Favoritos definidos
Por José Nilton Dalcim
15 de maio de 2022 às 16:55

Roma é sempre um grande espelho para Roland Garros, não apenas pela proximidade entre os dois maiores eventos do saibro mas também pela similaridade das condições de umidade e temperatura, portanto na velocidade de jogo em si. E ao ver o domínio e a forma com que Novak Djokovic e Iga Swiatek desfilaram no Foro Itálico, não resta mais dúvida de que ambos chegarão a Paris como os nomes a ser batidos.

Djokovic já dava mostras evidentes de progresso físico e técnico em Madri. Fez uma partida espetacular na derrota para Carlos Alcaraz e o esforço de 3h38 foi superado sem susto. Era um indicativo importante de que a forma estava recuperada e aí faltavam ajustes finos, que Madri dificulta por conta da altitude. Assim, Roma caiu como uma luva para o sérvio.

Suas três últimas atuações foram soberbas, já que Felix Auger-Aliassime exigiu o máximo de empenho e precisão, Casper Ruud se mostrava um saibrista em condições de suportar um forte ritmo da base e Stefanos Tsitsipas era o experiente finalista de Roland Garros com jogo versátil e saque poderoso. Não tiraram set do número 1. Os seis primeiros games de Nole na final deste domingo registraram um volume avassalador, sufocante, e o tiebreak decisivo foi impecável. O grego teve sua chance, quando sacou para o segundo set, mas falhou no quesito mais importante de todos: o mental.

De forma diferente e talvez ainda mais taxativa, Swiatek está dois passos à frente de todas as concorrentes, o que nem é uma surpresa tão grande assim. Ao terminar Miami, eu já dizia que a polonesa migraria para o saibro, o piso em que realmente se sente mais à vontade, e da forma com que estava jogando seria muito difícil ser batida. Mas Iga foi além das minhas próprias expectativas porque atropelou quem cruzou sua frente em Stuttgart e Roma com raros momentos de equilíbrio ou de queda de intensidade.

Com exceção do saque, que certamente ainda pode melhorar, Swiatek mostra um repertório muito rico. Está extremamente veloz e resistente, chega facilmente nas bolas e com isso acha sempre a melhor resposta. Bate muito pesado em qualquer direção e a confiança atingiu um estágio tamanho que ela executa com apuro qualquer golpe mais exigente. E isso aconteceu repetidas vezes na final de Roma diante de Ons Jabeur.

Rainha do circuito no momento, e com folga, surge como favorita disparada para o bi em Roland Garros, já que nem a atual campeã parece ameaça, uma vez que Barbora Krejcikova está afastada desde o final de fevereiro.

O favoritismo de Djokovic ficou óbvio, porém um degrau abaixo. Além do crescimento de Alcaraz, um adversário 16 anos mais jovem e dono de um jogo poderoso, não se pode jamais descartar Rafa Nadal quando se chega a Paris. O multicampeão espanhol será dúvida a cada partida por conta do problema no pé, mas isso pode ser um handicap diante de oponentes desavisados. Tsitsipas mostrou no segundo set de hoje que não é bom vacilar contra ele e por isso me parece a quarta força em quadra. Eu não apostaria num campeão fora desse grupo.

E mais

  • Bia Haddad Maia deixou escapar chances na final contra Claire Lu no saibro francês, ficou com o vice e jogará Roland Garros como 49ª do ranking. Será sua volta ao torneio desde 2017 e, sem pontos a defender, depende de um bom sorteio para continuar subindo.
  • Sete brasileiros entraram no quali do Slam do saibro e vejo boas chances de Thiago Monteiro e Laura Pigossi avançarem para a chave principal. Thiago Wild, João Menezes, Matheus Pucinelli, Felipe e Carol Meligeni terão sempre um cabeça no caminho.
  • Matteo Berrettini não se recuperou e desistiu de Roland Garros, ajudando Pablo Carreño a subir para cabeça 16.
  • Daniil Medvedev enfim retorna ao circuito após a cirurgia de hérnia, tenta se adaptar ao odiado saibro em Genebra e será o cabeça 2 em Paris, o que é quase um desperdício.
  • John Isner e Diego Schwartzman quase ganharam Roma. O gigante descobriu aptidão para a dupla, ganhou Indian Wells e Miami com parceiros distintos e será top 20 da especialidade aos 37 anos.
  • Rafael Matos ganhou seu terceiro título do ano no challenger de Bordeaux – os outros dois troféus foram de ATP 250 – e grudou no top 50, barreira que pode quebrar em Roland Garros. Ele jogará ao lado do mesmo espanhol David Vega.
  • Soares, Melo e Meligeni também entraram nas duplas de Paris, todos com parceiros estrangeiros.

Comentários
  1. JAN DIAS

    ENQUANTO ISSO NA PRISÃO INGLESA 🏛:

    Segundo relato do site Yahoo Sports, BORIS BECKER reclamou da cela minúscula em que está preso, reclamou tb da falta de higiene da prisão e da qualidade da comida 🥗 e de suas porções muito pequenas (segundo sua família, sua 1a refeição foi carne enlatada de má qualidade)…
    Ele tb apertou o botão de emergência 🆘️ em sua cela tantas vezes, que a direção da prisão perguntou a ele se ele pensava estar em um hotel…
    Um relato triste e quase inacreditável sobre um ex-campeão de tênis… misericórdia..

  2. Daniel+C

    Aguardando a nova pasta para comentar a chave, mas já gostaria de adiantar: finalmente uma chave mais complicada para o sérvio. Mas do jeito que dá tudo certo para o cara, não me surpreenderia de Nadal, Alcaraz e Zverev rodarem cedo. Já estou calejado rs. Só dá pra comemorar depois que o sérvio terror dos boleiros é devidamente defenestrado do torneio rs.

  3. Luiz+Fernando

    Dalcim, acompanhei o sorteio ao vivo e estranhei quando vi q Rafa e Alcaraz na mesma metade da chave. Como cabeças 5 e 6 não deveriam ficar um na chave de cima e o outro na de baixo?

    1. José Nilton Dalcim

      Puxa, comentei tanto aqui como no podcast que não existe mais isso, e já faz alguns anos, Luiz. Agora 5 a 8 são sorteados dois para cima e dois para baixo, da mesma maneira que 9 a 12, 13 a 16…

  4. Marcelo+Calmon

    Disparado o sorteio mais injusto de todos os tempos.

    E o nosso Thiago dando vexame mais uma vez. O cara ganha o 1° set, coloca 2 quebras de vantagem no 2º set e ainda perde o jogo. Isso contra o 189 do mundo !!!! Que perdeu facilmente na 2ª rodada. Se vencesse 2 teria grandes chances de entrar, pois até agora serão 3 LL. Difícil torcer.
    Onde anda Nishikori ??

    abs

  5. Heitor

    Djokovic-Nishioka
    Medvedev-Bagnis
    Zverev-qualifié
    Tsitsipas-Musetti

    Nadal-Thompson
    Alcaraz-qualifié
    Ruud-Tsonga
    Rublev-Kwon

  6. Luiz Fernando

    Sem dor nos pés diria q Rafa deve passar sem sustos na primeira semana. Teoricamente, se encarar Aliassime nas oitavas deve ser uma partida complicada, SE este chegar lá jogando no nível de Roma. A partir das quartas seriam 3 finais consecutivas. Me parece muito improvável q vença no atual momento de Rafa, mas depois do AO 2022 não dá p duvidar de mais nada…

  7. Luiz Fernando

    São Paulo, Corintians e Palmeiras na chave de cima, Juventus, Lusa e XV de Piracicaba na de baixo…

    1. Luiz+Fernando

      Vc lembra da babaquice postada N vezes aqui de Rafa era favorecido nos sorteios? Coisa de maus perdedores, algo q um determinado segmento passa recibo a cada novo post do blog…

  8. Paulo F.

    Vamos ver se o Ronildo mantém (uma de suas várias) estúpidas teses, de que Djokovic é ajudado pelo sobrenatural depois desse desfavorável sorteio de chave.

    1. Ronildo

      Temos que aguardar pra ver se acontece alguma coisa com os adversários, antes e durante as partidas.

  9. Marcelo Costa

    Vou isentar os tenistas brasileiros por após 49 anos, não termos um representante no masculino na chave de simples de RG, aqui no Brasil, onde o esporte é tratado como algo secundário, esses que ousam se jogar nas quadras, dependendo de suas famílias no início, e depois, de somente seus esforços, e muitas vezes sem contar nem com o apoio da torcida que acompanha, que faz criticar, criticar e criticar.
    Mas esse quadro irá mudar em breve, conheço três jovens que sairam do país, um está na Argentina, onde ele disse que os treinos são muito mais intensos, outra na Espanha, e foi visitar o M1000 de Madrid, e outro jovem menino, foi com sua família para Portugal, então com tantos saindo do país que não os apoia, da torcida que não torce, terão reais chances de fazer o que a geração pós Guga não fez, ou seja, encher o povo daquele orgulho, que só quem é campeão traz, vide a Bia, agora é nosso bibelô, pois, está vencendo, mas quando houve o caso do doping, choveu criticas, como são as chacotas do 21 do mundo, como a dura derrota do Thiago e como a derrocada do Wild.
    Lá fora nosso tênis terá futuro, pois aqui, só temos passado em Guga, Esther, Koch, Mattar etc, ou você é um destes ou não é ninguém. Farei algo que não gosto, mas que infelizmente cabe, você que critica, fez igual? ou seu filho fará? sua filha?

    1. Willian Rodrigues

      Boa Marcelo!
      Gostei da sua reflexão.
      Thiago Monteiro pode até ser limitado tecnicamente, mas, explora ao máximo seu potencial. Galera não entende isso, e “desce a lenha” em cima como se faltasse esforço!! Putz, o cara é um profissional sério e dedicado.
      Contando com esse “enorme” apoio que recebe da torcida brasileira, nunca vencerá sequer um ATP 250 mesmo.
      Não ajuda em nada afirmar que ele tem “mental de geleia”.
      Pra falar a verdade, acho até que ele alcançou coisas espetaculares diante de suas possibilidades.
      O Thiago Wild até mereceu mesmo algumas críticas que recebeu pelo desperdício de seu potencial, mas, que sejam construtivas.
      Ele ainda tem 22 anos de idade… Há espaço, e tempo, para evolução…
      Necessário estimular quando se está lá embaixo.
      Bia Haddad deu a volta por cima.
      Abs

    1. José Nilton Dalcim

      Fique tranquila, Maria. Se não fosse absoluta verdade, TenisBrasil jamais teria publicado. Somos muito cuidadosos com a informação.

  10. Heitor

    O jovem (zverev e tsipas) quando se confronta com suas deficiências e debilidades, é incapaz de autocrítica. Sua resposta é odiosa, de crítica ao sistema e das injustiças do mundo. Nem lhe passa pela cabeça pensar que é, ele próprio, parte do problema.

  11. Paulo F.

    Engraçado que quando tu vai pesquisar sobre tenistas com mais semanas como número 1 o que sempre aparece são os tenistas com mais semanas TOTAIS.
    Lá nos rodapés das páginas ou pelo meio das pesquisas é que aparecem quem tem mais semanas consecutivas…

    1. Marcelo Costa

      Moro em uma cidade muito antiga, então o centro é composto de ruas estreitas, onde mal passa um carro popular, então os moradores com baixa auto estima, ou estatura, ou ambas, compra aqueles carros enormes, que servem para lhes deixar acima nas ruas, e esses acabam por travar o transito, pois, precisam andar muito devagar pelas estreitas ruas. Quem debate, semanas na liderança, andam com seus enormes egos ou carros tanto faz, por debates ou ruas, tanto faz estreitas, e ambos atrapalham o fluxo do debate ou do transito, ou de ambos, afinal tanto faz, ambos atrapalham.

      1. Rogerio+R+Silva

        Bom dia.
        Quando puder explique melhor este estudo sobre pessoas que usam carros grandes.
        Se tiver um link do estudo eu agradeço.

