Número 1 juvenil vence 10 seguidas e fatura 2 títulos
Por Mario Sérgio Cruz
março 20, 2022 às 3:20 pm

A croata de 16 anos Petra Marcinko venceu dois títulos de ITF seguidos na Turquia (Foto: Jimmie48/WTA)

Depois de começar a temporada com o título do torneio juvenil do Australian Open, a croata de 16 anos Petra Marcinko faz um ótimo início de transição para o tênis profissional. A número 1 no ranking de sua categoria viajou à Turquia para disputar dois ITF W25 nas quadras de saibro de Antalya e ganhou os dois torneios.

Marcinko superou na final deste domingo a italiana Elisabetta Cocciaretto, 242ª do ranking e que já foi 108ª do mundo, com parciais de 1/6, 6/4 e 6/4 em 2h34. Com isso, ela marcou sua décima vitória seguida no tênis profissional. Foi também a segunda vez que ela venceu Cocciaretto, repetindo o resultado das quartas de final da semana passada.

A croata também bateu a chinesa Yafan Wang, 185ª colocada, além de ter batido a israelense Nicole Khirin, a espanhola Irene Burillo Escorihuela e a japonesa Naho Sato. Já na semana passada, derrotou a francesa Carole Monnet na final e também passou pela turca Ipek Oz, pela francesa Leolia Jeanjean e pela croata Tena Lukas.

Croata pode se aproximar do 400 lugar do ranking
Até então, os melhores resultados de Marcinko no circuito eram duas semifinais de ITF W15. Ela aparece atualmente apenas no 928º lugar do ranking profissional, mas com os 100 pontos das duas últimas semanas, 50 de cada torneio, deverá se aproximar das 400 melhores do mundo quando todos os pontos forem computados.

E como juvenil, a atual número 1 defende uma invencibilidade de 12 vitórias, já que também venceu o tradicional Orange Bowl no fim do ano passado. Dessa forma, acumula 22 triunfos consecutivos nos dois circuitos.


Comentários
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Comentário

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>