fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Angelique Kerber, Maria Kirilenko, Lauren Davis, Urszula Radwanska, MonterreyCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Angelique Kerber, Maria Kirilenko, Lauren Davis, Urszula Radwanska, MonterreyCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Angelique Kerber, Maria Kirilenko, Lauren Davis, Urszula Radwanska, Monterreytênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/kirilenko/0404_monterrey_rebate_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/kirilenko/0404_monterrey_rebate_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Kerber e Kirilenko sofrem, mas avançam no México
05/04/2013 às 10h28
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/kirilenko/0404_monterrey_rebate_int.jpg" title="Kirilenko é a cabeça de chave número 3 em Monterrey" />

Kirilenko é a cabeça de chave número 3 em Monterrey

Foto: Site oficial
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Monterrey (México) - A quinta-feira no WTA de Monterrey foi de pouca movimentação, com apenas três partidas de simples. Em duas delas houve favoritas em ação e em ambas elas confirmaram suas respectivas condições. Só que a alemã Angelique Kerber e a russa Maria Kirilenko não tiveram moleza para avançar e só concretizaram as vitórias em três sets.

Principal candidata ao título, Kerber mediu forças com a quali russa Alla Kudryavtseva, que equilibrou os dois primeiros sets e só deu um pouco mais de folga no placar na terceira parcial, caindo com placar final de 6/4, 4/6 e 6/2. A próxima rival da germânica será a japonesa Ayumi Morita, oitava pré-classificada.

Kirilenko também teve como oponente uma atleta vinda do quali, a sérvia Jovana Jaksic, que apesar do "pneu" levado no primeiro set, se recuperou na partida e venceu o segundo, levando a definição para o terceiro. Só que no momento decisivo, a musa russa fez valer o favoritismo de cabeça de chave número 3 e sacramentou o triunfo com parciais de 6/0, 4/6 e 6/1.

Nas quartas de final, a russa vai medir forças com a polonesa Urszula Radwanska, irmã caçula da número 4 do mundo Agnieszka Radwanska e sétima pré-classificada em Monterrey. Apesar da maior experiência e do melhor ranking, Kirilenko leva a pior contra a polonesa de 22 anos, que venceu dois dos três confrontos que tiveram até então pelo circuito.

Outro jogo que movimentou a quinta-feira no torneio mexicano envolveu as norte-americanas Lauren Davis e Coco Vandeweghe, com vitória da primeira em parciais de 6/4 e 7/6 (10-8). Agora, Davis vai encarar a russa Anastasia Pavlyuchenkova, que tem um bom histórico na competição, tendo já triunfado duas vezes em Monterrey, nos anos de 2010 e 2011.

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
ProSpin
Loja genérico