Nossa nova rainha da grama
Por José Nilton Dalcim
17 de junho de 2022 às 18:52

Quem diria, o tênis brasileiro voltou a ter uma jogadora de respeito sobre a grama, algo que não acontecia desde os sete troféus de Grand Slam de Maria Esther Bueno. É bem verdade que o piso natural do esporte beirou a extinção a partir da metade dos anos 1970 e hoje o calendário de primeira linha não tem mais do que oito torneios sobre a superfície, que se torna assim um tremendo desafio para qualquer profissional.

Beatriz Haddad Maia se achou na grama e esse sucesso tem muito a ver com a melhoria de sua movimentação, algo essencial no difícil piso. O fato de ser canhota ajuda muito e ela tem sabido explorar isso com o saque. Aliás, por várias vezes nas duas últimas semanas pudemos vê-la forçar bem mais o primeiro serviço do que o habitual, o que também será um aliado quando a quadra dura voltar.

Confiante depois dos títulos em Nottingham, Bia fez três jogos incríveis em Birmingham. Dominou seu ‘espelho’ Petra Kvitova – a bicampeã de Wimbledon que sempre procurou copiar – com grande desenvoltura. Venceu uma partida que parecia perdida contra Magdalena Frech, uma máquina de devolver bolas, e certamente a sorte ajudou quando veio a suspensão no final do terceiro set.

Quando voltou com 2/4 atrás nesta sexta-feira, se impôs do começo ao fim, mesmo quando a polonesa sacou para o jogo. Por fim, viu a experiente Camila Giorgi mostrar as garras e não se abalou. Pouco a pouco, entrou no ritmo e ganhou 12 dos últimos 14 games da italiana, que já fez quartas em Wimbledon. Assombroso.

Mais campeã no caminho
A dureza continua. Outra campeã de Wimbledon, Simona Halep será neste sábado a 18ª adversária de nível top 20 que Bia irá enfrentar na carreira. Até agora, foram cinco vitórias, duas delas nesta notável temporada, ambas sobre Maria Sakkari (3 e 5 do ranking), As outras três vieram contra Karolina Pliskova (3, em 2011); Sloane Stephens, 4 em 2019; e Samantha Stosur, 19 em 2017.

A romena de ótima agilidade, golpes firmes mas segundo saque muito atacável já cruzou o caminho da brasileira outras duas vezes. A primeira foi sobre a grama de Wimbledon, há cinco anos, e o placar foi equilibrado, 7/5 e 6/3. Já no Australian Open de cinco meses atrás, Halep marcou fáceis 6/2 e 6/0.

Com as ótimas atuações em Nottingham e Birmingham, nossa canhota de 26 anos tem agora 15 vitórias em 42 duelos diante de adversárias de nível top 50. Nesta temporada, foram 6 em 14 e Giorgi, 26ª na lista desta semana, foi a segunda de mais alta classificação.

Por falar em ranking, já é possível para Bia sonhar em aparecer como número 30 na segunda-feira. A única barreira para isso é outra romena, Sorana Cirstea, que faz a segunda semi em Birmingham contra Shuai Zhang. A brasileira garante o posto se Cirstea perder neste sábado ou se ambas forem à final, mas aí a campeã levará a melhor. Cirstea já foi 21ª.

Algo bem importante de se observar é que Bia ocupa neste momento o 29º posto no ranking feminino da temporada, com 846 pontos marcados desde janeiro. Com esse total, ela certamente terminará o ano pelo menos entre as 80, o que significa que seu lugar no Australian Open já está garantido. O tênis brasileiro agradece.

Nadal faz as malas
Outra grande notícia desta sexta-feira foi a decisão de Rafael Nadal em viajar segunda-feira para Londres, seguir firme nos treinos e disputar ao menos duas partidas de exibição no Hurlingham Club. Não é exatamente um torneio, mas sim uma porção de jogos. E a lista de participantes está nobre, com Novak Djokovic, Casper Ruud, Carlos Alcaraz e Felix Aliassime. Não se sabe ainda quem testará o campeão da Austrália e de Roland Garros, que não joga um torneio na grama há três anos.

