fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thiago Alves, Julio Silva, Leonardo Kirche, Porto Alegre, ChallengerCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thiago Alves, Julio Silva, Leonardo Kirche, Porto Alegre, ChallengerCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thiago Alves, Julio Silva, Leonardo Kirche, Porto Alegre, Challengertênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2012/thiago_alves/0918_campinas_saca_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2012/thiago_alves/0918_campinas_saca_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Alves, Julinho e Kirche param nas quartas no Sul
26/10/2012 às 16h57
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2012/thiago_alves/0918_campinas_saca_int.jpg" title="Thiago era o cabeça de chave número 6 do torneio" />

Thiago era o cabeça de chave número 6 do torneio

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d

Porto Alegre (RS) - Os três brasileiros que seguiam vivos no challenger de Porto Alegre não passaram das quartas de final e foram todos derrotados nesta sexta-feira. Destaque para o paulista Thiago Alves, cabeça de chave número 6, que chegou a ter vantagem sobre o espanhol Ruben Ramirez Hidalgo, mas levou a virada, com parciais de 4/6, 7/5 e 6/4, em 2h53 de jogo.

Quem também se despediu após longa batalha de três sets foi o paulista Leonardo Kirche, superado pelo holandês Thomas Schoorel após duelaram por pouco mais de três horas, com parciais de 6/4, 5/7 e 6/3. O paulista Júlio Silva foi mais um que acabou eliminado no saibro gaúcho, com derrota frente ao alemão Simon Greul em sets diretos, com 6/2 e 6/3.

Principal favorito na competição, o algoz de Alves espera agora pelo vencedor do confronto envolvendo o português Gastão Elias e o norte-americano Wayne Odesnik. Já os responsáveis pela eliminação dos outros dois brasileiros, Schoorel e Greul medem forças na outra semifinal.

Apesar da fraca apresentação dos atletas nacionais na chave de simples, nas duplas o Brasil garantiu uma parceria 100% nacional na decisão. Campeões na semana passada no Rio de Janeiro e cabeças de chave número 2 no torneio, o paulista João "Feijão" Souza e o gaúcho Marcelo Demoliner encaram na semi Kirche e o gaúcho Guilherme Clezar.

Do outro lado, Greul se junta ao italiano Alessandro Motti para encarar a dupla formada pelo eslovaco Pavol Cervenak e pelo alemão Alexander Satschko para o duelo que vale a outra vaga na decisão do challenger gaúcho, que distrbui premiação de US$ 350 mil e rende 80 pontos no ranking para os vencedores.

Últimas notícias
Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva
ProSpin