Embolado e divertido
Por José Nilton Dalcim
27 de maio de 2021 às 18:11

A briga pela soberania nos troféus de Grand Slam não poderia ter ficado mais atiçada com o sorteio de Roland Garros. Ao reunir pela primeira vez num Grand Slam todo o Big 3 no mesmo lado da chave, os espirituosos deuses do tênis deram a Novak Djokovic condições de impedir que Rafael Nadal ou Roger Federer se isolem com o 21º troféu e colocaram nas mãos do sérvio a oportunidade de encostar de vez nos dois e chegar aos 19 títulos. O sobrevivente desta batalha titânica tem grande chance de encarar na final um adversário sequioso por mudar a história.

Ao olhar a chave, não se vê enormes obstáculos para o duelo direto entre Nole e Federer e de um deles diante de Nadal. Difícil imaginar que Djokovic se atrapalhe com Pablo Cuevas, Ugo Humbert ou David Goffin antes de chegar nas quartas. O suíço é claro gera muitas incógnitas e teria de ganhar de jovens como Taylor Fritz, Matteo Berrettini ou Felix Aliassime para reencontrar o sérvio no saibro parisiense. Mas já aprendemos a nunca duvidar de Federer. E se acontecer, a lógica diz que estará mais para o placar de fáceis 3-0 de 2012 para Djoko do que para o show do suíço de 2011.

Cheio de moral depois de Roma, Nadal aguarda Lorenzo Sonego na terceira rodada e Jannik Sinner nas oitavas, jogos que exigem máxima seriedade. Daí pode acontecer qualquer coisa. Andrey Rublev é o candidato natural, mas seu setor tem Diego Schwartzman, ainda que viva fase de baixa, e Aslan Karatsev, sempre perigoso quando joga solto. A melhor aposta é vermos na semi o nono duelo entre Rafa e Djokovic somente em Roland Garros, dos quais o espanhol ganhou nada menos do que oito vezes. Alguém arrisca hoje um favorito?

Tsitsipas tira a sorte grande
Apesar dos pesares, o sorteio da chave masculina até pode ser considerado equilibrado, já que dividiu as forças nas duas metades da chave. Afinal, apesar do momento ruim, Dominic Thiem é um nome muito respeitável em Paris e o austríaco pode ficar muito perigoso se readquirir confiança. Ele provavelmente terá de passar por Alexander Zverev antes de cruzar com Stefanos Tsitsipas. Por isso, arriscaria a dizer que se vislumbra um finalista inédito em Roland Garros.

O caminho de Thiem começa com Pablo Andujar e deve seguir com Federico Delbonis e Fabio Fognini. Jogos exigentes mas administráveis. Seu primeiro problema deve ser o animado Casper Ruud, que já cansou de provar que se sente muito à vontade no saibro. Sascha por sua vez precisa economizar energia e desfrutar do caminho às quartas, já que no seu setor apenas Roberto Bautista me parece em condições de enfrentá-lo com maior igualdade.

Após desempenho excepcional nas últimas semanas, em que mostrou físico impecável e esteve muito perto de derrotar tanto Nadal como Djokovic, o maior desafio de Tsitsipas talvez seja administrar os holofotes. Sua possível trajetória tem dificuldades, a começar por Jeremy Chardy e passando por Sebastian Korda, John Isner e Pablo Carreño. Se cumprir o roteiro, estará com portas abertas nas quartas porque não dá muito para confiar num setor que lista Daniil Medvedev, Grigor Dimitrov, Cristian Garin e Reilly Opelka. Isso abre porta para uma surpresa do tipo Alexander Bublik, Tommy Paul ou Jaume Munar. O grego na teoria foi o ‘sortudo’ na formação da chave.

Thiago Monteiro não pode se queixar. Milos Raonic só fez dois jogos no saibro desde 2019, nenhum nesta temporada. Se passar, o brasileiro teria Frances Tiafoe ou Steve Johnson e quem sabe chegue em Carreño.

Mais emoção no feminino
A formação da chave também embaralhou o feminino e colocou do mesmo lado as duas atuais campeãs, Ashleigh Barty e Iga Swiatek. A australiana tem uma parada dura no entanto nas quartas caso cruze com Elina Svitolina, enquanto a polonesa pode cruzar com outra campeã, Garbiñe Muguruza.

A parte inferior tem Naomi Osaka e Serena Williams, mas eu ficarei mais atento a Aryna Sabalenka, que fez ótimas campanhas no saibro deste ano. A bielorrussa ficou no setor de Vika Azarenka e pode fazer quartas contra Petra Kvitova.

Outra grande surpresa de 2020, a argentina Nadia Podoroska não figurou entre as cabeças e assim terá de estrear logo contra Belinda Bencic. No entanto, dá para remar bem num quadrante em que estão Johanna Konta, Bianca Andreescu e Veronika Kudermetova.


Comentários
  1. Zan

    Dalcim, saberia dizer se já houve no tênis o caso de uma família se destacando nos esportes como a do Sebastian Korda? Que me lembre só o Agassi tem algo parecido (esposa campeoníssima e filho se destacando no baseball). Parece ser o jovem norte americano que mais promete. O pai dele causava suadouro em Pistol Pete ( e noutros tbm). E ainda tem duas irmãos que se destacam não só pela beleza mas no golfe. A mais nova é top five, se não me engano. Tsitsipas, se não estiver bem aquecido pode se encrencar já na segunda rodada, ainda que Korda não tenha experiência em melhor de 5sets. Em tempo, legal o podcast com o Cleto.

    1. José Nilton Dalcim

      Obrigado, Renato, o podcast ficou realmente legal. Olha, é muito raro termos no tênis duas gerações da mesma família jogando em alto nível. O caso do Korda no momento me parece o mais relevante. Se misturarmos os esportes, realmente aparecem mais casos. O Noah por exemplo teve um filho que foi bem na NBA.

  2. WILLIAM ALMEIDA

    Essa definição o melhor jogador de todos os tempos é complexa! Sempre achei que o Federer foi o maior jogador que vi atuando, refleti sobre o assunto e mudei de opinião, não tem como cravar que determinado jogador é o maior de todos os tempos.

    O circuito dos anos 90 alguém acredita que o Nadal pelo seu estilo de jogo e como era o contexto dos anos 90 iria triunfar em Wimbledon com a forte concorrência de jogadores que praticavam saque e voleio? acredito que seria complicado pela velocidade do piso, bolas e equipamentos na época. Transportando o BIG 3 para aquela época conseguiram vencer 20 GS em um circuito onde jogar no saibro parecia um esporte completamente diferente que atuar na grama?

    Nos dias atuais com a padronização dos pisos os jogadores não precisam fazer uma mudança radical no seu estilo de jogo para atuar em superfícies diferentes ,por essa razão eu vejo que os 4 GS do Agassi foi um desafio com maior dificuldade comparado os 4 GS do BIG 3.

  3. Enoque

    O foco agora é em RG, mas, mesmo assim vou adiantar algumas alternativas na pontuação. Djoko tem agora 11.313 e mesmo que seja eliminado precocemente, perderá somente 600 e ficará com 10.713. O Nadal tem 9.630 e mesmo que ganhe, não acrescenta nada e ficaria a 1.083 do Djoko. Quem tem possibilidades matemáticas de assumir a liderança é o Medevdev, que tem 9.793 e não defende nada (10) em RG. com o vice seria número 1, com 10.983.
    Agora se o Djoko ganha e o Medevdev for eliminado cedo, ficaria com 12.113, Nadal com 8.630 e Medevdev em segundo com menos de 10.000.

  4. Fernando Brack

    Essa é barbada! Mais um caneco de RG pro ogro e o recorde histórico de Slams.
    A partir daí, será decretado o maior tenista de todos os tempos, exceto do futuro.

  5. José Eduardo Pessanha

    Crauqe Dalcim,
    Vou ficar muito surpreso se o Fiuk Grego não for campeão em Roland Garros, com essa moleza de chave. Garoto Medusa tirou a sorte grande. E ficarei anda mais surpreso se o Mengão não ganhar o Enea e se o Craque perder Wimbledon. Luiz Fernando vai à loucura com essas previsões. rs
    Abs

  6. Thiago Silva

    Isso de ficar louvando winners e slices como se fossem mais importantes do que o placar em si é comportamento infantil de quem não aceita derrota e tenta de todo modo justificar que o derrotado é na verdade o vencedor. Assim como supervalorizar campeonatos inferiores e diminuir campeonatos superiores pra justificar que uma temporada que é claramente inferior é na verdade superior porque ganhou 3 250tinha.