    2. Luiz+Fernando

      A falta dos argumentos principais e o desespero pela evaporação dos recordes do Federer leva os mais fanáticos a procurarem esses números, coisa de gente desesperada, temos q entender. Não es esqueça q outros já aventaram o ítem “popularidade” para definir quem é o GOAT, existe um desespero maior? Por isso q eu digo: aqui é diversão garantida kkk…

    3. Sérgio Ribeiro

      Tens mesmo uma dificuldade enorme pra entender o básico , não é mesmo P. F . ? . Ao contrário do Golfe , o número de Semanas Totais é o mais considerado no Tênis. O de SEMANAS CONSECUTIVAS aparece logo a seguir , sem essa de rodapé. Na ERA Profissional o de Semanas totais foi sempre batido desde 1973 . O de CONSECUTIVAS nenhum que assumiu o Posto depois de Federer sequer se aproximou. Quem sabe o fenômeno Carlitos ALCARAZ não bata ambos ? rsrs… Aba!

      1. Sérgio Ribeiro

        Ps . Incrivelmente Serena conseguiu na WTA , igualar as 186 Semanas CONSECUTIVAS no Topo de Graf . E’ tão complicado que ela não conseguiu uma simples semaninha a mais ….rsrs. Abs!

    4. Paulo Almeida

      Ninguém dá a mínima pra semanas consecutivas na era bagreolítica, exceto as viúvas terceiretes.

  12. Carlos Annechino

    Mestre, mais uma vez parabéns pela lucidez nos comentários. Aproveito para perguntar se você acha que a Luiza Stefani também pode alçar voos mais altos no circuito. Abraços.

    1. José Nilton Dalcim

      Claro que teremos de ver como ela retorna após tanto tempo parada, já que a previsão agora é para o aquecimento do US Open. Mas eu acredito que a Luísa tenha totais condições de conquistar torneios de Grand Slam, principalmente na quadra dura. E isso certamente a levará de novo ao top 10. Ela vinha jogando muito bem, foi uma pena mesmo! Abs

      1. Paulo F.

        Foi um pecado aquela lesão da Luísa realmente.
        Ela estava numa forte ascensão e não saberíamos o que aquele US Open poderia lhe reservar…

  13. Ronildo

    Alcaraz iniciou uma Nova Era no tênis. Para alguém jovem como ele e com esta incrível força mental, melhor de 5 sets é o cenário ideal para enfrentar Djokovic ou Nadal. Após ser campeão em RG sua equipe vai caprichar para a transição à grama. Está diante dele a possibilidade de aos 19 anos ser campeão de 3 slans num mesmo ano. E em 2023 pode ganhar até mesmos os 4 slans.
    A superioridade dele sobre o circuito poderá ser mais acentuada que a de Pete Sampras no início da carreira.

    1. Luiz Fernando

      Será q ele terá uma entressafra legal como a do começo da década de 2000? Gostaria de sua abalizada opinião kkkk…

      1. Ronildo

        A maior entressafra de todos os tempos foi de 2011 até 2021. Infelizmente Federer não pôde aproveitar tanto quanto Djokovic e Nadal aproveitaram, pois já tinha passado dos 30.

  14. Julio Marinho

    Fale, Dalcim,
    Boa noite! Aproveitando seus conhecimentos do circuito, saberia contar porque desandaram a carreira dos agora pouco falados: Hyeon Chung (promessa de boa cabeça e excelente movimentação até as bolhas no pé contra Federer), Ugo Humbert (vem em uma maré terrível, mas é aguerrido, rápido e de boas bolas retas. Nos jogos que vi, cabeça também era boa), Popyrin (gostava desse jogador, toque fino) e Brando Nakashima (nada espetacular, mas é aquele completinho que não desanda, mas sempre faz jogo duro). Para comparar com um jogador que sei que também não gosta, acho todos eles superiores ao Garin, muito melhor ranqueado.
    Abraço!

    1. José Nilton Dalcim

      Acho que de todos os que você citou, apenas o Chung teve sérios problemas físicos que não conseguiu superar. Isso certamente o fez estagnar, já que não progrediu como se esperava. Não vejo muito potencial no Popyrin, o Bakahsima é limitado à quadra dura até agora. O que realmente me surpreendeu foi a queda repentina do Humbert, que vinha muito bem em 2021 e de repente perdeu o rumo e vive um péssimo momento. Não sei te dizer o que aconteceu com ele, mas não foi contusão. Então talvez algo emocional. Mas acho que ele ainda irá se recuperar. Abs!

  15. João ando

    Eu vou torcer pela badosa embora ache que iga ganhe e no masculino por alguma surpresa embora ache que Djokovic leva o torneio

  16. Maria Ranavalona de Imerina

    Oioioioioioioioiiiiiiiiiiiiii se Mr. Nadal afundar em Roland Barros, anunciarão sua aposentadoria. Se, ao contrário, for campeão, dirão que eram favas cobradas. Povinho demagogo. Bjssssssss

  17. Sandra

    Me desculpe Dalcim , mas eu fui censurada? Perguntei qual a Tv que ia transmitir o Roland Garros e não obtive resposta! Eu acho que e a Espm , mas se não me falha s memória ano passado o Sport Tv tambem não transmitiu? O espn comprou tudo ? Wimbledon e us open também?

    1. José Nilton Dalcim

      Eu já tinha respondido, mas vai de novo: a Band foi quem transmitiu todos esses últimos anos, mas agora ficou com o Sportv e ESPN.

      1. Luiz Fabriciano

        Bom ter o Sportv também em RG, apesar de gostar dos comentários do Saretta.
        O Meligeni faz piada quase o tempo todo…

        1. Paulo F.

          Sem contar que, como bom argentino, a descarada torcida pela antiga Metrópole.
          Só falta os pom-pons com as cores da Espanha.

  18. Oswaldo Euclydes Aranha

    O dia Nacional do Choro, homenagem ao Pixinguinha, já passou, mas para alguns companheiros do blog continua; não os queira mal.

  19. DANILO AFONSO

    Não sei se alguns membros do blog tem a mesma percepção, mas muitas vezes parece que um dos frequentadores de longa data e assíduo do blog se manifesta igual um robô, com respostas demasiadamente automatizadas (repetitivas). Basta você digitar aqui no blog qualquer comentário enaltecendo o Djokovic (recordes ou não), que automaticamente o membro inseri em sua resposta os dizeres “237 semanas consecutivas”. Quem lembra da expressão “disco furado” ?

    Não raras vezes o tema deliberado pelos demais membros é totalmente alheio a resposta automatizada do colega. Se você escrever purê de batata e sérvio na mesma na postagem, não duvide que lerá a resposta “237 semanas consecutivas”…rsrsrsrsrs

    O membro repete tanto os números “237” que em outra postagem dele nesta pasta, quando falava sobre a quantidade de vitórias do suíço na carreira, invés de escrever “1251”, citou “1237”…kkkkk

    À medida que os rivais do Federer foram “desapropriando” seus recordes que pareciam inalcançáveis, esse comportamento robotizado foi se agravando nos últimos 2 anos. E se a prateleira de recordes do suíço se esvaziar mais ainda, o que é possível, a tendência é que a “inteligência artificial” se torne mais atuante com aquela repetitiva frase muitas vezes descontextualizada.

    Porém, apesar da robotização e em algumas vezes atacar desnecessariamente o comentário alheio , o colega é muito importante no blog com sua vasta experiência acompanhando o circuito desde os anos 237, opa, digo 70.

    1. Paulo F.

      Esse membro acha que 237 semanas consecutivas são mais importantes do que 372 semanas TOTAIS.
      Coitado…
      De dar pena, compreensível, é o desespero.

    2. Marcelo Costa

      Todos esses nick names são a mesma pessoa, que fala consigo mesma, responde, pergunta, desafia e até se indgna. Mas o problemas, são aqueles que alimentam esses trolls, ou seja, toda vez que alguém citar que o sérvio é melhor, a turba se levanta em defesa do suiço, o mesmo vale para os demais, e assim vamos poluindo o espaço.
      Eu curto muito esse espaço sou defensor de nosso moderador deixar muita coisa passar, pelo principio da liberdade, mesmo que tenha que coibir de forma justa alguns excessos, então, eu leio tudo, ou muitas vezes o começo das respostas, até chegar nas sandices, daí ignoro.
      Mas é assim, eles são somente um, que fala consigo mesmo, com várias contas, nomes, só a atitude é a mesma.

    3. Sérgio Ribeiro

      Juro que és melhor lá no faceTenisBrasil, espertíssimo Danilo rs . Leia os seus próprios Posts antigos , e verás que além de ter confessado sem pudor rs , a troca de torcida de Rafa Nadal por Novak Djokovic ( maioria da Kombi rs ) reconheceu que dos recordes da ATP e WTA , apenas as SEIS Temporadas CONSECUTIVAS de Pete Sampras como N 1 , e as 237 Semanas CONSECUTIVAS de Federer como N 1 , eram recordes INSUPERÁVEIS. Daí que não vejo como um torcedor modinha como Tu , podes encher o Blog com trocentas estatísticas e depois de tanto Tempo , não admitir que o Sérvio ainda está atrás do Touro em SLAM e empatado com o Craque Suíço neste quesito . Novak não vence o ATP FINALS desde 2015 ( existe um HEXA ) . Daí aquela continha diária de quantas Semanas faltam pra que ele se iguale a Steffi Graf , (coisa ridícula) , quem faz és tu rsrs. Na verdade , pelo desespero, acredito que não tenhas tanta certeza se o “ goat “ paraguaio terá sido de fato a melhor escolha do “ Nobre “ parceiro kkkkkkkkk. Abs!

    4. Ronildo

      Veja Danilo Afonso, se a pandemia tivesse acontecido em 2008 e as consequências fossem as mesmas em todas as áreas, certamente as 237 semanas se transformariam em 400 semanas.
      Porque digo isso? Porque Djokovic era o tenista mais habilitado para tirar proveito de tudo que aconteceu como efeito colateral da pandemia, porém em 2008 era o Federer que estaria nesta posição de ser o maior beneficiado. Então até os demais tenistas pegarem novamente o ritmo para suplantarem Federer, provavelmente seria por volta de 2012,2013.

    5. José Yoh

      Pôo Danilão. Lembro que você fazia uma contagem regressiva quando o sérvio estava finalmente chegando perto do suíço. E olhe que ele ainda estava bem longe.

      Comentários repetitivos são uma constante aqui no blog, pq quase todos tem poucos argumentos para justificar sua escolha do GOAT e a criatividade está em falta mesmo.
      Abraços

      1. Sérgio Ribeiro

        Boa , Yoh . Ninguém é mais repetitivo do que o professor de estatísticas Danilo Afonso rs . Deu um tempo quando seu segundo ídolo ( cronológico ) se afastou do Circuito devido a ser antivax . Acredito que fique quieto ainda até o Final de RG . Também morre de medo do fenômeno … rsrs. Abs!

      2. DANILO AFONSO

        José, mas eu postava a contagem regressiva apenas uma vez por semana e nunca era repetitiva, pois os números sempre eram diferentes semana a semana….kkkk

        Abs !!

    6. SANDRO

      Desde de o ano 237… Kkkkkk morri com essa!!! Pelo jeito que o cara é dinossáurico, não duvido nada que seja mesmo desde o ano 237 ( Antes de Cristo, obviamente), e repousa num cripta tal qual o Mun-Ha, o de vida eterna…
      Bravo Danilo!!!

    7. Carlo V. W.

      Vdd, Danilo Afonso. Não foi só você. Eu também notei isso.

      Mas também notei que bastam alguns digitarem “237 semanas consecutivas”, que outros robôs também escrevem textos gigantes para um comentário (sempre com 3 parágrafos ou mais), o que parece muito para um comentário.

      Mas aqui do meu lado, que não tenho um ídolo em especial, entendo que os tais robôs não se enxergam como tal.