Na entrevista que deu, Rafa conta que as dores não desapareceram, mas estão muito menores. Ele estranhou a falta de sensibilidade no pé esquerdo, porém diz estar se adaptando. O espanhol não quis garantir sua presença em Wimbledon, preferiu afirmar que ‘vai tentar jogar’ e que tudo depende da evolução do tratamento feito com pulsos de radiofrequência.

E mais

  • Ainda é tempo de destacar: com a queda de Djokovic para o terceiro lugar do ranking na segunda-feira, não há qualquer representante do Big 4 entre os dois líderes do ranking pela primeira vez desde 2003.
  • Isso também levará a um fato histórico: será a primeira vez que Wimbledon não terá os dois ponteiros do ranking desde 1974 (o sistema foi criado em agosto de 1973, portando depois do torneio daquele ano).
  • Serena Williams enfim voltará às quadras. Ganhou convite para jogar Eastbourne e Wimbledon, que foi exatamente seu último torneio. Não se sabe quais condições físicas ou técnicas da norte-americana, mas não duvidem que ela jogará na Central, que está comemorando 100 anos de mudança de sede.
  • A ATP soltou o calendário de 2023 e cumpriu a ideia de esticar para 12 dias os Masters de Madri, Roma e Xangai, subindo as chaves para 96 participantes, o que também acontecerá com Canadá e Cincinnati em 2025. A WTA ainda não se pronunciou.
  • Havia a promessa que a ATP liberaria eventos 250 na segunda semana dos Masters para não prejudicar os jogadores de ranking mais próximo do 100, mas pelo menos em 2023 isso não vai acontecer.
  • Uma boa e uma má notícia para Thiago Wild. Ele entrou no quali de Wimbledon, mas o Ministério Público o denunciou por violência doméstica e psicológica contra a ex-namorada Thayane Lima. Ele não cumpriu decisão judicial de pagar pensão e corre risco de pedido de prisão.

Comentários
  1. JONY MARCIO SANTOS

    Dalcim, todos sabemos da sua paixão por esse esporte magnífico e que há muito tempo você acompanha o circuito. Vou te fazer uma pergunta. Caso mantenha esse nível fantástico e essa crescente, vc não concorda que, contando-se apenas a partir da criação oficial do ranking da WTA, a Bia poderá se tornar um dos maiores nomes do tênis feminino sul americano até o momento, quiçá ser considerada uma das 3 melhores da América Latina? Todos nós que acompanhamos o tênis no final dos anos 80 e início dos 90 sabemos que alcançar a grande Gabriela Sabatini é uma tarefa das mais difíceis, afinal a argentina foi um dos grandes nomes do esporte de todos os tempos (alcançar uma semi de Roland Garros com apenas 15 anos e 3 semanas é um feito que apenas um fenômeno como ela poderia conseguir). Talvez não seja uma tarefa facil também chegar no nível da Paola Suarez, que chegou a ser 9 do mundo, teve campanhas de destaque em vários Slams, além de uma carreira brilhante nas duplas. Mas a partir daí acredito que já seja uma posição bem legal e plausível pra Bia atingir. Lembro que tivemos muitas argentinas de grande destaque e que chegaram numa posição entre 15 e 30 do mundo (Fulco, Tarabini, Mercedez Paz, Dulko e outras), além da excelente colombiana Fabiola Zuluaga, que chegou a 16 do mundo, venceu 5 torneios da WTA e foi semi na Australia em 2004. Torcemos muito pra Bia e acredito sim que ela possa manter essa crescente e atingir um nivel igual ou até melhor que essas últimas citadas. Lembrando sempre que esse levantamento seria a partir da criação do ranking oficial da WTA, pois antes disso a comparação com nossa Maria Esther Bueno seria muito difícil para qualquer tenista.

    1. José Nilton Dalcim

      Ótimas colocações e lembranças, Jony. Realmente, são patamares bem altos para se atingir e o circuito feminino de hoje está muito competitivo. Nas sou otimista e acho que é possível, sim. Ela tem muita determinação e adora trabalhar.

  2. SANDRO

    Vocês me permitem ver BIA, IGA e ONS JABEUR como favoritas em Wimbledon??? Só gostaria que Bia não cruzasse com IGA ou ONS JABEUR nas primeiras rodadas… Quem sabe numa semifinal ou final??? Sonhar não custa nada… Vamos Bia !!!