    1. Sérgio Ribeiro

      Difícil entender não é mesmo , caríssimo do face TênisBrasil ? . O número de WINNERS e de pontos a mais vencidos naquela Épica FINAL de WIMBLEDON 2019 ( considerada por muitos entre as três maiores da história) , e a dramaticidade dos Match Points salvos , somente demonstram que a partida poderia ter ido pra qualquer lado. “ Tive sorte de não ter errado nada nos pontos importantes , ele ( Federer ) fez grande partida “ , foi a declaração do VENCEDOR, Novak Djokovic , na conferência pós jogo . Precisa acrescentar mais alguma coisa ? rs .

  7. Paulo Almeida

    DjokoGOAT campeão do Belgradão!!!

    Agora ele sabe a sensação de ganhar um Wimbledon 2003 ou um Australian Open 2006!

    Parabéns, monstro!

  8. Luiz Fernando

    Dois detalhes: 1) na atual fase, se esse canhoto Molcan jogasse c Federer com esses balões no fundo da quadra perigava vencer em sets diretos; 2) Thiem tem q ter todo o cuidado amanhã, afinal encara o magistral Andujar, mestre do jogo em quadras de saibro kkkk…

    1. Sérgio Ribeiro

      Voltastes as origens, não é mesmo caríssimo L. F . ? De baba ovo mor da turminha da Kombi , passou de novo a maior tirador de onda antes mesmo do Espanhol confirmar o Título. E sempre se utilizando da tática recalcada de sacanear o Suíço. Quanto mais velho ficas , mais mane’ . E muito bem acompanhado pelo nobre P. F. Kkkk.

  9. Alexandre

    Dalcim, bom dia!
    Com exceção de Thiem, Zverev e Tistisipas quem você acha que poderá ser a maior zebra, mas com alguma possibilidade real de ganhar RG e causar um grande impacto no mundo do tênis? Será que existe esse jogador ou isso é muito fantasioso e totalmente fora da realidade???
    Abraços e parabéns mais uma vez pelo post!!!

    1. José Nilton Dalcim

      Olha, fora desses três eu ficaria extremamente surpreso, Alexandre. Nada é impossível, mas não consigo ver alguém com capacidade de se manter num padrão tão alto por sete jogos a fio. Obrigado e abraço!

  10. Paulo F.

    Aberto da Austrália: Nadal 3 X 1 Federer
    Aberto da França: Federer NENHUMA vitória sobre Nadal
    Wimbledon: Nadal tem vitória sobre Federer
    Aberto dos Estados Unidos: para a sorte de Federer, nunca houve confronto contra o Rafa lá.
    E ainda ousam chamar esse confronto, ridiculamente desparelho, de “rivalidade”.
    Insensatos.

    1. Sérgio Ribeiro

      A sua infantilidade ultrapassa todos os limites. O Suíço e o Sérvio , são dois grandes fregueses do Espanhol no Saibro. E possuem a supremacia em TODAS as demais superfícies . Inclusive ambos somente atingiram Uma conquista em RG . O Craque Suíço outras 19 nos demais . O tal ” goat ” 17 nos outros SLAM . O Espanhol permanece com apenas 7 Conquistas fora de seu habitat . Se não houvesse rivalidade com o Suíço , o Espanhol já estaria com no mínimo 24 SLAM . Mesmo a frente no h2h perante os outros , o ” goat ” permanece na lanterninha em TERCEIRO em conquistas , caro mane’ . Abs!

  11. Paulo Almeida

    E como é difícil achar o número de winners de uma partida em qualquer site! Procurei o da semifinal do AO 2016 agora há pouco e nada!

    De toda forma, sugiro a quem superestima esse dado mandar um e-mail para cry@atp.com, assim como já fiz para quem não aceita quais torneios são considerados Big Titles e que o Djokovic é bicampeão de Cincinnati. ??????????????

    1. Luiz Fernando

      Nesse próximo RG e especialmente em W precisamos prestar muita atenção nos números de sets vencidos e no número de winners, sabe-se qual deles será adotado pela ATP/ITF para determinar o vencedor da partida kkkk. Aqui é diversão garantida…

    2. Sérgio Ribeiro

      A ATP chama de Big Titles aquilo que interessa . Sem MASTERS 1000 na Grama Sagrada depois de TRÊS em sequência no Saibro não tem sentido. Quantos vencedores diferentes dos tais Torneios teríamos , se ao menos o tradicionalíssimo Queen’s, disputado desde 1890 fosse um MASTERS 1000 ? . Evidentemente que especialistas da nobre superfície teriam um número bem maior dos tais Big …Abs!

      1. Luiz Henrique

        O maior beneficiado com uma temporada de grama mais longa e com M1000 seria Nadal
        Ele precisa de ritmo e preparação. Por isso seus 2 melhores slams são RG e USO, pq tem M1000 antes
        Nadal teria umas 9 finais de WB ao invés de 5 se houvesse mais tempo e torneios maiores na grama até WB

      2. Chetnik

        Manda o teu choro sobre a ausência de MS na grama para o SAC da ATP.

        PS: Se houvesse MS na grama. e se tivessem finais entre o GOAT e o desaposentado, a gente já sabe quais seriam os resultados, né?

        1. Sérgio Ribeiro

          Exato , caríssimo Chatonik. Como o parceiro acompanha o Circuito de i perto via WhatsApp , sabe que Federer possui 19 Títulos na Grama , seguido de Sampras com 10. Como o ” goat ” perdeu todas as Três Finais que conseguiu atingir fora de WIMBLEDON , possui apenas 6. É óbvio que venceria uma penca de MASTERS 1000 kkkkkkkkk. Abs!

  12. Vitor Hugo

    Hoje o medíocre Djokobagre enfrentou o 138 do mundo…
    Amanhã, na final, o jogo do pamonha será contra o duzentos e alguma coisa ???????

    1. Chetnik

      E o desaposentado perdeu do número 68 do mundo, que tem mais derrotas do que vitórias na carreira, kkkkk.

    2. Sandro

      Pelo menos o Djokovic foi não eliminado na estreia de um ATP 250 jogando na Suíça como o Federer, não é mesmo?

  13. Vitor Hugo

    Uma estátua legal de Rafa seria ele fazendo aquele movimento indiscreto do TOC. Kkkkkkkkk É o gesto mais marcante da carreira do espanhol! Kkkkkkk

    1. Luiz Fernando

      Um comentário bobo como o seu serve pra duas coisas: 1) demonstra a índole de quem o posta; 2) demonstra que quando é pra denegrir Nadal tudo é permitido…

  14. Maurício Luís *

    Se alguém tirasse uma foto do autraliano Alexei Popyrin no instante em que ele tomou conhecimento de quem vai enfrentar logo de cara, apareceria um presunto em vez do rosto.
    Nada a ver com tênis, mas deixo aqui meu humilde conselho pra quem acha que a vacinação no Brasil tá devagar. Cometa um crime. Os presidiários estão sendo já vacinados!

    1. Maurício Luís *

      Ah, e logo em seguida, na segunda rodada, Richard Gasquet, presunto de carteirinha, ou Hugo Gaston, convidado pouquíssimo cotado pra encarar o baloeiro. + fácil que isso, só mordendo água. Pro Gasquet ao menos restará a esperança de se candidatar ao Guiness Book como o maior freguês de todos os tempos.

    2. Éverton

      Estes comentários mostram quão desumano e mal informados é o brasileiro médio. É uma recomendação mundial que os frequentadores dos sistemas prisionais estejam entre os primeiros vacinados. Vivem em ambiente fechado e um infectado ali vira uma bomba atômica para contaminação (principalmente nos presídios brasileiros). Quem trabalha também será imunizado, pois possivelmente é quem levaria o vírus. Por fim, se lembre que estão sob a tutela do Estado. Morrerem vai tirar dinheiro da gente com indenizações. Um pouco mais de racionalidade e menos paixão.

      1. Maurício Luís *

        Seus argumentos são verdadeiros e perfeitamente válidos. Só não concordo que tenham direito a indenizaçoes, porque sabiam muito bem que ao cometerem crimes poderiam ser presos. Mas infelizmente a Lei lhes dá este direito, e eu não sou congressista pra mudar isto.
        Nem sempre a Lei é justa. Quantos caminhoneiros, trabalhadores que sacrificam noites de sono e lidam com a pressao dos prazos de entrega, já não morreram por falta de vacina? Primeiro os presidiários, depois os caminhoneiros. Pra mim, Lei injusta.