      Mas ao cabo, concordo com você que se trata de uma situação muito difícil de aturar (de ambos os lados)

  20. Carlos Reis

    Sério que você CENSUROU meu comentário sobre o Djokovic, Dalcim? Só porque chamei as “maravilhosas” de troço? Adeus então, não perco mais meu tempo aqui. Você pelo visto é só mais do mesmo, um jornalista DOUTRINADO pela e$querda maligna.

    1. José Nilton Dalcim

      Fale sobre tênis e não insista nesse absurda tese. Fique com ela, é seu direito, mas nada de passar adiante aqui.

    2. Ronildo

      Não abandona “nóis” não Carlos Reis, a população que aprecia tênis é muita pequena no Brasil. Ao que me parece o Tênis Brasil divulga mais o tênis do que a própria CBT.

      1. Cassio+Carvalho

        Dalcim, não sei não mais acho que a quantidade de fans do Tenis no Brasil não podem ser subestimadas. A Bia ganhou premio e eu acho que tem a ver com quantidade de fans brasileiros. Aproveito e consulto se você acha que essa tese pode ser considerada para a tal premiação da Bia. Ou realmente ela teve exposição internacional com a subida no ranking?

          1. SANDRO

            Com certeza! O Brasil é um país com mais de 214 milhões de habitantes, e isso faz muita diferença neste tipo de votação… Se a Bia fosse da Sérvia, que tem apenas 8 milhões de habitantes, ela não teria nunca esta votação!

    1. José Nilton Dalcim

      Acho que os números do Djoko são bem mais expressivos no saibro hoje do que Guga, apesar de ainda ter um RG a menos.

  21. João ando

    Não vai ter brasileiros na chave masculina de Roland garros. E a primeira vez em 49 anos. Felipe Meligeni Perdeu na segunda rodada do quali

  22. Miguel BsB

    Caro Ronildo, acho que na conversa ali embaixo o Rodrigo estava se referindo ao Sandro, não a você.
    Não perdi a paciência contigo, só questionei que achar que a Raducanu pode ser campeã deste RG é uma análise no mínimo “exótica” rs

  23. Carlo Von Wagen

    E parece reremos um Roland Garros sem brasiliros na chave principal de simples Masculino.

    A boa fase do Bellucci passou. Tiago Monteiro oscilando um pouquinho no ranking neste momento e Thiago Wild em queda livre.

    Mas com todas as atenções (e esforços) concentrados em RG, talvez seja um bom momento para focarem em torneios menores e buscar pontos para subir um pouquinho. : – )

  24. Ronildo

    É tão impressionante como os acontecimentos convergem em prol de Djokovic que ele se tornou o único número 1 a competir contra ele mesmo. Nos últimos 5 anos todos os tenistas que evoluíram a ponto de competir em igualdade de condições contra Djokovic enfrentaram problemas que afetaram seu rendimento. Alguns casos foram seríssimos, outros mais leves:
    Murray: lesão gravíssima
    Federer: lesão gravíssima e limitações da idade
    Nadal: várias lesões
    Thiem: problemas psicológicos e lesão grave
    Zverev: problemas pessoais e na justiça
    Tsitsipas: lesões
    Medvedev: lesões

    A situação atual parece a do campeonato brasileiro, não lembro exatamente o ano, mas foi depois de 2010, quando na última rodada haviam pelo menos uns 3 ou 4 times grandes que bastavam vencer ou empatar em algum caso, e mesmo assim o Flamengo foi campeão! Agora bastava o Medvedev fazer alguns resultados medianos para seu nível e chegaria ao número 1, mas está simplesmente incapacitado!

    Assim, sem adversários à altura desde 2017, Djokovic navega em cima de uma jangada de troncos no grande rio de números, até chegar ao oceano dos recordes. Os barcos de todos os adversários apresentaram avarias.

    1. Renan Djok

      Cara, o Federer apanha do Djoko desde 2011.

      Sério que tu via igualdade?😂😂😂😂😂😂

      E Murray sempre foi freguês.

      1. Sérgio Ribeiro

        Jura ??? . Ao bater o Sérvio na Semi de WIMBLEDON 2012 , voltou ao N 1 e tirou qualquer chance do Sérvio supera-lo nas 237 Semanas CONSECUTIVAS no Topo do Ranking ( imbatível) . Depois de WIMBLEDON 2019 , no jogo seguinte , mandou Novak pra casa em Sets diretos no FINALS, o que fez o N 1 ficar com Nadal. Mas fica frio que torcedor modinha é desmemoriado mesmo rsrs. Abs!

        1. Sérgio Ribeiro

          Ps . Sir Andy Murray disputou o N 1 o ano inteiro de 2016 com o Sérvio. Sabemos que ao batê-lo no FINALS, o freguês tomou conta do N 1 da Temporada kkkk. Abs!

          1. Sérgio Ribeiro

            Realidade , Paulinho : MURRAY 3 x 0 Djokovic FINAL de WIMBLEDON 2013 ; MURRAY 3 x 1 DJOKOVIC FINAL do USOPEN 2012 , que dureza !!! . Abs!

          2. Luiz Fabriciano

            Mas o Murray, por ser o 4 do Big4, é sim, digamos o freguês de maior peso.
            Engraçado querer passar o véu na realidade com eventos isolados.

        2. Paulo F.

          Ninguém se importa com o número de semana consecutivas como número 1 e sim com o número de semanas totais como o número 1.

          1. Sérgio Ribeiro

            Errado : A Turma da Kombi não se importa , mas o livro de Recordes da ATP, sim . Lembra o papinho eterno de “ entressafra “ ??? . Novak Djokovic saiu do Posto para Federer, Rafa , Murray e MEDVEDEV. Daí ficou somente 122 Semanas CONSECUTIVAS como N 1 e muito longe do recorde da Era Profissional. Sem choro rs !!! . Abs!

    2. JAN DIAS

      É verdade mesmo RONILDO, mas

      O TOMMY HAAS conversou com FEDERER e disse que ele está muito confiante em seu
      retorno ao circuito… Então por isso, eu ainda acredito em ROGER FEDERER!! 🇨🇭⚾️

      Abs,

    3. Paulo Almeida

      Tá bom, Ronildo.

      Agora vá comemorar seus Slams (qualidade 240p na maioria) em cima de Roddick, Philippoussis, Baghdatis, González, Soderling, Cilic, Hewitt bicicleta e Agassi de fraldão e cheio de inifiltrações, já que em cima de Djoko prime e Nadal prime não consegue encher nem uma mão.

      Abs!

      1. Gildokson

        Lendo seu comentário eu pensei numa coisa interessante. Será Roger Federer o jogador que ganhou Grand Slans de mais adversários diferentes??
        Magnífico isso hein?! Kkkkkkkkkkkkkkkk
        Federer realmente genial em diversas maneiras. Kkk

        1. SANDRO

          A sorte do FREGUÊSer foi justamente ganhar Grand Slams de adversários diferentes, porque quando encontrou Nadal em finais de Roland Garros e Djokovic em finais de Wimbledon, a única coisa que soube fazer foi ser o pato freguês costumeiro de sempre…

        2. Paulo F.

          O tão genial Federer, que nunca conseguiu beliscar um mísero RG de Nadal nem quando o espanhol ainda era um embrião e o suíço já estava no seu pico técnico e físico.
          Genial sim, mas será que tão genial assim?

        3. Fabiano

          Em compensação o servio Djocovid foi quem mais PERDEU finais de slam pra adversários diferentes kkkkkkk.

      2. Sérgio Ribeiro

        Jura que vistes algum destes jogar , caríssimo Piloto ? . Depois de 2008 sabemos qual foi a safra rs . . Voltastes a ficar todo cerelepe kkkkkkk. Abs!

        1. Paulo Almeida

          Sim, vi todos eles.

          Eu falei pra você na última sexta-feira que ainda tinha chances de ver DjokoGOAT levantando taças e não deu outra no domingo!

          Abs!

      3. evaldo moreira

        Buenas muchachos,

        o mesmo blá..blá..blá, ei paulinho acorda, as mesmas ladainhas, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, essa turma da kombi dá trabalho, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    4. Luiz Fabriciano

      Seu comentário dá para ser refutado de tantas formas e posições que não vale nem a pena.

    5. Paulo Sérgio

      Nada estranho em se tratando de alguém que acredita que uma seleção com Serginho Chulapa e que não ganhou nem Copa América é a melhor da história.

      1. Sérgio Ribeiro

        O Mundo e’ que acha Paulinho. A começar por Guardiola. Procure saber em quais times Serginho foi artilheiro. Os Italianos pós Copa compraram meio Time. Abs!

          1. Sérgio Ribeiro

            A de 70 pra mim é incomparável. Mas muitos acham que a de 58 com Pelé e Garrincha juntos ( jamais perderam em 42 partidas ) e’ a que merece essa honraria. Abs!

    6. Daniel+C

      Ronildo, meu caro, desista. A turminha prefere encontrar um milhão de argumentos para não dar o braço a torcer para qualquer raciocínio que conteste o status de “Goat” do sérvio antivax.

      Lamento, mas você não vai convencer ninguém, é como discutir política ou religião. Preserve sua saúde mental e seu tempo (a não ser que vc tenha prazer em escrever esses textos rs).

      É aquilo que eu sempre penso e digo: quem teve a sorte de acompanhar a carreira do Federer desde o início e tem acompanhando o tênis nas últimas duas décadas, sabe que ele foi o tenista que mais impactou esse esporte, e que por uma convergência de vários fatores (que vc já expôs de forma brilhante), não irá terminar a carreira muito à frente de seus rivais (embora fosse o mais justo, mas nem tudo no mundo acontece como deveria). Paciência, no fim o que realmente importa são as memórias e os momentos que os fãs do tênis bem jogado tiveram o privilégio de acompanhar.

      Abs

      PS: Alguns desses fatores que mencionei acima envolvem o próprio suíço e suas escolhas erradas em diversas partidas rsrs. Me irrita como ele foi uma “mãe” para seus rivais em muitos momentos kkkkkk

    7. Carlowagen

      Muito bem colocafdo Ronildo. Temos inclusive um novo “Rei da Entresafra”.

      Os seguidores tè este tìtulo podem inclusive comemorar mais este tìtulo de “Rei da Entressafra”, aumentando assim o nùmero de tìtulos e recordes.

      Aliàs.. depois da pataquada do AusOpen, poderia atè mesmo ser Bi no covidiota do ano.
      Um recorde para poucos ..rs

    8. Luiz Fernando

      Vc deveria pensar antes de postar besteiras. Por acaso ele venceu todos os GS desde 2017? Ah não, q novidade, Federer e Rafa foram grandes adversários neste período, bem como alguns da eterna nextgen, em alguns momentos. Agora no momento o cara é o principal favorito p RG, não há como negar, e isso pelos méritos dele q superou os contratempos. Vc e outras federetes chamam os outros torcedores de fanáticos mas vcs tem uma dificuldade absurda de reconhecer méritos dos outros jogadores, entenda q Federer foi um grande campeão mas outros também o são…

  25. Luiz Fernando

    Tem algumas atitudes de Rafa q eu tento mas não consigo entender. Qual o beneficio de trazer o Dr Cotorro p RG? Como ele tem um problema insolúvel, que volta e meia o incomoda muito, a presença do medico nada acrescenta, pois não ha um tratamento preventivo especifico p as dores, se houvesse ele nunca as teria, ainda mais com os recursos q dispõe. Assim, me parece q a única justificativa seria uma sensação de mais confiança, algo talvez puramente psicológico. Vamos aguardar p ouvir eventuais explicações na entrevista antes do torneio…

    1. Maria Izabel

      Me desculpe Sr.Luiz Fernando,mas desde quando Nadal ou outro,tem que dar entrevista explicando porque está levando o médico de confiança para acompnhá-lo?É ele quem paga a conta e sim,tem o fator psicológico também.
      Bom dia.

      1. Luiz Fernando

        Apenas dei uma opinião sobre algo q se comenta em relação ao meu jogador favorito, será q eu posso?

  26. Rodrigo S. Cruz

    Olha, vou falar.