  3. Maurício Luís *

    No meu entender, esta atitude meio que inócua da ATP de tirar os pontos de Wimbledon vai é nivelar os tenistas por baixo. Quem tinha muitos pontos a defender vai despencar na tabela, e quem parou nas primeiras rodadas ano passado vai ficar na mesma. Que baderna. Virou a casa da mãe Joana. Política interferindo no esporte é o ó.
    Até parece que o Putin tá se lixando pra isso.

  4. Luiz Fernando

    Dalcim, creio q vc, como a imensa maioria dos q apreciam tênis, não esperava essa campanha da Bia na grama? Como explicar esse momento e nesse piso? Sempre a achei agressiva e com bom serviço, detalhes q auxiliam muito no piso citado, mas a evolução dela foi muito inesperada? Creio q a tendencia é q com o aumento da confiança jogue melhor nos demais pisos a partir de agora, o q vc acha?

    1. José Nilton Dalcim

      Como eu escrevi no post mais recente, ela tem um estilo que encaixa na grama e de repente tudo aconteceu. Conforme você vence, a confiança aumenta e, se você tem qualidade como é o caso dela, começam a aparecer os resultados. Mas é certo que o físico melhorou muito. E sim, acho que ela pode transferir isso para a quadra dura.

      1. PIETER

        Sugiro a participação, sempre brilhante e oportuna, da querida Patrícia Medrado. Entende como poucos de tênis feminino.

  5. Willian Rodrigues

    Bia Haddad está demais!!
    Dois títulos desse nível em sequência? E na grama?
    Vitórias pra cima de Kivitova e Halep?
    Não tinha essa sensação desde a era Guga…
    Vale a torcida para Wimbledon!

  6. Paulo Almeida

    Grande Bia de novo! Deve ir muito longe em Wimbledon!

    Enquanto isso, os craques da grama Berrettini e Hurkacz provaram que equivalem a 3 Philippoussis + 2 Roddicks cada um. Vem aí mais um Major parrudaço!

    1. Sérgio Ribeiro

      Não devia mas vou te ajudar , desinformadissimo, Piloto. mark “ Scud “ Philippoussis chegou a FINAL de WIMBLEDON 2003 tirando nada mais do que André Agassi ( acabado de vencer o AOPEN 2003 ) em duríssimos 5 Sets , e o dono da casa Tim Hemnan, em Quatro Sets também apertados . Fez Semi com Grosjean , devido ao Francês ter tirado Nalbandian. Do outro lado Federer barrou na Semi Roddick, que venceu a seguir o USOPEN 2003 se tornando N 1 do Mundo . Para de estorinhas que tem crianças na Sala kkkkkk. Abs!

  7. Luiz Fernando

    Agora com mais calma, a vitoria da Bia significa muito, não apenas em relação ao ranking, mas acima de tudo pela confiança, fortalecida por uma excelente parte física (a chinesa pex não aguentou), uma ótima parte técnica e um mental forte, pois jogar partidas no mesmo dia não é p qualquer um. Vai muito forte p W, e no final de tudo… não custa sonhar…

  8. Maurício Luís *

    Meu Deus… A Bia Maia está vivendo mais que uma boa fase, é um conto de fadas sobre a grama inglesa! Agora sim, seu ranking faz juz à qualidade do seu jogo. Segunda melhor brasileira de todos os tempos, só atrás da Estherzinha. Deixou pra trás a baloeira Niege Dias, que foi 31 na década de 80.
    Outro fato “inusitado”: Bellucci voltou e ganhou o jogo. Vai dar um tsunami aqui na minha cidade… e olha que nem mar tem. Felizmente, o Dalcim se enganou. Ele não se aposentou. Mas acho que ele deveria investir na carreira de duplista.

  9. Luiz Fernando

    Como sempre os principais expoentes da eterna nextgen mostrando a q vieram. O número um do mundo kkkkkk… deixa o lá, não fará falta em W. Berrettini q sempre jogou bem nesse piso pode incomodar qualquer um, tomara q caia na chave do Djoko…

  10. Luiz Fernando

    Parabéns Bia, q companha espetacular na grama, creio q poucos esperavam por isso. E q continua, W está aí…

    1. José Nilton Dalcim

      Olha, ele foi semi no ano passado e neste Halle ganhou com autoridade do Aliassime, Kyrgios e Medvedev. Vai ser cabeça 7 e portanto acho justo colocá-lo nessa faixa, sim, Ruy.