      2. Sandro

        Com a palavra o Rei da Racionalidade!!! Sim, pra você é muito racional vacinar primeiro estupradores, assassinos, sequestradores, traficantes, homicidas etc… do que a população que trabalha honestamente para ganhar o pão de cada dia, muito racional você mesmo, parabéns!

        1. Miguel BsB

          Se o teu presidento tivesse comprado as dezenas de MILHOES de vacinas que nos foram oferecidas em meados do ano passado, estaríamos vacinados eu, você, os trabalhadores, os presidiários, os petistas, os bolsonaristas, os tucanos, os que não seguem política, etc ….
          Praticamente todos os que desejassem se vacinar.

          1. Sandro

            Na minha família todos nós já contraímos o Corona Vírus e ninguém morreu, inclusivie minha avó e meu avô paternos que já passaram dos 90 anos, logo, não foi a vacina que os salvou. Inclusive, meus avós são praticantes de Yoga e são vegetarianos, não usam remédios alopáticos e são adeptos da acumpuntura, fitoterapia, homeopatia, meditação e dos princípios do Ayurveda. Meus avós são muito saudáveis e não comem produtos industrializados, moram em um sítio no qual retiram da propria natureza seus alimentos diretament do pomar e da horta. Além disso, meus avós são exímios jogadores de xadrez e são totalmente ativos e lúcidos. Meus avós, como são naturebas, não tomam remédios alopáticos e não comem produtos industrializados, se recusaram a tomar vacina de Corona Vírus, mesmo tendo idade para isso.

  15. Paulo Almeida

    O cracaço absoluto meteu outro pneu hoje, mas se perdeu um pouco no final do segundo set. Será que deve se preocupar com o cara que eliminou o carrasco freguesiano Basilaqualquercoisa pelo caminho? Kkkkkkkk

    Como todo mundo sabe (ou deveria saber), o mais importante é vencer sets. Aí bem depois vamos analisar as estatísticas do jogo e, para o desespero de muitos, os winners têm uma importância bem menor do que outros dados. Além do site da ATP, o Steve G Tennis e o próprio Google também não os citam.

    Enfim, o troféu “mais winners” vale tanto quanto o troféu “slice mais plástico”, hahaha!

    1. Paulo Almeida

      Na verdade foi o Andrej Martin que varreu o Basa e não o Alex Molcan. Logo, o GOAT já fez o serviço pra cima do carrasco do GUAT.

      Perdoem meu equívoco.

    1. José Nilton Dalcim

      A coluna de TV do TenisBrasil tem tudo, Rafael. Tanto BandSports como Sportv3 mostrarão. Tomara que não sejam os mesmos jogos.

  16. Luiz Henrique

    Vamos para as previsões divertidas do passado
    Estrelando mais uma vez a lenda da internet Leo Gavio

    Gavio
    22/05/2012
    Estou enganado, ou o pessoal está dando Djokovic morto em Roland Garros?
    Lembrem-se: serão 5 sets.
    das ultimas 21 partidas melhor de 5, Djokovic ganhou 21, e 3 em cima do Nadal.

    • Gavio
    22/05/2012
    Sim, Djokovic não chegou na final, graças ao Federer. Pois se lá estivesse, ano passado, o carnaval teria tocado outra marcha.
    Tenis é um esporte cheio de peculiaridades, o Djokovic surra o Nadal no saibro, mas diante do Federer, um outro estilo de jogo, um sacador/definidor encontrou dificuldade.
    Mas vale lembrar que o Servio vinha numa maratona de 43 partidas sem sair da quadra antes do oponente. Felizmente ele não é uma maquina.
    Após RG você tem de vir aqui e comentar o resultado. Cantar vitoria com 15 dias de antecedencia é facil, quero ver no dia da partida.
    Federer tinha n titulos em wimbledon, Até 2008 chegar.
    RG não é Roma.

    • Gavio
    5/06/2012
    isso é uma ingenuidade que agrada nadalistas.
    eu quero ver o favoritismo do Nadal quando Djokovic estiver na quadra central no domingo.
    nao será melhor de 3 e sim de 5, dentro do jogo um tenista que tem mais recursos e fisico acaba encontrando o caminho das pedras.
    por isso o federer sempre é um perigo, mesmo com seus 30 anos e meio.
    e por isso o Murray nao perde amanha pro ferrer, podem anotar ai, murray nao perde pro ferrer, exceto se abandonar por alguma contusão. mas quem viu o jogo dele com o gasquet sabe o que estou dizendo..

    Obs: para quem não se lembrar, Ferrer ganhou do Murray. Nem isso o sábio acertou rs

    1. Chetnik

      Kkkk. Nem sabia que o Gávio estava aqui há tanto tempo. Luiz, você procura essas coisas na marra, ou tem método? Tem uns posts aqui que eu gostaria que fossem resgatados…

      1. Luiz Henrique

        Então Chetnik, já tem uns anos que eu venho fazendo um arquivo meu de notícias, entrevistas, e postagens do blog do dalcim e do paulo cleto, bem como comentários.
        Como eu acompanho há muito tempo achei que seria divertido recordar alguns comentários.
        Esses que eu postei aí foram no blog do paulo cleto
        Infelizmente no meio do processo o blog do dalcim parou de deixar disponível o arquivo de 2006 a 2012
        E o do paulo cleto tb tem uns meses que não consigo mais acessar
        Uma pena
        Mas pelo menos aqui ainda da pra ver a partir de 2013

        1. Chetnik

          Vê se tem alguma besteira antiga minha aí no teu compêndio rs. Dar uma chance para os zumbis que eu bato tanto me zuarem de volta. Tá feio para eles kkkk.

  17. Rodrigo S. Cruz

    [DANILO AFONSO]

    “Paulo não perca tempo com esse assunto. Já temos uma “jurisprudência” consolidada atestando com várias estatísticas que a derrota de 2008 foi muito mais acachapante”.

    Jurisprudência consolidada coisa alguma!

    O que há é uma mera “MAIORIA DE OCASIÃO” como bem nominada à época pelo iminente ex-ministro Joaquim Barbosa, ao ser voto vencido na ação penal 470 (do mensalão), no item atinente à definição de quadrilha ou bando…

    E aqui no blog, por analogia, ocorre o mesmo – uma patética e aparente maioria formada por nolistas CORPORATIVISTAS e tendenciosos!

    Portanto, reitero e reafirmo:

    a derrota do Djokovic em 2020 foi muito mais vergonhosa, por todos os fatores que eu mesmo já expus.

    Abs.

    1. DANILO AFONSO

      Felizmente os números rechaçam a sua percepção equivocadíssima, igualmente ocorre em outros temas tenísticos aqui neste seleto blog…kkkk

      obs.: Vou começar a usar a sua tática de postar as respostas fora do campo apropriado (abaixo do comentário do usuário) para ficar em destaque…kkkk

      1. Gildokson

        Danilo, sabendo que vc é um dos caras mais inteligentes do blog me custa acreditar que vc se agarre somente à frieza dos números nessa. Você sabe muito bem que tem coisas que só olhando para eles vc não vai ver, e uma dessas coisas é o contexto de cada uma dessas finais citadas.
        Como eu ja disse diversas vezes e vou repetir. O peixe vendido antes da final de RG2020 era outro, bem outroooo… até mesmo se Nadal meter um triplo 6/1 na semi desse agora vai ser tanta surpresa quanto aquele estupro onde vcs estavam cantando aos 4 cantos que era hora do sérvio parar Nadal numa fina de RG.

      2. Rodrigo S. Cruz

        Não rechaçam nada, não estou equivocado, e a tua opinião não é melhor do que a minha.

        Ainda que você não a respeite.

        Quanto a imitar a minha suposta tática, como diria o Chapolim Colorado em certo episódio:

        ” Sinta-se em sua tumba”.

        (rs)

    2. Alessandro Siqueira

      Como dito na matéria do UOL na época, “Após 24 anos, Nadal iguala maior surra em final de Grand Slam”. Na reportagem, cujo link segue abaixo, Fernando Narazaki fez um apanhado histórico e ressaltou que a cinta usada foi pesada. Uma cinta que voltou à cena dias depois na final de Wimbledon.

