TenisBrasil - Tenis.Com Chiquinho
Partiu … #rioopen
Por Chiquinho Leite Moreira
fevereiro 14, 2016 às 9:02 pm

A participação de Rafael Nadal e cia no Rio Open abre uma grande expectativa para o Torneio Olímpico do Rio 2016. Não que o ATP jogado no saibro do belo Jockey Club seja uma preparação técnica, mas sim pelo bom ambiente criado na Cidade Maravilhosa. Se o nove vezes campeão de Roland Garros enfrentou a ameaça do zica vírus, em pleno verão carioca, é de se esperar que as grandes estrelas como Roger Federer, Novak Djokovic, Serena Williams, Maria Sharapova também devam olhar para a frente e concorrer a uma medalha em agosto.

Nadal e cia chegam ao Rio cheios de disposição e curtindo o mais prazeroso estilo de vida brasileiro. Não que o problema do aedes aegypti não seja grande. É monstruoso. Mas com os devidos cuidados, o tenista espanhol e tanto outros astros do Rio Open deixam claro que a vida continua. Oxalá ninguém tenha problemas … Todos devem estar atentos às precauções, em especial, as autoridades no combate a esta ameaça aos Jogos do Rio.

O sucesso do Rio Open servirá como mensagem ao planeta. Um evento desta grandiosidade em ano olímpico irá refletir em importantes decisões de diversas modalidades esportivas. Não tenho dúvidas de que os olhos de comitês de todo mundo estão focados no que irá acontecer nestes próximos dias.

Os desafios são muitos e o Rio Open resolbeu enfrentá-los com força e determinação. As ações promocionais não foram esquecidas. Uma das mais marcantes está na visita do grandalhão americano John Isner à favela da Rocinha e a escolinha de tênis de Fabiano de Paula. Posou para fotos, curtiu a comunidade e coloca o tênis na vida de todos.

O espelho de que se pode ter vida em meio aos problemas de segurança apareceu no passeio de Teliana Pereira ao lado de Sorana Cirstea, Chris McHale e Danka Kovinic pela praia de Ipanema. Volto a repetir, não que a preocupação não seja grande, mas é preciso tocar a vida, ainda mais nesta paisagem soberana brasileira. É importante não deixar as ameaças tomarem conta de nossas vidas. Não podemos nos render. É claro que devemos estar atentos, mas o Rio Open tem de ser disputado e a Olimpíada do Rio está aí.

Tenho um amigo – Acho que ele não vai se ofender se defini-lo assim – Rafael Navarro. Ele costuma dizer que ‘a vida é muita curta para não se morar no Rio’. Não tenho essa benção, mas como visitante recebo agora o prazer de reviver o bom clima carioca. De 1976 até a Copa da Argentina em 1978 vivi no Rio, cobrindo a Selação Brasileira de Cláudio Coutinho, que tinha assumido o lugar de Oswaldo Brandão. Enfim, deixa esta conversa para os mais velhos…. olhando pra frente o mundo olímpico também pode ter este prazer da vida carioca.

Olha como isso é fascinante. Francesca Schiavone, a dramática italiana campeã de Roland Garros, desembarcou no Rio e postou logo de cara o café da manhã.  “Muitas frutas”, dizia ela revelando uma foto com mamão, banana e outras tropicalidades.

Até mesmo o sisudo Thomaz Bellucci rendeu-se aos encantos. Levou John Isner e Jack Sock para um dos cartões postais da cidade. Isso mostra que o clima carioca é mais do que generoso… é milagroso.


Comentários
  1. Altaisio dos Santos Paim

    Bom dia, Chiquinho! Tudo bem?
    Na sua opinião, Nadal ainda é o favorito par conquistar o torneio?
    Francamente, qual o seu palpite par Bellucci vs Dolgopolov? Acho que o Brasileiro perde na estreia. Esse não é o meu desejo, mas o Bellucci oscila demais.
    Abraço.

    Responder
    1. Chiquinho Leite Moreira

      Nadal deve estar sempre entre os favoritos… ainda mais no saibro. O Bellucci tem sim tênis para superar Dolgopolov. Só depende dele.

      Responder
  2. Marcelo Franco

    Amigo, o JCB é lindo e vem fazendo um ótimo trabalho em colocar o Rio de Janeiro no mundo do Tênis.
    Você tem razão. Não há mosquito que impeça a cidade de promover eventos fantásticos. Mas eles não são para os covardes.
    Com relação a frase acima, BEM VNDO AO RIO.
    Mesmo paulista, amo morar aqui.
    Abs.

    Responder
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Comentário

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>