  11. Barocos

    Que grande fase da Bia!

    Comparando a sua silhueta atual com algumas fotos mais antigas, e claro, posso estar enganado, me parece que ela está na melhor forma física de sua carreira, com os músculos desenvolvidos na medida “certa” e o índice de massa corporal bem próximo do ideal. Torcendo muito para que ela continue evoluindo na parte técnica e se mantenha saudável.

    Dalcim, se a Bia continuar neste caminho, qual a posição no ranking você acredita que ela possa atingir?

    Saúde e paz.

    1. José Nilton Dalcim

      Sempre muito difícil de avaliar essas situações, André. Agora ela chamou a atenção do circuito e as meninas a verão com mais respeito, mas ao mesmo tempo com mais vontade de vencer e com o jogo da Bia mais bem estudado. Como sempre disse, o fato de ela gostar e jogar bem na quadra dura é o que lhe dá chance de pensar no top 20.

  12. SANDRO

    Considero que das TOP atuais, Bia teria mais dificuldades de vencer Iga Swiatek e Ons Jabeur… As demais são bem vencíveis para a Bia… Creio que se não cruzar antecipadamente com Iga ou Ons Jabeur, Bia pode ir muito longe em Wimbledon!!!

  13. Sérgio Ribeiro

    O Post não deixa dúvidas que a GRAMA traiçoeira , ao contrário do que disse o Francês, é uma superfície muito mais complicada que o Saibro para TODOS , não somente pra Nadal. Teremos uma FINAL na rapidíssima Halle inesperada e com dois grandes Sacadores. Se repetir o jogo de rede contra Kyrgios, Hurkacz deve fazer o N 1 ter que se contentar com outro Vice na superfície. A conferir. Abs!

    1. SANDRO

      Desde quando uma final entre HURKACZ, que humilhou Roger FREGUÊSer na grama de Wimbledon, e Medvedev, ambos tenistas TOP, é uma final inesperada??? Aumenta, mas não inventa, fica feio!
      Como vc distorce as coisas e se contradiz… A GRAMA é muito mais fácil de jogar pra quem se baseia no SAQUE FORÇADO, pra quem joga o SAQUEBOL, om mais ACES, menos trocas de bola, mais na base da força do que da técnica.
      O saibro é muito mais difícil do que a grama, pois não basta força bruta, não basta sacar forte, o jogador tem que ser completo técnica, física e mentalmente!!!
      Roland Garros continua sendo o torneio de tênis mais difícil das Galáxias!!!

      1. Sérgio Ribeiro

        Cara , deixe de ser estupido e não se dirija mais a minha pessoa . Vá procurar tua Turma !!! . Abs!

  14. Sérgio Ribeiro

    E as gatinhas Belinda Bencic e Beatriz Haddad Maia, chegam juntas a mais uma FINAL na Grama e no mesmo final de semana . A primeira, treinada desde sempre pela mãe de Martina Hingis , também pega uma pedreira. Depois do Ouro Olímpico vem numa crescente e aprontou bela virada em 3 horas de jogo contra Sakkari. Enfrenta uma Jabeur cheia de variações num jogo , a meu ver , sem favoritas . Já Halep agora treinada desde abril por Mouratoglou ( com a anuência de Serena ), tem total favoritismo contra Bia . Não podemos esquecer que levou WIMBLEDON 2019 . Dito isso, sem nenhuma pressão, vou de Bia . E como dito no Post , atacando o segundo Serviço da Romena. Imperdível. Abs!

  15. Sérgio Ribeiro

    Dominic Thiem empolgado Treinando aos berros na Áustria . Os vizinhos chamaram a polícia e disseram que estavam ensaiando um filme Pornô ao lado. O rapaz teve que prestar esclarecimentos… Que fase !!! kkkkkkk . Fonte: Bola Amarela. Abs!