      Ah, 6-1, 6-3 e 6-0 nunca denotará mais equilíbrio que 6-0, 6-2 e 7-5. Bastaria dizer que Federer fez apenas 4 games, né?

      https://www.uol.com.br/esporte/tenis/ultimas/2008/06/08/ult4364u2447.jhtm

      1. Sérgio Ribeiro

        Na boa , Siqueira . Você posta essa bobagem também no face TênisBrasil. E não lê a reportagem até o FINAL . Na Era Profissional em 1974 , Jimmy Connors bateu o grande Ken Rosewall por 6 x 1 , 6 x 0 , 6 x 1 esta sim a grande surra de cinta em Final de SLAM . Dias depois houve qual cinta em wimbledon ? . Se você está se referindo a épica partida entre os mesmos protagonistas com 9 x 7 no Quinto para o Espanhol , estas cometendo outro equívoco. Em 2004 Federer 6 x 0 , 7 x 6 , 6 x 0 Hewitt ( então N 3 do Mundo ) no USOPEN , dois Pneus no masculino é incomparável . A verdade é que nada vai apagar as asneiras ditas pelo Treinador de Novak e outros que apostaram suas fichas em mais um freguês de Carteirinha do Touro em RG . . Abs!

    3. Luiz Henrique

      Sobre a questão do peixe vendido em 2020, não custa recordar

      Federer: ‘Tenho tudo na mão para ganhar de Nadal’

      Sexta, 06 de junho 2008 às 18:18:55 AMT
      Link Curto:

      Federer – Roland Garros 08 IV
      Mesmo perdendo um set para o francês Gael Monfils, hesitando em alguns momentos da partida e de alguns jogos durante Roland Garros, Roger Federer aprovou sua vitória de hoje que valeu uma vaga na decisão. Contra Rafael Nadal no domingo às 9h30, o suíço diz ter tudo para sair vencedor.

      “Será uma partida diferente nada a ver com as outras jogadas aqui no torneio”, disse Federer que perdeu três sets até o momento na competição.

      “Tenho sido capaz de começar bem os jogos contra o Rafa”, diz Federer que teve vantagem nos dois sets em que perdeu no torneio de Monte Carlo assim como em Hamburgo: “Espero continuar fazendo a mesma coisa no domingo. Sinto que tenho a tática certa, o jogo certo e preparo físico para batê-lo”.

      O tenista da Basiléia destacou também que estava ansioso para enfrentar Nadal na decisão de Roland Garros: “De novo é o Rafa do outro lado da rede. É o último e mais difícil duelo no saibro. Será muito mais gostoso ganhar o Aberto da França sobre ele. Estava esperando para que isso acontecesse há meses. Não vejo a hora desse confronto”.

      1. Jonas

        Kkkkkkk, boa…
        Cara, no fim das contas, dois massacres. O placar da final de 2008 foi mais elástico, não teve jogo praticamente e o Federer tinha 27 anos. Por essa coletiva aí ele parecia acreditar que tinha chances, assim como o Djoko acreditou ano passado. As condições em tese ajudariam o sérvio, mas Nadal é Nadal, o cara é bizarro no saibro e, especialmente, em Roland Garros.

        1. Luiz Henrique

          Gildokson
          Bom em relação a final de 2020, todo mundo lembra da besteira que Ivanisevic falou

          Quanto aos comentários, já que pediu, aqui vai:

          Leo Gavio
          9 de outubro de 2020 às 20:27
          É bem isso mesmo. Nadal adiou a derrota de 2011 com a ajuda do Fregues, mas dessa vez não tem escapatoria, só uma raquetada involuntaria num juiz de linha tira o titulo do Djoko.

          Leo Gavio
          9 de outubro de 2020 às 19:47
          Djokovic deve ser o campeão.

          Dessa vez não teremos vento ou chuva, Djokovic sempre foi prejudicado por esses fatores extra quadra.

          Tudo conspira a favor do Djoko, vai ser um jogo igual a Roma 2011, devoluções acachapantes no dedão do casco do touro. E dessa vez teremos as deixadinhas, Djoko vai mostrar ao Rei da entressafra como se doma o bichão na arena.

      2. Rodrigo S. Cruz

        Bom,

        quanto a isso, não há o que chiar ou choramingar.

        O Federer quebrou mesmo a cara. rs rs

        Realmente, ele nunca vai ganhar do Nadal em Roland Garros…

      3. Barocos

        Luiz,

        Já anotei em minha carteirinha, em letras garrafais, para não me tornar seu adversário ou desafeto nunca!

        Creio com esta você conseguiu, mais uma vez, desqualificar os argumentos de alguns torcedores fanáticos do Federer. Meus sinceros agradecimentos por mais uma enquadrada, merecida, nos meliantes reincidentes. Repetindo uma máxima sua: aqui a diversão é garantida!

        Na torcida por mais um embate entre os excepcionais Novak e Nadal para asseverar, de uma vez por todas, a maior rivalidade do mundo esportivo de todos os tempos. Claro, vou torcer, por uma vitória sérvia, de preferência em 5 sets e com o Nadal perdendo 2 match points no set derradeiro.

        Saúde e paz.

      4. Paulo Almeida

        E com isso a derrota de 2008 foi mais humilhante fora de quadra também, no tal contexto, pois foi o próprio Federer que falou merda e não seu treinador, no caso do Djoko.

        Parabéns pelo BRUTALITY!

        Kkkkkkkkkk

    4. Luiz Fabriciano

      Então, me expliquem, por favor, numa melhor de 5 sets, qual a diferença de um pneu no primeiro, para um pneu no último (nesse caso, terceiro set)?
      Se não souberem, eu mesmo explico.

  18. Sandra

    Eu quero uma estátua para quem achar a cura da COVID não para quem ganha várias um grand slam, , seja Novak, Federer ou Nadal ?

    1. Marcelo Costa

      Então, pesquise quem desenvolveu coronavac, AstraZeneca, pzfier, moderna, sputink e quaisquer outras vacinas prontas ou em desenvolvimento

    2. Barocos

      Sandra,

      Para as doenças virais, o melhor que temos são as vacinas e tem sido assim por um tempo muito, muito grande. Como você deve saber, as vacinas estimulam o seu corpo a produzir anti-corpos, permitem que seu organismo reconheça em menor tempo um ataque e que seja muito mais efetivo no contra-ataque. Com elas, pólio, sarampo, HPV e muitas outras doenças causadas por vírus deixaram de ser o flagelo que eram para a humanidade.

      Seria maravilhoso se existissem drogas, como os antibióticos para as bactérias, para atacar o vírus já no seu corpo com eficiência, mas, infelizmente, este é um desafio muito maior do que parecia e o sucesso com os antivirais tem sido modesto se comparado ao sucesso dos antibióticos.

      Uma parte disto se explica por duas razões: no caso das bactérias, nós usamos as armas biológicas que outras bactérias, fungos e plantas desenvolveram, por milhões de anos, para lidar com as causadoras de patogenias; já os vírus são organismos que estão na fronteira da vida e utilizam os mecanismos presentes no hospedeiro para se multiplicar dentro das células destes, fora destas, são apenas capas lipo-proteicas ou proteicas, que guardam suas cargas de DNA ou RNA, e não fazem absolutamente nada, ou seja, não precisam se alimentar, o que torna a tarefa de exterminá-los bastante difícil. Também não ajuda que alguns vírus, principalmente os de RNA, sofrem mutações que exigem várias modificações nas vacinas e nos antivirais (é por isso que todo ano a vacina da gripe é um pouco diferente).

      Saúde e paz.