    Admiro de verdade a beleza e a plasticidade do tênis do Fognini. E sempre vou admirar.

    Mas tem horas que é preciso admitir que ele é quase um talento desperdiçado, jogado fora…

    Tá louco. perder de 2×0 pro Kokkinakis no saibro??

    Sem brincadeira, isso é coisa de perdedor nato!

  27. Rafael Azevedo

    E essa derrota de virada do Monteiro, hein??
    Nossa! Dá até uma dor no peito só de lembrar…
    Frustrante e irritante!

    1. Luiz Fabriciano

      A situação do tênis brasileiro é terrível. Ainda contavam com a possibilidade de bater a Alemanha na Davis – doce ilusão que se esvaiu rapidamente.
      Enquanto os fora do topo, acreditam que podem fazer boa campanha em RG, os brasileiros lutavam para ter o direito de competir lá. Nem isso conseguiram esse ano. Há 49 anos, foi a última vez que a chave de RG não tinha nenhum tenista masculino brasileiro nela.

  28. Luiz Fabriciano

    Mestre Dalcim, a dupla Isner/Schwartzmann não estrelaria um belo filme de comédia tenística?
    Charada: o que o argentino tem maior que o americano? rsss

  29. Rodrigo S. Cruz

    Poeminha matinal kkkkk

    Conheço um sérvio mequetrefe
    Que dá chilique e tem cabeça de cotonete

    Quando ele parar vai abrir uma borracharia
    Pois sempre que joga uma porcaria
    Perde de tenistas como o Alcaraz
    E ainda leva um pneu do Thomaz

        1. Rodrigo S. Cruz

          Bom,

          é preciso talento pra fazer uma sátira.

          Coisa que medíocres como você não conseguem, então só te resta desdenhar mesmo.

          kkkkk

  30. João ando

    Dalcim.qual seria o motivo para os tenistas terem tanto problema no quadris. Sei que vc não é médico. Eu sou mas oftalmologistas….Magnus Norman. Guga .Andy Murray.E agora Laura Robson.seria a biomecânica do forehand?

    1. José Nilton Dalcim

      Segundo os especialistas, é mesmo o forehand e seria a posição ‘open stance’, aquele que se bate totalmente de frente para a bola, causando sobrecarga no quadril devido ao giro exagerado do tronco para fazer a alavanca.

  31. Billie W.S

    Olá mundo,

    Não conhecia este blog, mas confesso que me apaixonei logo de cara e quero parabenizar os criadores, virou meu hobby favorito do dia. As vezes me pego rindo sozinha de alguns comentários, não sou uma fã de nenhum do BIG 3, apenas amo o tênis, mas tem gente nesse blog (Daniel C++ e Ronildo) que ou quer atenção ou tem muita inveja. Se esta for a segunda opção, sugiro que procure outro esporte, pois esse não está fazendo bem, principalmente na última década.

    1. Luiz+Afonso

      Olá Billie.

      Muito bem observado. Cheguei também faz pouco tempo e os posts do Dalcim são ótimos.

      Quanto aos dois citados, acredito que se trata de déficit de atenção. Mas há alguns outros que também não se cansam de destilar suas próprias frustrações torcendo pelo fracasso de tenistas simplesmente icônicos, como Rafa, Nole e Federer.

      Há comentários que até são engraçados, mas tem outros que são de dar pena.

  32. Antônio+gabriel

    Parabéns Dalcin por mais um excelente texto, só faltou dar um pitaco sobre a milésima vitória de Nole no sábado kkk. Agora Dacim, apesar de toda bola que Carlitos está jogando, ainda colocaria ele abaixo de Nadal, Djoko, Tsitsipas e Zverev. Pois melhor de 5 sets a coisa muda consideravelmente.

    1. José Nilton Dalcim

      Ele já ganhou do Tsitsipas em cinco sets, Antônio, e bem antes de estar nessa grande forma.

    1. evaldo moreira

      Sonha nenem, sonha nenen, kkkkkkkkkkkkkkk
      Mais pra Kombi, será que cabe?
      Meu caro, nem começou RG, e tu, colocando a taça não do antivax?
      Calma hermano, vamos aguardar os jogos……,kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  33. JAN DIAS

    TSIPAS virou saco de pancada do DJOKO e do NADAL… Ele tem que reagir pra isso não virar freguesia de vez:
    H2H:
    NADAL x TSIPAS
    7 2
    DJOKO x TSIPAS
    7 2

    1. evaldo moreira

      Olha, Jan dias,
      Ele tem largar de ser amarelão e bisonho, o cara só fez escolhas erradas nesta final, não desmerecendo o título do do sérvio, mas tem jogadas que o cara poderia ter feito com mais propriedade, mas coitado nem isso ele fez, para RG, senão abrir o olho, vai passar vergonha.

      1. JAN DIAS

        É verdade… ele amarela demais. O duro é que ele tem tênis pra vencer, mas na hora H a cabeça dele falha..
        Se ele não vencer 1 deles logo isso vai ficar pior..

        ,

  34. Daniel+C

    Hoje o Thiem fez dois Grand Willys seguidos…e perdeu. Eu não me conformo desse cara estar passando por tantos problemas desde o US Open 2020. Ele tinha tênis para muito mais conquistas, e merecia no mínimo 1 RG. Nessa volta perdeu todos os jogos que disputou. Triste, espero que não desanime e se aposente de forma precoce. O tênis precisa de mais jogadores como ele, e menos jogadores antivax e que desrespeitam boleiros.

    1. Carlos Henrique

      Dalcin, assiste essa partida do Thiem e a falta de confiança tá impressionante. Acho que seu calendário de volta foi um tanto equivocado. Disputou um challenger, perdendo na estreia, e partiu logo pros Atps. Devia ter jogado outros Challengers ou quiça um Future pra adquirir ritmo de competição. Espero que não vire uma aposentadoria precoce, pois era mais jogador que Tsitsipas no saibro…

  35. Paulo Almeida

    Outra coisa que deve ter machucado demais os sofredores foi o cartaz do GOAT aparecendo toda hora em todos os jogos do GOAT. 😎😎😎😎😎😎

      1. Paulo Almeida

        Prefiro a do Djoko mandando aquele “ROAR” tradicional que faz todo mundo tremer de medo e com o escrito “GOAT” embaixo mesmo, kkkk.

        1. Sérgio Ribeiro

          Rapaz, fiquei impressionado como meia dúzia de Sérvios conseguem fazer um barulho incrível. Já passou da hora da Turma da Kombi fazer uma vaquinha e comparecer pra reforçar kkkkkkkkk. Abs!

      1. Paulo Almeida

        Esse está se contorcendo de raiva até agora com mais um Big Title do Maioral. 🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣

        GOAT real 6×0 GOAT paraguaio no Masters de Roma.

        1. Sérgio Ribeiro

          Goat Real 19 x 6 na Grama Sagrada. Com direito a HEXA no AOPEN, PENTA em sequência no USOPEN e OCTA em WIMBLEDON. E’ mole ou quer mais ??? . Ia me esquecendo do HEXA no ATP FINALS kkkkkkkkk. Não vais perguntar que tem mais FINAIS e Conquistas em SLAM ??? . Comemore as 1000 Vitórias que tem alguém com 1237 kkkkkkkkkkk. Abs!

          1. Sérgio Ribeiro

            Correção: O Craque Suíço possui 1251 . Pelo jeito rala, rala, rala , rala, “ goat “ paraguaio kkkkkkk. Abs!

          2. Paulo Sérgio

            Realidade:

            Só sobrou o recorde do Finals.
            Semanas como número 1 = Djoko
            Slams = Nadal
            Masters 1000 = Djoko
            Anos terminados como número 1 = Djoko
            Título de simples nas olímpiadas = Nadal
            Maior vencedor de Big Titles = Djoko
            Vencedor de todos os masters 1000 = Djoko
            Freguês em finais de slams = Federer
            Vantagem em finais de slams entre o BIG 3 = Nadal
            Vencedor de 4 slams consecutivos = Djoko
            Vencedor de, no mínimo, 2 slams = Djoko e Nadal
            Detentor de no mínimo dois masters 1000 no total = Djoko
            Vantagem no H2H = Djoko
            Maior pontuação em 1 única temporada = Djoko
            Miss Simpatia = Federer

          3. Paulo Almeida

            Eu e a ATP só consideramos Big Titles (nada de 500tinho chinfrim) e vitórias sobre top 10. Essas 1250 vitórias do Fregueser valem tanto quanto os gols do Pelé nos times do Exército e da Guarda Costeira.

            Abs!

          4. Sérgio Ribeiro

            Paulinho , compare o Craque Suíço com um de cada vez . Pegastes a feia mania da Turma da Kombi ( já és membro honorário) , de compará-lo aos dois oponentes ao mesmo Tempo rs . Vai um por um , não custa vai … kkkkkkkkkk. Abs!

  36. Luiz Henrique

    Dalcim, hoje temos Nadal, Tsitsipas e Alcaraz liderando o ranking da temporada, Djoko voltando a jogar, Medveded que cresce muito no segundo semestre.
    Em quem você aposta para terminar o ano como top 1?

    1. José Nilton Dalcim

      No momento, em ninguém. Está muito parelho. Mas o bom senso aponta para os mais versáteis, então Djoko e Alcaraz teriam preferência.

  37. maurício

    Parabéns, Dalcim, suas análises suas precisas e imparciais, sua honestidade intelectual é admirável se levarmos em considerações os tempos atuais, agora se vc me permite uma pergunta, queria saber sua opinião sobre o que vc acha que Nadal preferia encarar, antes da final, Djokovic ou Alcaraz? um abraço e fica em paz.

    1. José Nilton Dalcim

      Obrigado pelas palavras, Maurício. Acho que antes da final ele preferiria encarar o Alcaraz, que certamente sentirá o peso da importância do jogo, que muito provavelmente aconteceria pelas quartas ou semi.

      1. George Beco

        Discordo Dalcim, em uma final de RG, Nadal tem que se preocupar com ninguém do outro lado, não importa a fase, na final ele vai ganhar de qualquer forma, assim como no AO o sérvio vai ganhar de qualquer forma também, independente do adversário.
        E isso tá mais comprovado que eficácia de vacina.

  38. DANILO AFONSO

    Vejamos abaixo opiniões divergentes de dois torcedores do Federer sobre o início fraco do DJOKOVIC nos primeiros torneios no saibro:

    MIGUEL BsB
    25 de abril de 2022 às 08:18
    Quanto ao sérvio, ainda acho que ele vai pegar ritmo logo logo e lá por Roma voltar ao seu normal, e chegar forte em RG…

    RONILDO
    12 de abril de 2022 às 19:25

    “Na verdade este é o verdadeiro Djokovic do presente. Aquele Djokovic que corria atrás de toda bolinha e devolvia dentro da quadra adversária até cansar o oponente não existe mais. Ele está com 35 anos e esta idade é praticamente o limite pra quem pratica o tênis de maneira tão dependente do físico. Quando me refiro a limite, quero dizer que os títulos acabaram para ele. Nem ATP 250 vai conseguir ganhar mais, pois são torneios dificílimos. Mas ele pode continuar no circuito se desejar se tornar saco de pancadas de outros tenistas mais jovens.”

    RONILDO
    24 de abril de 2022 às 13:42

    “Na verdade era para o Djokovic ter caído na primeira rodada, no primeiro jogo. Mas o rival era um sérvio que ficou intimidado com a torcida. O natural à partir de agora é Djokovic sempre cair no primeiro jogo de cada torneio, até encerrar a carreira.

    1. Ronildo

      Eu me confundi com a idade dele. Achava que já tinha 35 anos. Realmente foi precipitado este comentário para um super atleta de 34 anos.