  16. Willian Rodrigues

    Temos que parabenizar a nossa Bia Haddad por toda a garra e evolução que apresentou desde que foi penalizada devido à suspeita de doping.
    A vitória sobre Kivitova, bicampeã na grama sagrada de WB, mesmo não estando em sua melhor fase é pra levantar a moral de qualquer uma.
    Espero que a Bia mantenha o foco e a intensidade na partida contra Halep, porque essa romena se defende demais e é muito resiliente.
    Obriga sempre a adversária a bater uma bola a mais e será necessária muita paciência.
    Na torcida por mais um título!

  17. Uedison Pereira

    Dalcin, primeiramente obrigado pelo blog. Quem ama tenis sabe. Mas petdoe-me oolocar aqui uma questão sobre o Thiago Wild. Mas por que ele está sendo levado à justiça ora pagar pensão à ex-namorada? Elo o que eu saiba pensão se paga à uma pessoa com quem alguém já esteve casado e não a um ex de poucos anos. Muitos cssais jovens brigam, que eu saiba. E se ele foi realmente agressivo com ela, que ele pague com prisão porque pelo o que as notícias e as cortes de nosso país tem demonstrado, mais parecem favorecer as marias trambiqueiras da vida. O que vejo é que ela viu um namoro do baú chegar ao fim e agora resolveu se vinjar. Isso mais parece vingança do que um caso de pensão por direito. Tive uma namorada dificil e nunca a levei a policia. Nao diria do contrário…. Precisamos repensar nossos comportamentos modernos ou nossa excência de ser humano minguará pelo ralo de nossos evil sentimentos. Abraço e reflexão a todos.

    1. José Nilton Dalcim

      Não sou especialista, mas os dois tinham uma ‘união estável’ e isso é registrado, portanto propõe obrigações e deveres já que existe um contrato formalizado e assinado de comum acordo. Claro que não sei o teor desse contrato, mas se um juiz determinou o pagamento é porque muito provavelmente havia cláusulas claras para isso.

      1. Luiz Fabriciano

        Está aí Dalcim, uma notícia dessas produz milhares de advogados e promotores pelos quatro cantos da internet.
        Mas saber o que realmente há dentro do processo, só para os envolvidos mesmo.

    1. SANDRO

      Hurkacz é o terror daqueles que “se acham a cereja do bolo”… Os super hiper ultra habilidosos, mas que sucumbem ao justiceiro Hurkacz!!!

  18. José Eustáquio Masculino Cruz

    Berretine vem forte para WB.o negócio é que tênis principalmente na Grama tu tens que ser sólido e muitas vezes pegar um sacador é complicado!Então vamos aguardar como irá ficar as chaves!aprendam na grama qualquer um pode ganhar de qualquer um e o inverso também!

  19. Luiz Fernando

    Agora vem a história q Rafa inventa a contusão q já o tirou de uma série de torneios. Está é a diferença entre as torcidas, vejam se alguém q torce p Rafa ou Djoko dúvida da gravidade da contusão do Federer, mas o recalque e o sofrimento crônicos ensandecem pessoas de cabecinha fraca…

  20. Luiz Fernando

    Complementando algo postado pelo Mário César no outro post, será q o Íon Tiriac entende de tênis? Talvez ele devesse se informar com alguns sabichões aqui do blog, q atribuem as vitórias do espanhol a doping ou esquemas. Mas esse Tiriac não deve saber o q fala, os sabichões daqui com certeza entendem mais do q ele kkk…

  21. João ando

    Com a desistência da Naomi a bela brasileira Laurinha pigossi entrou …que venha as vitórias em Wimbledon

  22. Maria Ranavalona de Imerina

    https://tenisbrasil.uol.com.br/noticias/97135/MP-denuncia-Wild-e-tenista-corre-risco-de-prisao/
    Thiago, Thiaguinho, Thiagão, Thiaguíssimo!!!!!!!!!!!!! O moço bonito, vistoso e rico q despertou raivinha d’uma mulher q talvez tenha sido posta para fora de casa (VIOLÊNCIA MORAL!!!), q cortou a tampa do mindinho em alguma lata de ervilha (VIOLÊNCIA DOMÉSTICA!!!) e q não quer mais trabalhar aos 20 anos (DIREITO A PENSÃO!!!!) quer um conselho meu anjo? Deixe as mulheres pq a Globo diz q isso está na moda. bjinhossss

  23. Carlo Wagem

    Agora vamos ao assunto do momento:

    GOAT:
    – Nadal em Londres, treinando, e com uma conversa fiada dizendo que “talvez jogue”. : – D
    – Mineirinho come quieto: Alguèm mais notou que Nadal apos vencer os dois primeiros GS do ano, na vdd ta quietinho no canto dele mas vislumbrando a possibiludade de vencer em Wim e abrir caminho para fechar o Grand Slam no mesmo ano?