    3. Sandro

      Você está totalmente desinformada, alienada e não acompanha os acontecimentos, porque a cura para o Corona Vírus já existe há muito tempo. Aliás, a grande maioria das pessoas que contraíram o Corona Vírus se “CUROU”, não morreram e estão vivinhas da silva.
      E não reconhecer o mérito astronômico de Nadal ter ganhado “TREZE” Roland Garros e misturar isso com Corona Vírus é algo totalmente sem sentido, sem pé, nem cabeça.
      Aqui vai uma pequena listinha de algumas pessoas mais conhecidas que contraíram o Corona Vírus, se “CURARAM”, não morreram e estão vivinhas da silva:
      Grigor Dimitrov, tênis, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Borna Coric, tênis, Croácia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Paula Badosa, tenis, Espanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Vktor Troick, tenis, Sérvia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Novak Djokovic, tenis, Sérvia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Bernard Tomic, tênis, Austrália,contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Thiago Wild, tênis, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Maitê Proença, atriz, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Diogo Nogueira, cantor, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Eliana do SBT, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Pepê e Neném, cantoras, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Claudia Raia, o marido, Jarbas Homem de Mello, e os filhos dela, Sophia e Enzo, todos contraíram Corona Vírus, se “CURARAM”, então a “CURA” existe.
      Luisa Mell e o marido, o engenheiro Gilberto Zaborowsky, contraíram o Corona vírus e se curaram
      No dia 15 de Maio de 2020, Mumuzinho revelou que estva curado do Corona Vírus.
      Dinho Ouro Preto, vocalista do Capital Inicial, se curou do Corna Vírus em Abril.
      A atriz Monica Carvalho se CUROU do Corona Vírus em Maio de 2020.
      O sertanejo Mariano, que faz dupla com Munhoz, é outro que se CUROU do Corna Vírus.
      Preta Gil, cantora, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Fernanda Paes Leme, atriz, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Di Ferrero, músico, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Cameron van der Burgh, natação, África do Sul, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Daniele Rugani, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Timo Hübers, futebol, Alemanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Rudy Gobert, basquete, França, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Donovan Mitchell, basquete, Estados Unidos, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Earvin Ngapeth, vôlei, França, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Callum Hudson-Odoi, futebol, Inglaterra, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Manolo Gabbiadini, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      James Horn, futebol, Alemanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Trey Thompkins, basquete, Estados Unidos, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Fernando Gaviria, ciclismo, Colômbia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Maximiliano Richeze, ciclismo, Argentina, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Dusan Vlahovic, futebol, Sérvia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Omar Colley, futebol, Gâmbia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Albin Ekdal, futebol, futebol, Suécia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Antonino La Gumina, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Morten Thorsby, Noruega, futebol, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Fabio DePaoli, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Bartosz Bereszynski, futebol, Polônia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Christian Wood, basquete, Estados Unidos, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      German Pezzella, futebol, Argentina, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Jonathas de Jesus, futebol, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Ezequiel Garay, futebol, Argentina, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Eliaquim Mangala, futebol, França, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      José Luis Gaya, futebol, Espanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Mads Mensah Larsen, handebol, Dinamarca, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Maique Tavares, basquete, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Patrick Cutrone, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Blaise Matuidi, futebol, França, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Dmitry Strakhov, ciclismo, Rússia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Kevin Durant, basquete, Estados Unidos, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Dorielton Nascimento (Dori), futebol, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Gedeón Guardiola, handebol, Espanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Victor Lange, golfe, África do Sul, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Marcus Smart, basquete, Estados Unidos, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Facundo Corvalán, basquete, Argentina, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Daniel Maciel, vôlei, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Paulo Dybala, futebol, Argentina, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Daniele Maldini, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Jan Vesely, basquete, República Tcheca, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Marouane Fellaini, futebol, Bélgica, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.s
      Kostas Sloukas, basquete, Grécia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Ahmet Duverioglu, basquete, Jordânia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Drussyla, vôlei, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.s
      Shintaro Fujinami, beisebol, Japão, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Kenya Nagasaka, beisebol, Japão, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Hayata Ito, beisebol, Japão, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Arturo Dorati, esgrima, Panamá, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Wander Capixaba, futebol, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Vyacheslav Bobrov, basquete, Ucrânia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Ehsan Haddadi, atletismo, Irã, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Boglarka Kapas, natação, Hungria, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Dominik Kozma, natação, Hungria, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Richárd Bohus, natação, Hungria, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Dávid Horváth, natação, Hungria, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Toni Filipi, boxe, Croácia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Serhat Guler, boxe, Turquia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Ismael Borrero, luta greco-romano, Cuba, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Edgar Barreto, futebol, Paraguai, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Mattia Zaccagni, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Andrea Tessiore, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Suk Hyunju, futebol, Coreia do Sul, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Luca Kilian, futebol, Alemanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Santiago Ascacíbar, futebol, Argentina, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Iván Buigues, futebol, Espanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Leandro Cabrera, futebol, Uruguai, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Fabián Nurnberger, futebol, Alemanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Stefan Thesker, futebol, Alemanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Mariana Arceo, atletismo, México, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Jannik Kohlbacher, handebol, Alemanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Egan Bernal, ciclismo, Colômbia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Edoardo Melloni, atletismo, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      James Bolton, futebol, Inglaterra, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Andy Cannon, futebol, Inglaterra, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Sean Raggett, futebol, Inglaterra, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Haji Mnoga, futebol, Inglaterra, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Ross McCrorie, futebol, Escócia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Marco Sportiello, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Denny Larrondo, beisebol, EUA, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Pepe Reina, futebol, Espanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Patrick Groetzki, handebol, Alemanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Matías Vargas, futebol, Argentina, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Alessandro Favalli, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      King Udoh, futebol, Itália, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Yelco Alfaya, futebol, Espanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Charlie Austin, futebol, Inglaterra, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Lucas Madrid, surfe, Uruguai, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Arturo Dorati, esgrima, Panamá, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Adrián Cotanda, rugby, Espanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Sydney Wiese, basquete, Estados Unidos, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Gotoku Sakai, futebol, Estados Unidos, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Benjamin Mendy, futebol, França, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Artur Boruc, futebol, Polônia, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Leonardo Campana, futebol, Equador, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Garazi Larumbe, basquete, Espanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Pauline Peyraud-Magnin, futebol, França, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Travis Kauffman , boxe, Estados Unidos, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Brian Allen, futebol americano, EUA, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Von Miller, futebol americano, EUA, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Vanessa Zambotti, judô, México, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Junior Sambia, futebol, França, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Márcio Araújo, vôlei de praia, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Renan Lodi, futebol, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Álex Remiro, futebol, Espanha, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Diego Souza. futebol, Brasil,contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Tamires Moreno, handebol, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Martín Cáceres, futebol, Uruguai, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Adrian Mariappa, futebol, Jamaica, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Patrick Ewing, basquete, Jamaica, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.
      Luiz Lima, natação, Brasil, contraiu Corona Vírus, se “CUROU”, então a “CURA” existe.

      1. Maurício Luís *

        Esta doença é uma roleta russa. Uma vez que se contrai, não se sabe se nada vai sentir, se vai sentir sintomas leves, se vai precisar internar, se vai pra UTI ou se vai morrer. Concordo que a maioria se cura, mas e os + de 450.000 óbitos só no Brasil?

        1. Sandro

          “QUINZE MILHÕES” de pessoas que contraíram Corona Vírus, se “CURARAM” no Brasil!!! QUINZE MILHÕES é um número muito, mas muito morte do que aqueles que faleceram. Por que você ‘SEMPRE” esquece das pessoas que se ‘CURARAM’, que são a grande maioria??? Doenças matam, obviamente haverá mortos, mas a grande maioria se “CUROU”, isso não é importante?
          Não é importante frisar que a grande maioria se CURA do Corona Vírus? Ou é melhor ficar fazendo terrorismo?

  19. José Eduardo Pessanha

    Prezados,
    Não tenho o mesmo dom da escrita de companheiros de blog como Sérgio Gonçalves, Periferia e Marcão, mas essa estória que irei contar possui uma grande semelhança com acontecimentos que ocorrerão após bem depois do fim do Maratênis. Certa vez, o possante Ronaldo “Fenômeno”, pouco tempo após a sua aposentadoria, foi bater bola com o colossal ex-jogador Zico.
    Ronaldo, ainda jovem e forte fisicamente – embora com uma certa “pança”, passou uma verdadeira humilhação diante daquele senhor gordinho que, tempos atrás, brilhou nos gramados do planeta Terra. Enquanto Zico encaçapava bolas no ângulo com imensa facilidade, o ex-Fenômeno não acertava uma bola no gol.
    Trazendo essa estória – verídica – para o mundo do tênis, quando os velhinhos Federer, Nadal e Djokovic se encontrarem em 2045 para bater uma bolinha, o maravilhoso Roger Federer – como Zico fez após sua aposentadoria – desfilará sua imensa categoria com enorme facilidade. Já Nadal e Djokovic, tal e qual o possante Ronaldo, irão maltratar a verdinha, enquanto Roger Federer a tudo presenciará com um sorriso de canto de boca.
    Resumo da estória: NUNCA SERÃO.
    Salve o maior e melhor tenista de todos os tempos, Mr. Roger Federer.
    Abs

    1. Luiz Fernando

      Depende do que “nunca serão” meu caro. Acho q “nunca serão” considerados fregueses de caderneta do Federer, acho q “nunca serão” desvalorizados nessa época distante por quem tiver um pingo de bom senso p avaliar suas conquistas e muito provavelmente SERÃO muito, mas muito mesmo, valorizados por possuírem os principais recordes do tênis. Federer será considerado um dos de técnica mais aprimorada, mas ficará num plano secundário por ter resultados inferiores aos dois, essa deve ser a realidade dura no longínquo ano de 2045…

      1. Sérgio Ribeiro

        Errado : jamais Roger Federer será considerado secundário no Esporte Tenis , assim como Björn Borg. Ambos representam muito mais que um Tenista provavelmente mais eficiente em resultados. E’ difícil pra fanáticos entenderem “ Roger é o próprio Tênis “ que ficará perpetuado na história. A conferir . Abs!

