Fonseca consegue vaga no juvenil de Wimbledon
Por Mario Sérgio Cruz
junho 23, 2022 às 1:45 am

 

João Fonseca conseguiu a vaga direta após atualização da lista de inscritos

João Fonseca conseguiu a vaga direta após atualização da lista de inscritos (Foto Marcello Zambrana/CBT)

Depois de fazer boa campanha em Roland Garros, onde chegou à terceira rodada, João Fonseca garantiu vaga direta na chave principal do torneio juvenil de Wimbledon, que acontece entre os dias 2 e 10 de julho.

Fonseca, carioca de 15 anos, é o atual 56º colocado no ranking mundial juvenil e na lista atualizada de inscritos, divulgada nesta quarta-feira, já aparece com a última vaga direta na chave principal. O próximo da lista é o argentino Juan Manuel La Serna, 57º do mundo.

O francês Gabriel Debru, campeão de Roland Garros e número 3 do mundo deverá ser o principal cabeça de chave em Londres, seguido pelo tcheco Jakub Mensik e pelo croata Mili Poljicak.

No feminino, a lista é liderada pela belga Sofia Costoulas, terceira do ranking juvenil, seguida pelas irmãs tchecas Linda e Brenda Fruhvirtova. A última a entrar diretamente na chave é a suíça Chelsea Fontenel, 67ª do ranking.

O Brasil será representado pela jovem paulista Ana Candiotto, 119ª do ranking, que disputará o quali em Wimbledon. Candiotto disputou neste ano a chave principal do Australian Open juvenil e o quali em Roland Garros.

Categoria 14 anos é incluída
Uma novidade para a edição de 2022 de Wimbledon é a categoria 14 anos, incluída no programa a partir desta temporada. Os jogos serão entre os dias 7 e 10 de julho. A categoria já estava nos planos da organização do evento desde 2019 para que esses tenistas tenham oportunidade de jogar na grama ainda mais cedo.

Em maio, a Confederação Sul-Americana de Tênis (Cosat) e Confederação Brasileira de Tênis (CBT) promoveram um torneio oficial na grama na cidade de Bragança Paulista na categoria 14 anos. Os títulos ficaram com os argentinos Candela Vazquez e Dante Pagani, superando nas finais os compatriotas Sol Larraya e Benjamin Chelia. Todos os finalistas viajarão a Londres, com as despesas pagas pela Cosat e pela organização de Wimbledon, para a disputa de torneios na grama em sua categoria.


Comentários
    1. Mario Sérgio Cruz

      Se a gente pensar na potência do saque ou dos golpes que ele mostrou, pode até ser, mas é provavelmente uma das primeiras experiências na grama. Então demanda toda uma adaptação. Mas fico ansioso para vê-lo jogar numa quadra dura, por exemplo.

      Reply
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Comentário

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>