    Eim esta esvaziado e o Djokovic nao se vacianrà, ou seja, Djoko fora do USOpen.

    Ja seria um feito e tanto se ele vencer um ultimo Wim e pular para 23 GS.

    Ha dois anos parecia tao certo que o papa numeros levaria todos os recordes existentes. Hoje ja nao tenho tanta certeza. Ne m os torcedores bestas do servio (corrigindo, desculpe: nem os torcedores da Bestia Servia), podem ter mais certeza de nada.

    Alias… como Wim nao da pontos e o Servio nao entrara em US, acredito que a possibilidade dele ficar de fora do Finals è bem real, o qye deve tirar alguns pontos adicionais.

    1. SANDRO

      Sô inveja e rancor, não é mesmo?
      Nadal e Djokovic pouco se importam com as suas invejas, afinal, eles tem condições de ganhar Big Titles e o Roger FREGUÊSer NÃO!!!
      Grandes coisas esse torneio ridículo de confraternização do Finals, Nadal e Djokovic estão atrás de Grand Slams e Masters Mil, deixa o Finals para os Dimitrovs que aparecerem por aí…

  24. Carlos V. Wagem de Melo Almeida

    Neste nivel de tenis que a brasileira esta apresentando nestas duas semanas e se for cabeça de chave, vai ser bem legal discutir as chances dela de ir longe em Wim apos o sorteio das chaves do feminino.

    Aparte a Iga, feminino è bem menos previsìvel que masculino.

  25. Gilvan

    Tenho visto os compactos dos jogos da Bia e, realmente, ela tem apresentado um tênis exuberante. Ofensivo, aproveitando duas armas, mas se defendendo bem, conseguindo contra-atacar, coisa que ela tinha dificuldade.
    Incrivelmente, vai entrar como uma das favoritas nas casas de apostas de Wimbledon.

  26. evaldo moreira

    Boa noite, boa madrugada
    Que belo texto informativo, e diruia que a Bia Haddad, é a nossa princesa sabe Dalcim, minha opniao.
    Que bom que ela está solta, mais confiante, saque firme, além de canhota, mas sou crítico contumaz, ainda cabe melhoras, ela tem capacidade técnica pra isso, e arrisco a dizer que, pelo menos nas casas dos top 20 ela merece estar, isso com certeza.
    Vai enfrentar Halep, osso dura, mas devido as circuntâncias atuais, sou mais Bia Haddad, a Halep é grande jogadora, sou mais a Bia, vamos princesa, vamos lindeza, parabéns.

  27. Maurício Luís *

    Boa noite, Dalcim. A contusão do Bellucci foi tão grave assim? Porque já estamos quase no meio do ano, e nada dele voltar. Ou será que ele está desmotivado como o Thiem? Acho que nem ranking ele tem mais….
    THIAGO WILD – Não vou entrar no mérito da questão da pensão alimentícia – não sou juiz – mas o fato é que uma das poucas coisas no Brasil que dá cadeia rápido é pensão alimentícia. De modo que o Wild resolveu imitar o Boris Becker. Só que não nos títulos e nem no ranking, mas sim no quesito ” Sol nascer quadrado”.
    BIA MAIA – Que coisa, hein? Uma brasileira se dando bem na grama… vão sair metade das almas do purgatório. E se sair com o titulo, ai não sobra nenhuma alma penada pra remédio.