      2. Alice

        E pode ter certeza, Luiz Fernando. Que o que mais vai pesar vai ser o fato de Federer ter saldo negativo nos confrontos contra seus dois maiores rivais de época. Isso é um absurdo. E não vai ter idade pra dar desculpa, pelo fato de que ele conseguiu vencer Nadal depois. Principalmente nos grandes palcos (GS) é favorável ainda para Nole e Rafa. E por fim, ‘encaixe de jogo’ não pode e bem deve ser justificativa pra um tenista não conseguir ganhar ou fazer frente ao outro. Se fosse assim, ninguém jogaria ou sempre perderia. Se você quer ganhar, precisa achar as respostas que te faltam…e foi isso que Nadal e Djokovic mais fizeram ao longo de suas carreiras.

        1. Sérgio Ribeiro

          Errado , cara Alice . Muito difícil que o Espanhol atinja o HexaCampeonato no AOPEN , o OctaCampeonato em WIMBLEDON , o PentaCampeonato no USOPEN e o HexaCampeonato no ATP FINALS. O h2h favorável no Saibro e o Título de Rei do mesmo , são inquestionáveis. Jamais em toda a Era Profissional h2h foi o fator que determinou a importância de um Tenista em sua época. Nisso o Suíço sobra pra cima de qualquer um , inclusive Bjorn Borg . Abs!

      3. Jose Yoh

        LF, no longínquo ano de 2021 muitos do mundo do automobilismo acham que o maior piloto de todos os tempos é Ayrton Senna ou Fangio.

        Os que achavam que era Schumacher por causa dos números, já precisam rever as estatísticas e achar outras qualidades porque as quantidades já não são suficientes. A inflação dos recordes acaba levando o mundo a duvidar da qualidade destes números.

        Números são importantes mas não são tudo. Abs

    2. Gildokson

      Pow as chances do Ronaldo fenômeno não acertar uma única bola em um gol, são idênticas as do nosso grande gênio Roger Federer ganhar esse RG. Aí não neh…. Ronaldo foi gênio.

    3. Rodrigo S. Cruz

      Bem por aí mesmo, Pessanha.

      Verdade seja dita – se tirar a vantagem física, o Djokovic não prestaria nem para “sparring” do GOAT.

      1. Luiz Fabriciano

        Então lhe tirem a vantagem física e a doem ao sem físico Roger Federer. É cada uma…
        Até parece que existe esporte sem físico. E tratam seu ídolo como um inválido, por pura conveniência.

    4. DANILO AFONSO

      Pessanha, para o seu desespero Nadal e Djokovic já “são” há muito tempo. Seria bom você sair desta órbita fantasiosa e aterrissar na realidade…kkk

    5. Chetnik

      Claro. O bate bola deles em 2045 é o que vai definir as suas carreiras. Se superou nessa. Melhor ficar nas previsões deliciosas e que tanto provocam risadas.

    6. Rafael Azevedo

      Não sei no futebol master, mas no futebol profissional Ronaldo foi maior que Zico (que também foi grande).

      1. José Eduardo Pessanha

        Ah, mas não foi mesmo. Só por que ganhou uma Copa enfrentando Turquia duas vezes, Bélgica e a Alemanha mais fraca da história? Zico foi muito mais jogador. Muito mais categoria.
        Abs

    7. Thiago Silva

      Até imagino a cena, o Federer dando um segundo saque contra o Djokovic que vai devolver no pé dele e voltar uma madeirada.
      Contra o Nadal ele vai sacar, correr afobado pra rede e levar uma passada.

  20. JAN DIAS

    Minha torcida pra RG (nessa ordem):

    1) FEDERER
    2) RUBLEV
    3) RUUD/ TSIPAS

    Seria muito bom se o RUBLEV desse outra surra no NADAL no saibro..

    1. Rodrigo S. Cruz

      Putz.

      Fala sério… esse Ruud é muito sem-graça.

      O cara não tem variação nenhuma, só sabe espancar a bola…

      1. JAN DIAS

        Ele parece ter potencial pra evoluir..
        Mas, como eu postei, ele vem depois
        do suíço, do russo e do grego.

        Sinceramente, não ganhando nem o NADAL nem o DJOKOVIC já tô feliz..kk

  21. Luiz Fernando

    Dalcim e amigos do blog, não se pensam igual, mas vejo Djoko destemperado, como hoje, pela cobrança excessiva q ele próprio se faz, e quando as coisas não vão do jeito q ele gostaria ele explode. E pq um atleta multimilionário e multicampeão agiria assim? Pq ele quer todos os principais recordes p si, o q por sinal nunca escondeu ou se furtou de comentar. Como sempre disse vejo Rafa em uma situação parecida, mas bem mais dissimulado e tranquilo, pois sabe q nunca poderá alcançar todos os principais recordes, algo q Djoko pode. A bem da verdade o fato de Federer, quarentão e meio baleado, até hoje se esforçar p retornar a competitividade também tem algo, ou talvez muito, da ambição de conservar ou de alcançar algumas grandes marcas, como a de superar o número de títulos de Connors. Opinião pessoal minha, claro, e sujeita a contestações…

    1. Rodrigo S. Cruz

      É um chiliquento.

      Sempre foi e sempre será…

      Já começou a descontar nas raquetes a enésima surra que brevemente tomará do Nadal.

      Só faço votos que ele se limite às raquetes dessa vez, e não a boleiros ou idosas, né…

    2. Maurício Luís *

      Ao que tudo indicava, ele iria alcançar o Connors em número de títulos. Porém essa contusão e o afastamento foram tipo formiga no açúcar dele. Não acho mais possível tal façanha. Não pra ele.

  22. Rodrigo S. Cruz

    [Paulo F.]

    ‘Não aparece as estatístcas de winners?
    Ué, mas segundo as federetes, não é quem ganha mais winners o que importa?
    kkkkkkk
    O nobre Luiz Fernando tem razão, aqui é diversão garantida”

    É diversão garantida mesmo ter de lidar todo dia com uma “tchurminha” tão mal-informada rs

    Além, é claro, desse comportamento tribal CONSTRANGEDOR de se tratarem pelo adjetivo de “nobres” para puxarem o saco um do outro.

    Patético… rs

    Mas lembrar também às djokovetes haters e seus asseclas:

    que o fato do site ATP ter um quadro de estatísticas incompleto é uma mancada do próprio site.

    E isso sim deveria ser alvo de críticas ácidas.

    Pois não computam os winners, não computam os erros não forçados, os erros- forçados, entre outros dados…

    Quando se sabe que cada um deles é útil para melhor compreensão do retrato do jogo.

    E ainda assim, como destaca o Dalcim – INSUFICIENTES!

    Porque no fim das contas, o que a gente precisa é assistir as partidas mesmo!

    Mas claro que esperar tal compreensão de você (ou seus “nobres”) é como esperar que o careca amanheça cabeludo…

    1. Luiz Fernando

      Algumas das suas postagens são divertidas mesmo, mas infelizmente também desprovidas do mínimo bom senso. Por acaso chamar alguém de nobre, algo cordial, não seria preferível a rotular os outros de “manés” como faz um dos seus companheiros de torcida? Ou talvez vc prefira a nobre (kkkk) conduta dos seus amiguinhos q a cada dia postam com um nome diferente. Quanto ao comentário dos “winners”, vcs estão colhendo o q plantaram, quando procuraram uma forma infantil de desvalorizar o título do Djoko em W2019. Lendo seu texto não tenho a menor dúvida: aqui é diversão garantida mesmo kkk…

      1. Paulo F.

        Eu, como nolista, prefiro dar a um grande confrade e nadalista o tratamento de nobre do que dar o tratamento de “mané” que os “humildes” federistas dão aos outros.
        Fraterno abraço, Luiz Fernando.

