fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Copa Guga Kuerten, Florianopolis , Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Copa Guga Kuerten, Florianopolis , Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Copa Guga Kuerten, Florianopolis , tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2012/juvenis_brasileiros/marcelo_zormann_floripa_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2012/juvenis_brasileiros/marcelo_zormann_floripa_int.jpg" />
Notícias | Outros
Copa Guga Kuerten define campeões no domingo
20/10/2012 às 20h35
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2012/juvenis_brasileiros/marcelo_zormann_floripa_int.jpg" title="Zormann decide os 18 anos contra Orlandinho Luz" />

Zormann decide os 18 anos contra Orlandinho Luz

Foto: Fernando Willadino/Divulgação
fiogf49gjkf0d

Florianópolis (SC) - Atleta do Instituto Larri Passos e disputando pelo segundo ano seguido a Copa Guga Kuerten, a carioca Ingrid Martins será o Brasil na final dos 18 anos, no Jurerê Sports Center. Neste sábado, ela derrotou a paulista Leticia Vidal, por 6/3, 6/7 (4-7) e 6/4, e alcançou decisão inédita na carreira. Sua adversária será a portuguesa radicada há sete meses no Rio de Janeiro, onde treina na equipe Tennis Route, Ivone Alvaro, que levou a melhor sobre a colombiana Maria Perez, por 6/1 e 6/2.

Pela primeira vez jogando a competição promovida pelo tricampeão de Roland Garros, Ivone é só elogios à Copa Guga. "A infra-estrutura e a organização são muito boas, bem parecidas com os torneios que temos na Europa. Estou num nível bom e, agora, é esperar a final", disse a portuguesa. Se Ivone - que ainda não perdeu sets no torneio - segue sem maiores problemas, Ingrid chegou a desperdiçar um match point sacando em 5 a 4 contra Letícia.  "Foi um jogo muito duro, cansei bastante, perdi algumas chances no segundo set, mas consegui virar de 40-0 e levar para o tiebreak", analisou Ingrid, que está feliz da vida com a primeira final em Jurerê Internacional.

Já a final masculina dos 18 anos da Copa Guga será entre o gaúcho Orlando Luz e o paulista Marcelo Zormann, que derrotaram, respectivamente, Osni Jr., por 6/3 e 6/1, e o curitibano Marcelo Tebet Filho, por 6/3, 6/7 e 6/4. "Foi uma partida bem dura, o placar não mostrou o que foi o jogo. Amanhã será difícil também", disse Orlandinho, que, na primeira edição da Copa Guga, em 2009, foi campeão nas simples e duplas dos 12 anos.

As semifinais dos 16 anos também foram emocionantes. Principalmente a vitória do paranaense Gabriel Sidney, por 6/7, 6/3 e 6/3 sobre o paraguaio Alex Paredes, em partida que durou mais de duas horas. O título será decidido justamente contra o principal cabeça de chave e parceiro do curitibano nas duplas: o baiano José Evaldo Neto, que venceu o santista João da Silva por 6/4, 3/6 e 6/1. Entre as meninas., a paulista radicada no Rio Juliana Cardozo e a paulistana Sophia Chow duelam. A primeira venceu a catarinense Bruna Silva, por 6/3 e 6/2, e a segunda levou a melhor sobre a uruguaia Florencia Rossi, por 6/0 e 6/2.

Últimas notícias
Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva
ProSpin