    2. Miguel BsB

      Caro Danilo. Não sou torcedor do Federer. Gosto de tênis…
      Admiro demais o Big3 e já torci para os 3 em momentos distintos, dependendo do feito que estava em jogo. Exemplo, torci para o Djoko ano passado vencer o USOpen, e fazer história fechando o Grand Slam anual. (Nolistas, por favor não me chamem de pé frio rs).
      Você nunca me viu aqui chamando algum deles de bagre, baloeiro, fregueser etc…
      Talvez por isso consiga fazer uma análise mais imparcial, sem deixar as paixões falarem mais alto.
      PS: admito que, em termos de estilo de jogo, o do Federer me agrada mais, até pq, como ele, bato meu revés com uma mão…rs
      Abs!

    3. Luiz Fabriciano

      Questões sempre enfáticas do Ronildo: “Nem ATP 250 vai conseguir ganhar mais, pois são torneios dificílimos.”
      Tivemos dois ATP250 antes de Madrid: um vencido por um argentino chamado Baez e outro vencido por um garotinho chamado Runne.
      Em sequência, vieram os ATP1000 de Madrid e Roma e até hoje procuro pelos dois vencedores dos 250’s.

      1. Sérgio Ribeiro

        Onde foi parar o Belgradao 2022 , caro L. F. 2 ? . Ouvistes falar no perdedor ??? Kkkkkkk. Abs!

        1. Paulo F.

          Talvez Roma seja um torneio ‘um pouco” melhor que Belgrado não?
          Ah, tu não curte muito Roma né?
          “Alguém” sempre fracassou por lá.

        2. Luiz Fabriciano

          O vice-campeão é o melhor tenista do mundo, só isso.
          Só não faz de um 250 um torneio maior, como fazes questão de fugir do assunto. Ademais, se a forma fosse a atual, o pneu teria sido para o outro lado.
          E como sempre preferes, pneu por pneu, fico com a final de Roma. Um torneio 4 x mais relevante.

        3. SANDRO

          Esse aí só devia tirar nota VERMELHA em Matemática… Afinal de contas, ele ainda não sabe a diferença entre um BIG TITLE de MASTERS MIL e um ATPzinho 250!!! Fraco e desesperado, afinal de contas o FREGUÊSer nem os ATP 250 consegue mais!!!

  39. DANILO AFONSO

    Ser HEXACAMPEÃO de Roma sendo contemporâneo do Nadal engrandece mais ainda o feito do Djokovic.

    Já são 11 títulos de Master 1000 no saibro. Ademais, é o único tenista que conseguiu vencer o rei da terra batida ao menos duas vezes no seu habitat (Monte Carlos, Madrid e Roma). Algo que nenhum tenista chegou nem perto de alcançar.

    Estatísticas como essas o distância, favoravelmente, ainda mais do outro postulante ao status de maior (ou melhor) de todos os tempos. A dedicação e competência tem peso muito maior do que qualquer análise subjetiva e rasa, escorada fragilmente apenas no gosto pessoal por determinado estilo de jogo ou plasticidade na execução de determinado fundamento (golpe).

    1. Luiz Fabriciano

      Exatamente.
      Dominic Thiem fez ontem dois tweeners no mesmo game, mas, mais uma vez foi eliminado na primeira rodada.
      Está certo que seu lado psicológico ainda não foi devidamente ajustado ao seu lado técnico, mas isso é para ilustrar que jogadas bonitas fazem parte do show (Monfils, Kyrgios etc), mas o que importa mesmo, no final das contas, é o resultado.
      John McEnroe foi o maior badyboy de sua época. Hoje é comentarista respeitado no mundo todo quando o assunto é tênis…
      Grande abraço.

    2. Paulo Almeida

      Danilão,

      Na verdade, foram 2 vitórias em Monte Carlo (2013 e 2015), 1 em Madri (2011), 3 em Roma (2011, 2014 e 2016) e 2 em Roland Garros (2015 e 2021). Também esteve próximo de quebrar o saque do espanhol e sacar pro jogo em 5-3 no quinto set no Major francês em 2013, mas teve aquela infelicidade de tocar na rede antes do segundo quique da bolinha. Indubitavelmente, Djokovic foi disparado o maior rival do Nadal no saibro.

      Abs!

      1. Sérgio Ribeiro

        E um dos maiores fregueses com 8 x 18 , perdendo TODAS as Três FINAIS em Roland Garros kkkkkk. Abs!

      2. DANILO AFONSO

        Vdd Nobre PA !! São tantos feitos do sérvio que até troquei pequena parte dos dados….rsrsrs

    3. Fabiano

      Por acaso o Djocovid aplicou pneu sobre Nadal no saibro?
      Numa final de masters 1000?
      Só existe um que fez isso, o maior e melhor da história, um certo suíço que nem preciso dizer o nome.
      Outra coisa. Masters mil de Hamburgo o Djocovid nunca ganhou, portanto ele não tem todos os master que disputou.

      1. Paulo F.

        Certo.
        – E quantas vezes o suíço venceu Nadal em RG?
        – Quantos títulos a mais em RG o suíço tem.em relação ao sérvio em RG?
        – Quantos títulos o suíço têm em Roma?
        – Quantos títulos o suíço tem em Monte Carlo?

        1. Sérgio Ribeiro

          O Craque Suíço possui SEIS MASTERS 1000 no Saibro ( mais que GUGA) . Já combinamos que risível e’ o comentarista kkkkkk. Abs!

          1. Paulo F.

            Se é assim, APENAS EM ROMA, Djokovic possui mais conquistas de M1000 no saibro do que o próprio Guga.

      2. Paulo F.

        Outra coisa:
        Ele ganhou SIM todos os torneios de M1000.
        Pois Hamburgo foi substituído por Xangai e ele ganhou boleiras por lá.
        E o terceiro torneio de saibro dos M1000, Madri (que herdou o piso de Hamburgo e substituiu outros torneios como Estocolmo e Stuttgart), ele também ganhou bastante.
        Assim sendo, não adianta dizer que ele não ganhou todos os M1000.

  40. sandra

    Dalcim, como você acha que com essa contusão seria do Nadal, ele vai conseguir jogar Roland Garros ? Acho estranho,com 3 sets sentiu dor , imagina com 5! Acho humanamente impossível!

  41. Paulo Almeida

    Retrospecto atualizado de DjokoGÊNIO contra jogadores bem mais jovens do que ele, a maioria top de linha:

    – 6×4 no Medvedev;
    – 7×4 no Zverev;
    – 7×2 no Tsitsipas;
    – 4×0 no Berrettini;
    – 7×0 no Shapovalov;
    – 3×0 no Ruud;
    – 5×0 no Fritz;
    – 1×0 no Sinner;
    – 1×0 no Aliassime;
    – 1×0 no Norrie;
    – 4×0 no Hurkacz;
    – 6×1 no Khachanov;
    – 2×0 no Musetti;
    – 2×0 no Kecmanovic;
    – 2×1 no Fokina;
    – 1×0 no Djere;
    – 1×0 no Rune;
    – 1×0 no Brooksby;
    – 1×0 no Draper;
    – 1×0 no Molcan;
    – 2×0 no Garin;
    – 1×1 contra Rublev;
    – 0x1 contra Alcaraz.

    Nem considerei o 7×5 no Thiem, pois a diferença de 6 anos e 3 meses é desprezível.

    Esse é o papai absoluto da NextGen, mas para quem não entende absolutamente nada do riscado, o Serbinator é o brinquedo deles, kkkkkkkk.

    1. Gildokson

      Sinceramente Paulo, essa lista é uma piada de mau gosto kkkkkkk
      Continua falando do que o sérvio conquista em feitos que realmente interessam.
      Colocar uma lista com vitórias em cima de um monte de “apenas” bons jogadores que são muito mais jovens que ele só pra dar base naquela teoria de que a idade não influencia, é forçar a barra demais.
      Nenhum desses caras aí é um extra classe como Federer, Nadal e Djokovic.

    2. Carlowagen

      “Gênio” dentro das quatro linhas. “Ingênio” fora delas. Teria a minha torcida sempre, se não fosse quem ele è.

      Quantos jà não se foram (ou tiveram parentes que se foram) por seguì-lo nas crenças questionàveis???

      Vamos contabilizar antes de rransformà-lo bo que ele não è?

      1. Paulo Almeida

        Estou falando dentro das quatro linhas mesmo, apesar de ele também ser inteligente em outros aspectos, como o Willian já frisou.

    3. Ronildo

      Ele jamais conseguirá vencer o Alcaraz. O Alcaraz joga igualzinho ao Djokovic e tem um repertório maior de golpes. A força mental também é superior. A não ser que joguem na grama.

  42. João ando

    Dalcim.da chave dos 128 tanto no masculino como no feminino teria alguém que pode surpreender que a gente não conheça? ??

  43. Carlos+Bicalho

    Favoritos para Roland Garros: 1. Djokovic; 2. Alcaraz; 3. Nadal. Só esses três tem chances. Se esses três se machucarem, ou desistirem, aí aposto: 4. Tsitsipas; 5. Zeverev.

  44. Luiz Fernando

    Rafa voltou aos treinos hj e chega quarta em Paris. Não estou entusiasmado com esse RG, mas sonhar não custa nada depois do AO 2022…

  45. Maurício Luís *

    Embora não seja eu torcedor do Djokovic, considero que ele já ultrapassou Graf no número de semanas como número 1. Porque a alemã foi beneficiada com aquela facada que o fã dela deu na Monica Seles, a qual estava dominando amplamente a alemã antes do atentado. Mas claro que a alemã não tem culpa dessas coisas extra-quadra.

    1. Paulo Almeida

      Sem pandemia, ele estaria com as 22 da paralisação e mais as 3 do Medvedev, ou seja, 397 garantidas, independentemente dessa questão da Graf.

      1. Sérgio Ribeiro

        Pra chegar nas 186 Semanas CONSECUTIVAS de Steffi e Serena não dá. O Sérvio ( o famoso vai e volta ) somente possui 122 . Tadinho kkkkkkkkkk. Abs!

        1. SANDRO

          Tadinho é vc de querer comparar recordes femininos com recordes masculinos, isso é impossível, ao não ser que Steffi Graf tivesse jogado o circuito masculino e disputando Grand Slams de 5 sets…
          Acontece que se essa hipótese absurda acontecesse e Steffi Graf disputasse o circuito masculino, ela não teria recorde nenhum e sequer teria ganhado qualquer Grand Slam!!!

    2. SANDRO

      Não dá pra ficar misturando recordes masculinos com recordes femininos simplesmente porque Stefi Graf não jogava o circuito masculino, não jogava Grand Slams com CINCO SETS, entre outras coisas… Logo, recordes masculinos são pra tenistas masculinos e recordes femininos são pra tenistas femininas e Djokovic não tem NADA A VER com os recordes da Setfi Graf ou da Margareth Court e vice veesa…

  46. SANDRO

    Ouvi por aí que:
    “Quem tem boca vai a Roma e… Quem quer ser GOAT tem que ser Campeão em Roma!!!”
    Neste quesito:
    Djokovic: HEXA Campeão em Roma!!!
    Nadal: DECA Campeão em Roma!!!
    Roger FREGUÊSer: ZERO títulos, pato freguês eterno de Roma!!! Nunca será GOAT!!!
    Os jovens Zverev e Tsitsipas já foram Campeões em Roma e Monte Carlo, respectivamente, enquanto o FREGUÊSer continua zerado??? Como assim??? Nunca será!!!

    1. Gildokson

      Tirar um sarro por Federer ser freguês do Djoko, tirar um sarro por perder os recordes e uma série de coisas, tudo bem.
      Agora tirar um sarro pq o Federer não ganhou o M1000 de Roma?
      Forçação de barra total!
      Realmente você é um cara bem “criativo” , para não dizer outra coisa.

      1. SANDRO

        Forçação de barra é o FREGUÊSer não conseguir ganhar sequer um titulo do Masters Mil de Roma, um BIG TITLE com as condições mais próximas de Roland Garros!!! Freguezaço!!!