  28. Valmir da Silva Batista

    EU NUNCA VI UM SUJEITO, cuja soberba tomou conta, fazer tanta merda pós título juvenil do US Open/2018. De lá para cá, o tal Thiago Wild passou a se achar o máximo, sendo que nesses quase quatro anos não jogou praticamente porra nenhuma, e eu, que já não dava um centavo por ele a partir de 2019, em se tratando de jogo qualitativo, agora é que não vejo mesmo luz no final do seu túnel. O escroto não passa de um playboy inútil, que achou que era só olhar para a bolinha colorida e a raquete, que ambas o obedeceriam como lhe aprouvesse. Tal reverência é capaz delas fazerem apenas para gente graúda, como Rafael Nadal e Serena Williams, mas para um alienado como Wild, jamais, ele não tem lastro moral nem bola para isso…

  29. João ando

    Não quero ser pessimista mas a Bia não passa pela halep. …lógico se passar os comentaristas do blog vao cair de pautada em cima de mim ….mas já da para sonhar em ser top 20. Eu que achava que no máximo ia para top50.

    1. Luiz Fernando

      Palpite João, cada um tem o seu e não é passível de críticas se não se confirmar. Minha impressão também é de vitória da romena, mas a torcida estará toda c a Bia…

  30. Miguel BsB

    Bia tá demais!!! Só não concordo com o título Dalcim, acho que princesa da grama é uma qualificação melhor pra Bia…
    Olha, a julgar pelo último vídeo que vi da Serena, ela tá muito fora de forma. Pesada, “grande”, por assim dizer. Mas, Serena é Serena né, vms ver…

  31. Antônio

    Esse tal tenista brasileiro Wild vai sofrer o diabo nas mãos de mais uma que se aproveita das leis brasileiras que estão colaborando cada vez mais para o acirramento o ódio.

    Mas, em parte, bem feito!, pois ninguém mandou “morar junto”, ainda mais com uma “influenciadora digital”.

    Kkkkkkkkkkkk

  32. Charles

    Como é bom voltar a assistir uma partida de tênis e ter um brasileiro jogando em alto nível!
    Que bom ter Bia Haddad nos dando essa alegria!!!

  33. Rafael Azevedo

    Rapaz, depois dos 0x3, a Bia engatou a quinta marcha da Scania e passou o caminhão por cima da ótima italiana.
    Terceiro post seguido sobre a Bia, e contando.
    Eu até esqueci do tênis masculino. Nem sei o que tá acontecendo em Halle e na Inglaterra.
    Que venha a Halep.

  34. Pieter

    Mais um (merecido) post para comentar, elogiando, óbvio, a nossa maravilhosa Bia Haddad Maia e sua campanha dos sonhos na grama inglesa.
    Nunca ninguém jamais imaginou sonhar com uma campanha tão sensacional quanto a que Bia vem fazendo por lá.
    E o melhor é vê-la alegre, sorridente, aparentemente relaxada e usufruindo o seu momento mágico, além de jogando muito bem, em altíssimo nível.
    Parabéns entusiasmados à nossa nova rainha na grama!

  35. Thiago+Silva

    Queria saber quem foi a juíza que deu ganho de causa pra uma moça de 20 e poucos anos plenamente apta pra trabalhar de receber pensão alimentícia. O judiciário brasileiro é capaz de umas bizarrices que a gente nem acredita.
    “Aí, mais ela era dependente financeiramente dele”.
    PROBLEMA DELA, ninguém mandou querer se encostar em homem pra não precisar trabalhar, que volte a morar com os pais e vá entregar currículo no Mc Donalds ou então abra um OnlyFans que tá na moda.

      1. Carlo Wagem da Penha

        Nossa justiça è uma piada. O comportamento deste tenista tambèm foi uma outra piada e parece que ele deu motivos. Enfim.

        Mas todos pagamos por nossas decisoes erradas. No caso dele, talvez algumas podem ter sido muito erradas.

        Quanto ao tenista, quando ele conseguir se livrar dos problemas com a Dna Maria da Penha daqui a 4 ou 5 anos e acordar (se o fizer), ja tera 27 ou 28 anos e entao vai ficar bem dificil voltar em alto nivel. A vida è curta e a carreira do tenista mais ainda.

        Lembrando que ele vinha numa otima evolucao e chegou a vencer Casper Ruud em final de atp. Note que o Belga è top 5 tualmente.

    1. evaldo moreira

      Cara,
      além soar um comentário machista e escroto, ao menos você acompanhou a hist´ria deles?
      Se o MP, aceitou a denúncia, é porque há fatos relevantes e contundentes, e passivo de prisão para o cara, fato.
      Antes de dizer besteiras, vá na internet e busque informações sobre os fatos ocorridos.