      2. Chetnik

        Na realidade paralela dos zumbis o tratamento cordial é algo negativo, Fernando. Impressionante o mundo em que esses caras vivem.

        1. Sérgio Ribeiro

          E’ muita cara de pau , não é mesmo “ rei dos zumbis” que parece ser o seu tratamento predileto quando se dirige a parceiros neste fórum rs . Abs!

      1. Rodrigo S. Cruz

        Puxa!

        Então eu vejo que você está evoluindo, né Paulo?

        Porque até pouco tempo você fazia uma salada doida, confundindo ponto com game, ponto com set, enfim…

        Mas continue desenhando.

        Apesar dos teus desenhos serem falhos, eles têm um charminho de jardim de infância… rs

      2. Joathan Santos

        Bela Resposta, Paulo. Rsrs…
        “Game, Set and Match Djokovic” “Seven-Six, One-Six, Seven-Six, Four-Six, Thirteen-Twelve”

  23. WILLIAM DE ALMEIDA

    Eu vi lances do treino do suíço contra o karatsev estou achando o Federer com mais massa muscular nas pernas e nos braços batendo bem na bola, acredito que o craque possa chegar na segunda semana de Rg.

  24. Luiz Fabriciano

    Meste Dalcim, caso aconteça um título sérvio amanhã em Belgrado, a situação do #1 em relação ao Medvedev permanece como esclareceste à um comentário ontem ou altera alguma coisa?
    Desde já, obrigado.

    1. José Nilton Dalcim

      Ao chegar à final, Djoko garantiu mínimo de 10613 pontos se cair antes da semi de Paris. Portanto, Medvedev só terá chance de ultrapassar se for campeão ao vice. Caso Djoko seja campeão em Belgrado e perca na semi de RG, o russo ainda teria de ser finalista. Por fim, é possível que Djoko e Medvedev disputem o título valendo o número 1, já que Medvedev ainda teria chance caso fosse campeão.

  25. André Barcellos

    Acho que a estátua de Nadal podia ser numa pose com o forehand em terminação “banana” (o ganchão). Ficaria mãos representativo. Essa terminação reta não representa tão bem seu jogo.

  26. Cassio Carvalho

    Sobre a cena violenta do Novak
    Um esporte que gera essa violencia dentro da pessoa não pode ser considerado, são. Fica a reflexão! As imagens de qq pessoa destruindo uma raquete assim devería valer pontos. Não é um comportamento “esportivo” é “destrutivo”. Não é de longe um bom exemplo. Não estou falando só do Nole. Estou tomando a cena como exemplo. O Tenis é um esporte originalmente jogado por “principes”, por isso essa tradicão histérica vaidosa. Já evoluimos muito para não limitar severamente estas atitudes. Para ter bom senso é só imaginar crianças olhando essa cena. O que se perguntariam? Como vc argumentaria, explicaria? Não é um esporte?

    1. Hugo

      E só um esporte competitivo , e os tenistas seres humanos
      Sujeitos a erros e acertos como todos aqui do blog.

      1. Cassio Carvalho

        Não há em nenhuma outra atividade profissional e nem profissional/esportiva que esse tipo de violencia seja tão “normalizada”. Imagine o Hamilton chutando, destruindo um carro dele. O ato violento de destruir uma raquete não é compatível com o “Censura Livre”. Para reflexão, vale imaginar uma criança assistindo. Não tomem o comentario como “puritanismo”. Eu estou usando esses exemplos para falar da “normalização” do tipo de “violencia” permitida no tenis. E em nenhum esporte isso é visto. Se tem briga no futebol, ou alguem destruindo alguma coisa no campo esse esportista vai ser minima memente enquadrado por varias instituições. É louco o que se permite aqui. E, ao meu ver, em grande parte tem a ver com o fato de ser inicialmente (por muuuito tempo, até hoje) um esporte de pessoas de classe alta, altíssima. Um esporte que nace de clases aristocráticas e detentoras do “posso fazer o que eu quiser”. Adoro o Tenis. Mas acho esse um ponto muito serio. O Nadal, fez varias declarações apontando para outra mentalidade no esporte, porem, em termos de mentalidade esportiva. Eu acho que ainda falta a mentalidade social que ainda é complacente com o “destempero deliberado” existente quase exclusivamente no Tenis (pq em qq outro esporte ou profissão é caso de expulsão ou escracho público) .

    2. Chetnik

      Jogador por “príncipes”. Quanto deslumbramento! Não é à toa que se abrem todos para qualquer bailarina que surge na ATP.

      1. Cassio Carvalho

        “Se originó en Europa a finales del siglo XVIII y se expandió en un principio por los países angloparlantes, especialmente entre sus clases altas.”
        Fonte: Wikipedia.

  27. Ronildo

    Para mim a Osaka levantou uma importante questão no sentido da necessidade de haver mais sensibilidade no circuito. Por exemplo: a entrevista poderia ser obrigatória apenas para o vencedor. Para o perdedor poderia ser opcional.

    1. lEvI sIlvA

      Caro Ronildo, vai argumentar isso com o patrocinador da(o) tenista… Eles querem o máximo de exposição possível, sempre!!! Infelizmente, o que poderia ocorrer é aumentar ainda mais, a multa pra quem deixa de dar entrevista pós jogo, mesmo o derrotado.

      1. Ronildo

        Mas não seria patética uma exposição com a pessoa cabisbaixa, até chorando em alguns casos? Por isso que digo que deveria haver diferenciação entre vencedores e perdedores na obrigatoriedade da entrevista.

        1. Luiz Fabriciano

          Concordo com esse ponto.
          Além do que, há entrevistadores com intenções tanto para levantar o moral de alguém, quanto para enterra-lo.

  28. Paulo Tonhasolo

    Acho que Nadal virá mais estusiasmado do que nunca com a possibilidade de conquistar seu 21º GS tornando-se o maior vencedor de todos os tempos, tendo a possibilidade de conquistar seu 14º em Paris (mesmo números de troféus de Pete Sampras) e ainda empatar a maior rivalidade da história do tênis (em número de confrontos) levando larga vantagem em confrontos em GS.
    Por outro lado Novak vem babando para conquistar seu 2º em Paris e se tornando o primeiro da história a ter ao menos 2 troféus em cada torneio, além de diminuir sua desvantagem em número de GS e ampliar sua vantagem sobre Nadal.
    Temos ainda o mais habilidoso de todos tentando voltar e compor o BIG 3.
    Além disso tem a next gen reivindicando seu espaço nos grandes torneios.
    Estamos vivendo um momento muito especial!

  29. TENNIS FAN

    Nadal tem caras perigosos no caminho, antes de pensar em semi. Do outro lado da chave Tsitsipas é o favorito.

  30. Sandra

    Dalcim, sei que você não é Psquiatra , rsss, mas você não está achando Djokovic muito nervosinho de uns tempos para cá ? Se um simples atp está quebrando as raquetes que dirá em Roland Garros , desse jeito não passa nem da primeira rodada ! Até gostaria que ele ganhasse na França

    1. José Nilton Dalcim

      Estou sim, Sandra, até destaquei isso no Podcast que vai ao ar daqui a pouco. Mas ele tem um domínio incrível da parte mental e consegue engolir essa frustração e manter o foco.

  31. Jonas

    Federer não vence Djokovic em Grand Slam desde a SF de Wimbledon 2012.
    Mas sim, todo mundo está preocupado com o Federer em Roland Garros rs…

      1. Ronildo

        Obrigado Dalcim

        Você é a salvação de muitas pessoas que trabalham durante o horário das partidas ?????

  32. Efraim Oliveira

    A chave mais forte dale toda história do tênis. Ou isso já ocorreu em algum outro torneio?

    Medvedev estragou tudo! Seria bem mais épico ter a possibilidade de ter uma final entra Nadal e Novak. Tô aqui me lembrando de quando o Murray estragou o sorteio da chave do Us Open 2017.

    Wilander deu uma declaração de que acha a Iga mais favorita que Nadal em Roland Garros. Ele tem alguma richa com o Nadal? Talvez seja impressão minha, mas acho que ele ultimamente tem insistido em diminuir Nadal na questão de favoritismo no saibro.