      2. Willian Rodrigues

        Prezado, Federer participou do Masters de Roma em 16 oportunidades. Em Monte Carlo, 13 participações.
        Jamais ganhou um título em nenhum dos dois…
        Masters de Paris foram 12 participações e apenas 1 título.
        Eu, pelo menos, considero esse fato como critério para NÃO-GOAT. Rrrss…
        Dá sim pra tirar um sarro, né

    2. Miguel BsB

      Roma agora é pre requisito para GOAT?
      MELHOR VOCÊ CONTINUAR CHAMANDO A AUSTRÁLIA DE DITADURA E KIYRIE IRVING DE HERÓI…
      Desculpe a caixa alta Dalcim, mas acho que esse aí só consegue entender dessa maneira …

      1. SANDRO

        Claro que é pré-requisito SIM, com toda certeza e sem sombras de dúvidas:
        – Roma é um MASTERS MIL, um Big Title!!!
        – Roma é o MASTERS MIL que tem as condições mais próximas e parecidas com as de Roland Garros, então, Roma conta muito SIM!!!
        Não vai ser ganhando ATP 250 de Genebra que contará para o GOAT!!!

    3. JAN DIAS

      Que comentário estúpido Meu Deus!!
      Agora vencer em Roma É O ÚNICO CRITÉRIO PRA DEFINIR O GOAT!…
      Nobel da genialidade pra você..👏🏻👏🏻👏🏻

  47. Rafael Azevedo

    Esse Djokovic é sem comentários. A confiança e o domínio dele são absurdos.
    Minha aposta: No próximo duelo contra o Alcaraz, o sérvio vai arrumar um jeito de vencer.

    1. Maurício Luís *

      Se for em 5 sets, eu apostaria no sérvio. Torço pro Alcaraz, mas acho que a experiência pesa.

      1. Sérgio Ribeiro

        Então , Maurício. Dificilmente o possível encontro entre ambos não irá pro quinto Set . E já vejo o fenômeno em condições de levar o Sérvio ao limite . A conferir. Abs!

  48. Sandra

    Dalcim , quem você acha desse grupo de jogadoras tem mais condições de derrotar a polonesa ? A Isaka não seria uma delas ? Aliás quando a Osaka apareceu achei que ia varrer todo mundo

    1. José Nilton Dalcim

      Acho que ela não tem concorrentes no saibro hoje. Acha que a Paula Badosa faria uma boa temporada no saibro, mas não engatou. Osaka nunca jogou bem no saibro. Talvez Iga só volte a ter problemas na grama.

  49. Luiz+Fernando

    Parece q chegaram notícias de Paris, indicando uma romaria interminável na Paróquia de São Robin Soderling, com devotos ensandecidos e gratos pela graça dada em 2009…

  50. Sandro

    Declarações de Djokovic ao ser perguntado sobre seu “maior rival”:
    “…sem dúvida de que o maior adversário da minha carreira é o Nadal. Cresci a jogar com ele e melhorei durante toda a minha carreira graças ao impulso que ele me foi dando. Estou quase a fazer 35 anos, mas não me sinto perto da aposentadoria. A idade é só um número…”
    Então amigos, esse é o BIG 2 na ativa: NADAL e DJOKOVIC!!!

    1. Bruno

      Isso aí, Mario
      Vai ter a minha torcida também, junto com o Alcaraz.
      Vc sempre acredita no seu tenista preferido bem diferente de alguns aí.

      1. Paulo F.

        Só por que o nobre Luiz Fernando procurar ser racional analisando, não quer dizer que ele não vai deixar de acreditar no Rafael Nadal.

        1. Sérgio Ribeiro

          Jura ??? . Difícil saber se ele e ‘ mais racional que tu baba ovo. Pela mor … P.F . Kkkkkkkk. Abs!

        2. Bruno

          Paulo F
          Seu jeito me faz lembrar um personagem do Tom calvalcante ,o Pit Bitoca ,sempre advogando para o seu mestre.

          1. Heitor

            Então vc tb é porque VH escreve, vc diz amém. Sérgio Ribeiro, mais um amém. Gildokson, mais amém.
            Condena o Paulo F mas faz igual.

  51. Marcos Nagato

    Dalcim, isso da Iga ter ganho os 4 1os WTA 1000 da temporada, ou mesmo 4 disputados em sequência, não foi inédito?
    E se continuar nessa pegada igualará ou passará a série de 35 vitórias de Venus…

    1. José Nilton Dalcim

      Ele ganhou três seguidos e quatro no total da temporada, já que pulou Madri e Stuttgart não é 1000, é 500. A única a ganhar quatro seguidos foi Serena, em 2013. Sem dúvida, poderá igualar as 35 de Venus se vencer também Roland Garros, mas o recorde absoluto é muito maior: 74, de Navratilova, em 1984.

      1. George Beco

        Interessante você falar isso, Dalcim, fui analisar, acho que a Martina é maior que a Graff e a Serena juntas. Tendo em vista que o AO naquela época não era tão levado a sério como hoje, e também o tanto de Roland Garros que ela não jogou também, dava pra ter tido uns 30 GS se fosse hoje em dia.
        Acho que é a melhor de todos os tempos.

  52. Heitor

    Ninguém é obrigado a gostar de ninguém.

    Agora, o ser humano que ainda minimiza ou diminui ou ridiculariza Djokovic não pode ser levado a sério

    1. Rodrigo S. Cruz

      Explica esse “raciocínio” aí pra gente , katso.

      Não pode ser levado a sério quem ridiculiza o Djokovic, mas quem ridiculiza o Federer pode ser?

      kkkkkk

      1. Heitor

        “Katzo” é a tua deficiência na interpretação.
        Eu disse que não se pode diminuir o Djoko, onde que eu disse que o federer pode??
        Tipo:
        -gosto de banana.
        -então não gosta de maçã, fdp!!

  53. Nattan Lobatto

    Incrível como o Djoko vem se consolidando o maior de todos os tempos! Não fosse o lance da vacina esse papo nem estaria em discussão. Hj, por exemplo, nem se estivessem Federer e Nadal do outro lado escapariam do pneu no 1° Set.

    Que venha o Roland Garros! 💪🏻

    1. Ronildo

      Impossível alguém que não mostra compaixão a boleiros entre 10 a 12 anos ter compaixão de um cara como o Tsitsipas.

      Mas Luiz Fabriciano, conceda por favor um pouco de inteligência à seus interlocutores. Se alguém te fala uma coisa que te parece óbvia demais, tente perceber se a pessoa está sendo irônica ou sarcástica.

        1. Ronildo

          Quanto a esse julgamento Sandro, eis que eu te digo: em verdade, em verdade, muito depende do estado ou da qualidade do espírito da pessoa que analisa a questão.

        2. Rodrigo S. Cruz

          Hahaha

          Olha só quem fala.

          Vc escreve coisas tão patéticas aqui que até o Miguel que é um dos foristas mais serenos já perdeu a paciência contigo…

          1. Ronildo

            Neste caso vou ser sereno contigo Rodrigo: ele perdeu a dita paciência quando eu falei que a única certeza em RG é o título da Iga Swiatek, a menos que a Raducanu opere outro milagre.

            Onde está a pateticidade disto?

            Ou

            Porque uma frase desta é classificada como patética?

      1. Luiz Fabriciano

        Puxa prezado Ronildo, agora tu colocaste Tico e Teco para brigar em minha cabeça.
        Nunca sei se tu está sendo irônico, sarcástico, falando sério etc.
        Suas declarações, na maioria, são extremamente fora de lógica… me desculpe.

        1. Ronildo

          Em se tratando de esporte, quem deveria levar muito à sério, deveria ser o atleta, sua equipe, família e demais dependentes. Os apreciadores deveriam se divertir de maneira saudável.

  54. Carlo R. G.

    Com relação a lista de favoritos para Roland Garros:
    – na minha opinião, esse ano há vários tenistas (dentre os 8 primeiros), em condições de derrubar um cabeça e podemos ver cabeças importantes se degladiando lá pelas quartas, invertendo alguma lógica previamente estabelecida.

    Então, eu não arrisco favoritos para RG este ano.

    Já vimos que Rafa Nadal dependerá muito do físico: se o físico colaborar, será favorito até pelo menos as 4as, daí em diante fazendo duelos parelhos. Mas se o físico nao ajudar, poderemos ter um WO ou uma derrota inesperada em qualquer rodada da sefunda semana.

    Para Alcaraz, a partir de agora estão subindo o sarrafo e ele será testado tendo que saltar mais alto a cada novo toeneio. Aqui torcemos para que corresponda as expectativas.

    Tsitsipas e Zverev, podem ser beneficiados ambos por quedas precoce de tenistas, ou pegar alguém inspirado (leia-se Korda, Aliassime ou mesmo um ao outro) e ficarem pelo caminho.

    Como “favorito” nao acredito em ninguém fora dos 8 primeiros para fazer final, salvo um desastre com os favoritos.
    Favoritos, leia-se: Nadal, Djoko, Alcaraz, Tsitsipas, Zverev, Aliassime, Rublev.

    E o Medvedev? O urso está hibernando e só acordara na temporada americana de quadras duras.

    Todos aguardamos uma nova boa participacao do Musetti.. e o Kyrgios derrubando alguém melhor rankeado numa rodada… para entregar o jogo na rodada seguinte pra quem quer que seja

    1. Luiz Fabriciano

      Kyrgios já disse há bastante tempo que Paris, só em 2023, pois a namorada desejou conhecer a cidade-luz.

        1. Paulo F.

          SIM!
          Igual aconteceu em Madri e em Roma né?
          Pouco público com a ausência do Kyrgios!
          kkkkkkkkkkkk

  55. Alexandre

    Dalcim,
    Boa noite!
    De fato também sigo na sua opinião, pois essa é a lógica. Djokovic campeão em RG e ainda mais com o Miúra abaixo dos 100%. Realmente será difícil o título sair desses quatro, mas ainda continuo achando que o melhor do Alcaraz ainda está por vir neste RG…ainda continuo apostando que esse garoto vai causar “pânico” em todo circuito e irá muito além de todas as expectativas que estão fazendo sobre ele. Nole é favoritaço, Nadal favorito, mas quem vai faturar será o garoto!!!…torço para que ele tenha a possiblidade de enfrenta-los em uma final!!!!
    Brilhante texto mais uma vez, parabéns!!!

  56. Heitor de Castro

    Concordo plenamente, mestre Dalcim!

    E aos que estão duvidando de Nadal e Djokovic por conta da idade ou do físico porque terão que jogar 5 sets, por outro lado lembro que em GS é diferente dos torneios normais de ATP e há um intervalo de quase 48 horas entre um jogo e outro (lembrando que essas feras só atuam em quadra central ou na quadra secundária, todas cobertas e sem atrasos de jogos). Ou seja, apesar de 5 sets terão tempo de descanso entre as partidas para recuperar o corpo.

    Minha torcida vai para Djoko, mas ficaria muito feliz em ver mais um título do Nadal ou até mesmo dos super-azarões Murray e Wawrinka (que, claro, não ganharam, mas torço que ao menos avancem na primeira fase). Torço pela velha guarda do tênis.

  57. Carlo Vargem

    E “Djokovic apimenta Roland Garros”, recuperando a boa forma de sempre.

    Se aos 30 e poucos já nao tem a mesma gana de Alcaraz, soube ao menos buscar seu ápice juntamente ao início do torneio de maior importância. Sensacional!

    E claro, se ganhar, apimenta também aquela discussão indigesta.

    Infelizmente, não acompanho a WTA desde a Sabatini. Nunca encontrei afinação para acomapnhar as irmâs Willimas. Seu comporramento me recorda a uma amiga de treino com quem não me dava.

    Ps: apenas para esclarecer: nosso esporte era bolinhas de gude…

  58. Rafael

    Mestre,

    Acho que Zverev não pode ser descartado. E Alcaraz em 5 sets será uma incógnita. Pra mim tá entre Djokovic e Nadal. Tsisipas sempre amarela. Não dá pra acreditar nele.