      1. Thiago+Silva

        O “fato relevante” é o seguinte: ele xingou ela e destroncou um dedo que provavelmente ela tava enfiando na cara dele. O MP aceitou porque já tá contaminado de lacração. O pedido de prisão foi por ele não ter pago a pensão da encostada.

      2. Henrique

        Ai, ai. Inversão de valores. É normal a turminha do bem praticar linchamento virtual contra quem faz comentários que a desagradam, “machista e escroto”. mas geralmente essa turminha acredita que praticar tráfico de drogas é forma de vítimas da sociedade venderem derivados de plantas. risos

      3. Hugo

        MP aceitar uma denúncia que da visibilidade e fácil
        Investigar porque 100milhoes de brasileiros não tem esgoto encanado …. Aí quero ver .

    2. Gilvan

      Pessoal não conhece nada de legislação e quer falar de orelhada. Só resgatam a importância de cumprir a lei quando ela lhe seja favorável. Vão estudar a doutrina, a jurisprudência dos tribunais, depois podem vir aqui atacar a pensão contra a ex-esposa. O que mais tem é homem que paga de “provedor” e depois reclama de ter que pagar uma miséria de pensão.

      1. Thiago+Silva

        A pensão é para o provimento dos FILHOS, eles nem filho tiveram. E o que importa doutrina e jurisprudência? A decisão é absurda e pronto, o que mais tem no Brasil é lei mal feita e decisão enviesada de juiz.

        1. Gilvan

          Você leu os autos do processo? Conhece a fundo todos os fatos envolvidos no caso? Entende de direito de família? Já leu os principais doutrinadores sobre o tema? Já analisou decisões anteriores dos tribunais sobre a matéria?
          Não né? Então com base em quê você diz que a decisão é absurda? Repito: está falando de orelhada.
          Quando não se sabe o que aconteceu e sobre o quê se está falando, a melhor ação a tomar é o silêncio.

      2. Willian Rodrigues

        Realmente não possuo profundo conhecimento sobre a legislação e seus princípios. Contudo, conheço um pouco sobre a vida…
        Se você convive durante 20 anos com alguém, constitui família, compartilha a criação dos filhos, com todas as dificuldades inerentes ao processo, de algum modo, você se torna sim responsável por aquela pessoa.
        Especialmente as mães (seres especiais, de outra categoria) costumam sacrificar ao menos uma parte de suas vidas pessoais em prol da família e de uma boa educação para os filhos.
        Nada mais justo do que arcar com uma boa pensão, DESDE QUE a pessoa fique fragilizada após a separação, não tenha mais grandes perspectivas devido à idade, profissão escolhida (ou abandonada), etc.
        AGORA, em se tratando de uma mulher jovem, saudável, ativa e que ficou tão pouco tempo ao lado do jovem Wild, eu questiono fortemente uma decisão como esta!!
        Que tipo de mulher se sujeita a ser sustentada, “provida” por alguém nessas circunstâncias? Não tem brios??!!
        Acho risível mesmo essa decisão.

        1. Gilvan

          William, direi para você o mesmo que disse ao Thiago: se você não conhece a fundo os fatos, não leu sobre o tema e não conhece nada sobre direito de família, você está falando de orelhada sobre um assunto que não domina e sobre fatos que desconhece. No máximo o que você leu sobre o escândalo familiar do Tiago Wild foi o que vazou na imprensa.
          Me lembrou um certo presidente que dizia “Eu não sou médico, mas sou ousado”, no meio de uma pandemia, alegando que tinha encontrado a cura mágica para a doença. Este mesmo presidente dizia que todos os especialistas não sabiam de nada e ele, com a sua experiência de vida, é que sabia qual era a solução para o problema, enquanto desfilava por aí com uma caixinha de remédios na mão. O resultado disso foram centenas de milhares de mortos, guiados por uma política pautada pelo desconhecimento.
          O moral da história? Quando não sabemos sobre o que estamos falando, deixemos para os especialistas, principalmente para aqueles envolvidos no caso, que têm alguma ideia sobre o que estão falando.

Comentários fechados.