fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Rogerio Silva, Ricardo Hocevar, Paul Capdeville, Guido Andreozzi, San JuanCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Rogerio Silva, Ricardo Hocevar, Paul Capdeville, Guido Andreozzi, San JuanCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Rogerio Silva, Ricardo Hocevar, Paul Capdeville, Guido Andreozzi, San Juantênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2012/rogerio_silva/0528_rg_saca_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2012/rogerio_silva/0528_rg_saca_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Rogerinho vence com tranquilidade na Argentina
09/10/2012 às 17h30
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2012/rogerio_silva/0528_rg_saca_int.jpg" title="Rogerinho anotou seis quebras sobre o chileno" />

Rogerinho anotou seis quebras sobre o chileno

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d

San Juan (Argentina) - A estreia do paulista Rogério Silva no challenger de San Juan não poderia ter sido mais tranquila. Nesta terça-feira, o cabeça de chave número 6 abriu sua campanha no torneio com uma vitória arrasadora para cima do chileno Paul Capdeville em sets diretos, parciais de 6/2 e 6/2, em 1h15 de confronto.

O começo de jogo de Rogerinho foi arrasador. Ele anotou três quebras seguidas e chegou a sacar em 5/0 para fechar o primeiro set, mas Capdeville conseguiu uma reação momentânea, devolveu uma das quebras e confirmou o serviço pela primeira vez em seguida. Na segunda oportunidade de fechar, o paulista não vacilou e selou a parcial.

Rogerinho manteve o embalo e repetiu a história no segundo set, no qual voltou a conquistar uma sequência de três quebras, sacando em 5/0. Só que desta vez, ele não deu oportunidades ao chileno, confirmou o saque e concretizou o "pneu" sobre Capdeville, que vencera o único duelo entre os dois até então, em um future em 2003.

Na próxima rodada, o número 3 do Brasil terá pela frente o algoz do compatriota Ricardo Hocevar, o local Guido Andreozzi. Jogando em casa, o argentino acabou com a festa do paulista que vinha embalado pelo título conquistado em Belém, seu primeiro troféu deste nível, na semana passada, mas foi derrotado na estreia, com duplo 6/4 para o rival argentino.

Atual 129 do mundo, Rogerinho foi semifinalista na última semana em Belém e tenta somar importantes pontos no ranking para brigar pela volta ao top 100, onde figurou por apenas uma semana, no final de julho deste ano. Sua melhor campanha em 2012 aconteceu na Cidade do Panamá, conquistando o título do challenger local.

Últimas notícias
Comentários
Loja - livros
Suzana Silva
ProSpin