    1. Sandro

      Acho que vc está sendo um pouco cruel com o TSITSIPAS quando afirma que ele sempre amarela…
      Afinal de contas, o TSITSIPAS perdeu para o Djokovic depois de um TIE BREAK com um placar apertado de 7 a 5 em Roma.
      Além disso, TSITSIPAS foi recentemente Campeão no Masters Mil de Monte Carlo e semifinalista do Masters Mil de Madri, que são excelentes resultados no saibro. Por isso, não acho que ele possa ser considerado amarelão…

  59. João ando

    Djokovic favorito depois alcaraz. Nadal deve abandonar a primeira ou segunda partida devido a problemas físicos. Iga super favorita ….a segunda seria ons jabeur…?

  60. Edgard Upinho

    Dalcim, mais uma vez, irretocável o texto e a pré-análise para RG. Como será que Djoko encontra tempo pra aprender tantos idiomas, hein? ele também fala alemão, espanhol. Além de um grande campeão, dá exemplo tb como poliglota e alguém que busca elevar-se também intelectualmente. Caso ele vença RG, o título estará em boas mãos, pois entendo que ele merece ser o único a ter três troféus de cada slam. Também concordo que jamais devemos duvidar da capacidade e das possibilidades do touro espanhol. Abraço, Dalcim.

    1. José Nilton Dalcim

      Ele treinou com o Riccardo Piatti por um bom tempo na Itália, Edgard, daí sua afinidade com o italiano. Mas ele já revelou ter grande facilidade com idiomas.

    2. Sandro

      SUPERDOTADO… É o que explica Djokovic ser fluente desde cedo em vários idiomas, o cara é SUPERDOTADO!!!

      1. Willian Rodrigues

        Prezado Sandro, essa designação de “superdotação” é bem polêmica. Até porque costuma-se levar em consideração apenas os quesitos memória e raciocínio lógico formal (principalmente este último). Mas, é uma discussão que não convém agora.
        Com certeza, o sérvio possui inúmeras facetas da inteligência bem desenvolvidas, incluindo-se oratória, domínio de diversas línguas, raciocínio rápido e aptidão para o esporte, etc.
        Ele só poderia ser um pouquinho mais cientificista, né?
        Admitir uma “vacinazinha”, e tals… Rrrss

        1. SANDRO

          Não, não poderia não, porque além de superdotado na área de linguagens e no esporte, Djokovic tem personalidade, não é Maria Vai Com as Outras e segue outro tipo de Medicina mais natural do que aqueles que se restringem somente à Alopatia. Além disso, Djokovic é defensor das liberdades de expressão, de crença filosófica e de qual tipo de tratamento a ser submetido, dentre outras liberdades…
          Ciência: existem várias vertentes dentro da ciência e não apenas uma ciência, se vc se restringe a apenas UMA, o problema é seu, o Djokovic não está nesta redoma ideológica e tem a mente aberta a outras realidades e experiências, não à toa, vive se reinventando e surpreendendo a todos , justamente como foi agora em Roma…

          1. Willian Rodrigues

            “Djokovic tem personalidade…” – admirável, de fato. Mas, isso não torna o sérvio dono da razão! Não é porque ele se coloca como naturalista e afins que todos devemos segui-lo cegamente. Admiro o atleta, mas sou reflexivo.
            “não é Maria Vai Com as Outras e segue outro tipo de Medicina…” – lamento, mas a ciência positivista e o método cartesiano é que levaram ao desenvolvimento de vacinas que salvam/salvaram bilhões de pessoas de uma morte precoce. Nem vou me alongar mencionando outros tantos benefícios para a humanidade como, por exemplo, as tecnologia que agora usamos para nos comunicar.
            “defensor das liberdades de expressão, de crença filosófica…” – Eu também sou defensor de toda forma de liberdade como você mencionou! Porém, NUNCA em detrimento ao bem-estar da maioria. Jamais de forma egocêntrica e prejudicando os direitos dos outros; no caso em questão, o direito à vida… especialmente, daqueles que por motivos de doença ou mesmo questões políticas e financeiras (você deve saber disso) não puderam se vacinar contra o Sars-Cov2.
            Fique bem.

      1. Sandro

        Sem dúvidas que a sequência da IGA é muito mais impressionante, ainda mais em se tratando de tênis feminino que, até então, havia uma grande rotatividade de campeãs de torneios até chegar essa dominância da Iga…

  61. Daniel+C

    Ainda bem que não perdi meu tempo vendo essa final entre os dois jogadores com mais desvios de caráter do circuito atual. Essa geração perdida (Zverev, Tsitsipas e cia) são muito fracos mentalmente, aposto que o sérvio chiliquento torce para ter esses caras em suas chaves para continuar a mesma moleza dos últimos anos.

    O mais engraçado foi o Tsitsipas tentando enganar a si mesmo, dizendo que tinha “aprendido algumas lições” dos jogos passados contra o sérvio, e começa a final levando um pneu kkkkkkkk. Mas eu já sabia que era só discurso mesmo, o grego vem oscilando muito e ano passado mostrou ter um mental horrível ao entregar a final de RG rs.

    Bem, ainda não acho que sérvio é favorito pra RG. Pra quem tem 35 anos, vem fazendo muitos jogos com muitas trocas de bolas e tem que ver se vai aguentar ainda outros 7 jogos de correria e trocacão de bola contra a garotada em melhor de 5 sets. Apesar dele ter um superfisico (e ser vencedor por causa desse físico), uma hora esse físico começa a apitar com mais frequência (como vimos na final de Belgrado, basta o pessoal se manter no jogo e fazer ele jogar, como fez o Rublev na ocasião)

    Pelo que vi em Roma, acho que o Ruud e o Aliassime podem surpreender em RG. Desperdiçaram chances contra o encosto em RG e podem tirar lições para RG. O Tsitsipas só tem chances se não cruzar contra o antivax, mas espero me enganar kkkk

    Mas enfim, que o cara vai chegar forte em RG, isso é inegável. Mas o cenário está bom assim, deixa o cara com a mídia em cima e a pressão do favoritismo. É nessas horas que uma queda do cavalo é ainda mais saborosa kkkkkk. Resta torcer para algum jovem fazer o serviço e vamos ter que depender do Alcaraz rsrs. É aquela coisa, a desgraça já tá feita (o sujeito venceu muito mais do que o tênis deveria permitir), agora cada deslize deve ser comemorado, pois impede que as conquistas sejam ainda maiores rs.

    Que venha RG! E que o Nadal consiga voltar 100%!

    1. Sandro

      Aos FRUSTRADOS E INVEJOSOS só resta SOFRER, RALHAR, RESMUNGAR, DEPRECIAR etc… Cuidado com as gastrites e as hemorróidas..

    2. Sandro

      Enquanto Djokovic e Tsitsipas estavam jogando vc deveria estar assistindo à reprise do jogo de gamão entre o FREI GALVÃO e a MADRE TERESA DE CALCUTÁ ao som de canto gregoriano, não é mesmo???

      1. Daniel+C

        Putz Sandro, uma pena que perdi essa partida de gamão, devia estar super interessante. Na verdade eu aproveitei o domingo ensolarado para praticar um pouco de esportes. Corri 10 km, e depois almocei bem! Aí de tarde, continuei a leitura da biografia do Roger Federer, o maior jogador de tênis que já vi! Abs!

        1. SANDRO

          Então vc deve ver o FREGUÊSer vc deve ter contraído catarata pra não ter visto o BIG 2, Nadal e Djokovic, muito maiores que o FREGUÊSer…

      2. Paulo Almeida

        É claro que ele viu o jogo após uma noite muito mal dormida e cheia de pesadelos com o sérvio, Sandrão.

    3. Paulo Almeida

      Quer enganar quem, freguês?

      Você estava secando o GOAT até no Belgradão, postou logo após a derrota e com certeza “perdeu tempo” ontem roendo as unhas em mais um título gigante dele. As risadas desesperadas corroboram esse fato.

  62. Gildokson

    Inacreditável como as coisas mudam de uma hora pra outra quando se trata desses monstros. No começo do ano parecia que esse seria o ano da consagração final de Rafael Nadal, o ano que o colocaria acima de seus rivais na velha discussão sobre quem é maior tenista da história. Os astros haviam se alinhado e o sérvio com suas falhas de caráter se perdendo sozinho em confusões desnecessárias. Pois bem, do nada tudo parece mudar justamente na temporada do saibro e o monstro sérvio volta a brilhar e agora eu mesmo já acho quase impossível ele não vencer ou RG, ou WB, ou até os dois.
    Esse cara não sabe existe, não é possível.

  63. FLAVIO

    Mestre Dalcin o Djokovic mostrou que é fera mesmo e merece todo respeito junto de Nadal e do Maestro(Federer), também mereceu vencer o master de Roma pois não perdeu 1 set, agora o Tsitsipas é muito bundão(desculpa a palavra viu mestre) porque ele conversou demais achando que a derrota de RG para Djokovic o faria aprender, mas na verdade parece que não porque ele tremeu de novo para o sérvio além d etomar um pneu ele tinha um 5×2 de frente no segundo set e jogou fora, e depois que Djokovic empatou em5x5 era questão de tempo que o mental do Djokovic iria arrebentar o grego, isso também mostra que se o Tsitsipas não melhorar o seu mental quando enfrentar jogadores melhores do que ele como: Nadal, Djokovic e Medvedev ele nunca vai ganhar slam ,e assim vai ficar nessa de ser apenas um bom jogardor nada a mais do que isso porque o seu mental se mostra limitado. O Alcaraz que só tem 19 anos demonstra ter um mental melhor que do grego e até ele pode passá-lo daqui alguns dias( se é que não passou) e acho que o Alcaraz tem chances nesse RG ao lado de Nadal(se tiver 100%) e Djokovic, então mestre vc acha que o título de RG vai sair desses três? Abraços

    1. José Nilton Dalcim

      Como eu disse, acredito que existem quatro com maiores chances e não descartaria Tsitsipas, mas o deixaria em quarto.

  64. Wilson Rocha

    Nadal favorito??? Só se for pelo passado. Precisaria de uma combinação muito grande, a começar pelo sorteio.

  65. Ronildo

    De certeza em RG, só mesmo o título da Iga Swiatek, isso se a Raducanu não operar outro milagre.

    Deveras, foi um desastre o primeiro set para o Tsitsipas. Entrou muito frio, sem intensidade e foi engolido. Djokovic como sempre estava incansável.

    Em RG será tudo diferente. Melhor de 5 sets. 35 anos completos. A idade vai pesar.

    1. Miguel BsB

      Raducanu? Kkkkkkkkkk
      Para um pouco Ronildo, dá um tempo cara.
      Vc escreve essas asneiras pra causar, só pode. Não é possível que vc acredita no que escreve…

      1. Ronildo

        Miguel, no tênis tudo é possível. Posso te lembrar de muitas conquistas fantásticas de vários tenistas. Mas ficando apenas na Raducanu, antes da competição iniciar, alguém acreditava que ela seria campeã do US Open em 2021? A situação é a mesma para RG 2022: ninguém acredita que ela pode ser campeã. Porém como ela já operou um milagre, é mais provável que ela opere um segundo do que outra tenista sem nenhuma experiência neste ramo conseguir o primeiro.

        1. Miguel BsB

          No saibro? Em RG? Na fase em que ela está?
          Jamais. Impossível. Nem com o maior milagre da história do tênis…

  66. Sandro

    Além do BIG 2, Djokovic e Nadal, que não posso descartar nunca do favoritismo de ROLAND GARROS, a galerinha da nova geração que tem mais chance de aprontar pra cima do BIG 2 em ROLAND GARROS, ao meu ver, seria: Alcaraz, Zverev, Tsitsipas, Ruud, Aliassime, Sinner, Hurkacz e Shapovalov.
    Vejamos como será o chaveamento, só tem o BERRETINI de desfalque considerável, este ROLAND GARROS 2022 promete jogos fantásticos!!!

  67. Maria Izabel

    Djockovic arrasou o Tsitsipas,levar um pneu em uma final?Soberbo o jogo do Djockovic é o cara a ser batido em RG.Só colocaria o Alcaraz e Nadal.
    Zverev,Tsitsipas,Aliassime dão zero segurança para serem finalistas.Na hora do vamos ver,eles não se seguram.Thien se estivesse bem estaria entre os quatro.Alcaraz espero ter uma boa expectativa.E Nadal se estivesse muito bem aí seria uma outra história. RG esse ano terá surpresas .
    No feminino é a Iga a favorita. Está jogando uito.

