoiando em quadra. "Não fosse isso, não sei se seguiria em quadra. Era uma grande responsabilidade", disse.

Djokovic ainda lamentou que a lesão no tornozelo não poderia acontecer em momento mais inapropriado, logo no terceiro game da partida, forçando o sérvio a jogar quase todo o tempo com dores no local. "Não poderia ter vindo em momento pior, logo depois do começo da partida. Sentia dor em cada movimento nos primeiros 30 minutos", falou o número 1 do mundo.

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series