  68. Sandro

    HEXACAMPEÃO DE ROMA!!!
    RECORDISTA ABSOLUTO com 38 MASTERS MIL!!!
    MONSTRO!!!
    ANIMAL!!!
    EXTRATERRESTRE!!!
    INTERGALÁCTICO!!!

    Vejam os FATOS depois de hoje:
    MASTERS MIL DE ROMA:
    NADAL: 10 TÍTULOS!!!
    DJOKOVIC: 6 TÍTULOS!!!
    FREGUÊSer: ZERO TÍTULOS, VIRGEMZÃO FREGUEZAÇO de ROMA!!!

    NO TOTAL DE MASTERS MIL:
    DJOKOVIC: 38 TÍTULOS!!!
    NADAL: 36 TÍTULOS!!!
    FREGUÊSer: 28 TÍTULOS, DEZ títulos A MENOS que Djokovic!!!

    E ainda tem viúva invejosa e frustrada do VIRGEMZÃO ZERO TÍTULOS FREGUÊSer de ROMA que acha que ele pode competir com o BIG 2, NADAL e DJOKOVIC pelo título de GOAT…
    Como um VIRGEM ZERO TÍTULOS e FREGUÊS do saibro sagrado do SACRO IMPÉRIO ROMANO pode ser GOAT? Nunca!!!

      1. SANDRO

        Obrigado pelo diagnóstico… Economizou o cachê que eu iria pagar à Mãe Dinah pra dizer a mesma coisa…

    1. Maurício Luís *

      Pelo visto, você pensa que escrevendo em letras maiúsculas (= gritando) vai fazer com que os torcedores do outro lado passem para o seu lado. Lamento informá-lo que NÃO. Na falta de vocabulário para encontrar as palavras certas, recorre aos gritos.

      1. SANDRO

        Se vc escreve gritando, é problema psiquiátrico seu… Eu escrevo bem quietinho na Paz e na tranquilidade da varanda da minha fazenda, ao som dos pássaros de dia e dos grilos à noite ou da minha casa de praia deliciando da brisa marítima … Se eu uso MAIÚSCULAS é para frisar como se fosse negrito, ou vc acha que eu seria louco de ficar escrevendo gritando aqui???
        E outra: não quero que nenhuma viúva do Roger FREGUÊSer passe para o meu lado, porque pra mim quantidade não quer dizer qualidade, e quero distância de fanáticos utópicos habitantes de Nárnia…
        Aliás, prefiro que as viúvas sofram na sua utopia delirante, inflamando cada vez mais as suas gastrites…
        Não idolatro ninguém, só faço a análise de fatos, e contra fatos não há argumentos… Não puxo a sardinha nem pro Djokovic, nem pro Nadal, só acho que o GOAT está entre o BIG 2 e o FREGUÊSer está totalmente fora dessa disputa já que os números e a freguesia dele estão abaixo de Nadal e Djokovic…
        E, se algum dia na história, jogadores como Alcaraz, Tsitsipas, Zverev, ou algum outro que surgir por aí, superarem os números de Grand Slams e Masters Mil de Nadal e Djokovic, eu o considerarei o novo GOAT, sem problemas!!!
        Eu apenas não sou fanático ao ponto de achar que um cara que foi nitidamente ultrapassado por Nadal e Djokovic possa ser o GOAT…

        1. Maurício Luís *

          Fui bem claro, Sandro. Na internet, há uma convenção: escrever tudo em caixa alta é como se o internauta estivesse gritando. O próprio blogueiro já o alertou para isto. Eu não disse que você grita enquanto escreve. Independente disto, concordo com algumas coisas que você escreve e com outras não… mas todas eu respeito… o que não é fazer mais do que a minha obrigação. Boa noite.

        2. Gildokson

          Você devia ter mais educação e respeitar o que o dono do blog pede e parar com essa idiotice de letras maiúsculas sempre.
          Ahhh! E assumir que é com a intenção de gritar sim!
          Tu acha que somos bobos e não sabemos o que é uma gozação em tom de zuera gritando para os rivais? Você faz da única maneira q dá pra fazer aqui. Escrevendo desse jeito.
          O pior torcedor do falsificador de exames disparado!!!!

          1. SANDRO

            Larga de ser louco, você acha mesmo que eu acredito nessa “FANTASIA DE INTERNET” de que se grita com letras???
            Pra mim quem grita tem que gritar com a boca e em em alto e bom som e não com letras digitadas em um texto!!!
            Só louco mesmo pra acreditar que letras maiúsculas são gritos, ai que pobreza de espírito isso…
            Eu, particularmente, só grito com a boca e não com letras e nunca irei entrar nessa paranóia de vcs de achar que eu estou gritando com um texto…
            Kkkkkk quanta loucura desse pessoal histérico kkkkkk
            Qual volume do grito das minhas palavras, hein especialista psicodélico???
            Daqui, quando leio ou escrevo, eu, pelo menos, não escuto grito nenhum…
            E se, por acaso, algum dia eu ler um texto em MAIÚSCULAS e ouvir alguém gritando, por favor me ponham em uma camisa de força, me prendam em uma solitária dentro de um hospício e joguem a chave fora…
            Kkkk que coisa de louco de pedra esse negócio de grito por escrito, Kkkkkk , gentem, só louco mesmo!!!

      2. Paulino

        Eu entendo o Sandro. As letras maiúsculas mostrando os inúmeros feitos do GOAT, é um protesto, pelos inúmeros impropérios contra o Numero 1 da ATP, contra os politicamente corretos e ressentidos, pela evidente superioridade de Djokovic sobre seus preferidos. Sandro foi até leve e comedido na sua reação. Eu seria mais pesado e contundente contra essa intolerância raivosa que se lê nos comentários. Bravo, Sandro!

        1. SANDRO

          Valeu Paulino, ainda bem que vc entende o quis expressar e contra fatos, não há argumentos, apesar de muitas viúvas do FREGUÊSer quererem depreciar os feitos de DJOKOVIC e também de NADAL, não tem como não valorizar uma conquista fenomenal como esta: HEXA CAMPEONATO DO MASTERS MIL DE ROMA e 38 incríveis títulos de MASTERS MIL, que só comprova a superioridade absoluta do CRACAÇO que é Djokovic em relação ao virgemzão zerado de Roma que é o FREGUÊSer…

          1. Maurício Luís *

            De repente, do nada, aparece um Paulino que nunca comentou aqui elogiando você. Pra mim é fake seu.

    1. José Nilton Dalcim

      Acho que a chance dele reside na queda prematura de pelo menos dois desses quatro maiores candidatos.

    1. Paulo Almeida

      O Craque vinha desacreditado e bateu três top 10, incluindo o atual bicampeão de Monte Carlo, então foi parrudinho pelo menos. Parrudaços foram os títulos de 2011 e 2014 e o de 2015 um parrudo normal.

      1. Paulo Almeida

        Depois de Indian Wells, acredito que seja o Masters mais prestigiado. Logo, Roma é o sétimo torneio mais importante, atrás também dos quatro Slams e do Finals.

        Abs!

  69. PAULO+ROBERTO+BELINATI+PAULI+JUNIOR

    A Bia também deve ter entrado em RG nas duplas. Vai ser com sua tradicional parceira Danilina? Quão bão se fosse com uma parceira melhor. Já pensou? Bia e Stefani jogando juntas o ano que vêm!!

    1. Ronildo

      O primeiro set foi um desastre para Tsitsipas. Em RG a juventude vai prevalecer. Mesmo porque lá um tenista habilidoso como o Tsitsipas joga mais solto, visto poder perder até 2 sets e mesmo assim ter chance de vencer a partida.

  70. Marcelo+Costa

    Cabe ao jovem Alcaraz dar conta de toda expectativa sobre ele, a Iga senão vencer será zebra, Nada, seria muito triste ver ele desistir com dor em seu pé.
    O sérvio é um capítulo a parte, parece em forma, com fome e com a técnica em dia.
    Que venha a terra sagrada, onde há um rei, e todos seus suditos

  71. lEvI sIlvA

    Dalcim, como sempre, um primoroso posto dando a prévia de RG…!!
    Só acho que, há uma palavra a corrigir ali, na última frase quanto a performance de Iga.
    …”com raros momentos de (des) equilíbrio ou queda de de intensidade”.

    1. José Nilton Dalcim

      Eu quis dizer equilíbrio dos jogos mas acho que sua interpretação é perfeitamente válida.

  72. Paulo Almeida

    63 Big Titles
    38 Masters 1000
    1001 vitórias na carreira
    372 semanas como número 1 asseguradas

    O GOAT até tenta se sabotar e perde um trimestre de torneios, mas depois vai lá e aumenta ainda mais seus recordes absurdos!!!

  73. Rossini Santiago

    Falou tudo: Medvedev como 2 é desperdício nessa chave. Quem não se lembra dos pitis dele sentado na cadeira no intervalo dizendo em voz alta que odeia jogar ali. Podia nem ir, fazer como o Kyrgios.
    Mais uma semana e vejamos as primeiras rodadas dos 4 favoritos aí pra gente sentir um pouco. Um azar de sorteio, mexe um pouco aí com as variáveis.
    Quem sabe Dalcim, uma coluna antes da chave de RG, sobre possíveis primeiras rodadas e chaveamentos complicados aí para os favoritos

  74. Leo Gavio

    Djokovic, pela primeira vez, é o favorito pra Roland Garros nas casas de aposta, surpreedentemente Alcaraz é o segundo favorito e Nadal apenas em terceiro.

    Engraçado que as casas de aposta colocam Alcaraz como segundo favorito em Wimbledon. Overrated total.

    1. Felipe Buchi

      Vc que tá por fora.. o cara ganha tudo que joga basicamente, tem 32-3 no ano e não é segundo favorito ? Quem é então ? Eu colocaria até em 1°.

  75. Paulo F.

    Favoritos para Roland Garros 2022:

    1 – Carlos
    2 – Alcaraz
    3 – Garfia
    .
    .
    .
    4 – Nadal
    .
    .
    .
    5 – Tsitsipas
    6 – Zverev
    7 – Ruud
    8 – Schwartzman
    9 – Sinner
    .
    .
    .
    127 – Sobrinho do Meligeni.
    128 – Novak Djokovic

      1. Paulo F.

        Tu acha que irei incluir para Roland Garros alguém que tem a mesma quantidade de conquistas do Gaston Gaudio?
        kkkkkkkkkkk

        1. Alessandro Siqueira

          Paulo, esse título suíço é meio sueco, não? Não fosse um certo Robin (Soderling, mas fazendo as vezes de Hood) cuidando do “trabalho sujo” na semi, acho improvável que o troféu chegasse para o helvético.

  76. Wadih

    Dalcim o BrunonSoares deu uma sumida ele estava machucado? Ele se separou o J. Murray? E o Mello tb separou no Dodig?? Por ultimo, previsao pra volta da Luisa? Abracos!!

  77. Luiz Fernando

    Djoko é o favorito mesmo, claro q p quem raciocina com isenção. Seu maior adversário está em um mau momento físico e técnico, Rafa, claro. Apesar de todos estarmos encantados c Alcaraz, ele é uma incógnita num eventual jg decisivo de 5 sets. Quanto a eterna nextgen, quem apostaria dinheiro em algum deles? Talvez só o Ronildo…

  78. rafael

    O volume de jogo do sérvio foi tão grande no 1 set que parecia que o grego estava sem energias. Espetacular! Realmente a confiança do Djoko voltou e agora ele tem 38 masters – 2 a mais que Nadal e 10 a mais que Federer. Os adversários que se cuidem!! Iga é um show a parte. Tênis versátil com um poderio ofensivo absurdo! Que venha Roland Garros! Mestre, notícias do Nadal? Será que ele joga?

Comentários fechados.