    1. Luiz Henrique

      O bom de apostar contra Nadal em RG é que se errar todo mundo perdoa e se acertar vc mitou kkkk

  33. Gildokson

    Agora vamos falar sério… como bem disse o Dalcim no texto, se o Federer chegar nas quartas o placar mais certo é mais uma surra para o Djokovic. Eu acho quase impossível ele chegar la, mas como o cidadão não é um ser comum… também não dá pra duvidar demais, só que ai seria horrível aumentar os números negativos contra o sérvio e pagar caro mais uma vez por chegar mesmo com essa idade.
    Eu como torcedor vou torcer para 3 vitórias, bastante ritmo e confiança e uma queda antes de se deparar com o carrasco sérvio.

    1. Sérgio Ribeiro

      Na boa , Gildokson . Até tu preocupado com h2h ? . Borg não levou vantagem sobre o Big Mac e ninguém tem dúvidas de quem jogou mais . Perder a oportunidade de alguns lances geniais na partida tipo a disputa na execução de drop Shots ou deixadinhas ? . Ou voleios junto à rede mesmo no Saibro ? . Dificilmente veremos o Craque novamente em Paris e o grande barato é que fosse justamente contra o tal “ goat “ rs . Abs!

    2. Marcilio Aguiar

      Prezado Gildokson. É certo que o Federer terá pouquíssimas chances contra qualquer um dos cabeças de chave, mesmo assim, ao contrário de você, eu vou torcer para que ele chegue o mais longe possível, mesmo que perca pra o Djoko. Se ele chegar nas quartas de RG aos 39 anos talvez não seja inédito, mas será lembrado como um fato relevante no futuro. Constará que perdeu para o numero um que estava em plena forma, o que não seria demérito algum.

    3. Paulo F.

      Tomara que Federer e Djoko cheguem às quartas.
      Assim, Djoko faz um treino de luxo nas quartas, em 3 sets diretos, e vai descansado para a semi.

  34. Daniel C

    Na minha opinião, Tsitsipas e Thiem (se jogar o que sabe, não o que vem jogando) podem sim vencer o Nadal e possuem mais chances que o Djokovic de realizar esse feito.

    Agora por mais difícil que seja, eu torço por um duelo Federer vs. Djokovic. O típico jogo que a galera que idolatra aquele que grita com boleiros e juízes ficará tensa do início ao fim, pois sabem que se o sérvio em forma e em grande fase perder para um Federer quarentão e voltando de lesão, será vexatório e motivo de chacota kkkkkk. Mas é claro que vão fugir do blog algumas semanas para não lidar com isso kkkkkkkk.

    1. Luiz Fernando

      Mais fácil o Rubinho retornar a F1 e ser campeão mundial, mas como disse o filósofo Dalcim, nunca descarte RF…

    2. DANILO AFONSO

      Deve ter sido frustante para Vossa Senhoria passar a última década mais tempo secando inutilmente Djokovic e Nadal do que comemorando os feitos do seu ídolo. Que dose nobre Daniel…
      A que ponto chegamos: torcedor do Federer querendo o confronto nas quartas de final porque a responsabilidade seria toda do sérvio. Se ganhar era obrigação, se perder será humilhante…kkkk
      A grandeza do suíço merece muito mais que isso. Resumi-lo a um azarão no torneio ?? Longe disso. Estamos falando do Federer, e não seria surpresa se ele aprontar no torneio, tamanho é sua caixa de ferramentas e imprevisibilidade do seu jogo. Se ele chegar nas quartas, apesar de ainda estar longe do melhor volume de jogo, possivelmente terá recuperado parte da confiança e melhora na parte técnica dos golpes.
      O único favoritaço neste piso é o espanhol, os demais são mortais lutando para chegar longe no torneio e “torcendo” por um abandono do Nadal igual 2016 ou limitação física semelhante a 2009.

      1. Rodrigo S. Cruz

        Só que dessa vez ele entra como azarão mesmo, Danilo.

        Depois da cirurgia ele não brilhou nada…

        Pode fazer mais em Roland Garros? Acredito que sim.

        Mas não acho muito provável.

    3. Rodrigo S. Cruz

      Ahhhh…

      Se ocorresse uma coisa dessas seria uma CATÁSTROFE para esse pessoal.

      Mas a ginástica mental que eles fariam para explicar algo assim seria hilariante. rs

    4. Chetnik

      Há quantas décadas o aposentado não vence o Djoko num GS? De fato, torço muito por esse “confronto”. Rodada bônus total kkkk.

    1. Chetnik

      E o Andújar? Vai jogar? Você que acompanha esses grandes jogadores nos grandes torneio 250 do circuito…

      Desde já, agradeço pela resposta.

      1. Bruno

        Estou acompanhando o Challenger de Belgrado.
        Vc é chiliquento também?
        Bebe água de esgoto ?
        Da boladas na vovó ?

  35. Vinicius Souza

    Dalcim, você não acha que o correto seria o djokovic estar descansando essa semana para disputar roland garros, e não se desgastando nesse atp de belgrado?

    1. José Nilton Dalcim

      Bom, até agora ele mais treinou do que jogou… rsrs… Compreendo sua intenção de prestigiar o torneio da família e tentar ganhar o título que escapou semanas atrás na primeira edição. Mas realmente terá no máximo três dias para se adaptar a Roland Garros, imaginando que irão colocar sua estreia para terça-feira. Como a bola é a mesma, isso já é um problema a menos.

  36. Daniel

    Parece que ninguém lembrou do Medvedev.
    Ok, ok, o cara parece ter até medo de jogar na terra, mas vai que…
    Se o Federer chegar na 03ª rodada não faz ridículo. Mais que isso, o que vier é lucro.
    Cair antes da 03ª… corrobora o fim inevitável.

  37. LION

    Como torcedor do Djokovic gostei muito de um eventual confronto com Nadal nas semi. As chances dele aumentaram. Se antes era de uns 5%, agora essas chances sobem para uns 5,5%….

  38. Luis

    Dalcim como disse no Texto ficou embolado RG, tem dúvidas Federer no saibro sem ainda estar tão bem parte física( que a técnica difícil homem planeta com mais talento no tênis que Suíço rs) Dalcim poderiam fazer estátua Federer em Wimbledon rss O que acha? E Tricolor voltokkk

  39. Leo Gavio

    Muito engraçado ver pessoas achando que Federer vai chegar nas quartas de final de Roland Garros. kkkkkkkk

    Se passar do segundo jogo vou ficar chocado, se chegar nas oitavas vou usar saias por uma semana aqui na minha cidade e vou postar as fotos no instagram.

    1. Alice

      Adorei as saias, muito moderno. Se vai ocorrer, não sei. Mas sim, me passe o instagram pra dar amei depois! Hahaha

    2. Sérgio Ribeiro

      Na boa , caro “ sábio “ Leo Gavião. Avisa ao Robson pra mandar os peões do Sítio pra bem longe . Aí prepara a mini-saia e poste pra Turma da Kombi que acredito que estes vão adorar . Principalmente o grande Piloto seu admirador N 1 . Este não vai nem dormir kkkkkkkkk. Abs!

      1. Robson

        Eita mané,responda ao nobre Nolista sem usar meu nome,vamos lá,vc consegue.
        Vamos acompanhar mais um Slam,mais um RG.
        E com o maior clássico da história do tênis programado pra semi final,Novak Djokovic x Rafael Nadal.
        Mas pra isso,Nadal precisa passar por Rublev nas quartas,sei não hein.
        Simbora número 1 do mundo,faltam 7.

        1. Sérgio Ribeiro

          Resolveu aparecer , caríssimo Robson ?. E desta vez com seu próprio Nick ? . Leo Gavião é teu parceiro de longa data e de mini-saia tua tchurminha vai adorar , ou não vai ? kkkkkkkkkkkkkk. Abs!

    3. JAN DIAS

      No Instagram não vale, tem que mandar pro Dalcim postar aqui..kkk ? (tenho certeza que ele permite..kk).

      1. Alice

        Adorooo kkkkk, bem que ele podia criar uma coluna de moda. Essa foto com certeza seria a pérola da semana. Hahaha

  40. WANDERSON

    Nao esqueçamos que o melhor jogo entre djoko e nadal no saibro françes.foi em uma semifinal 2013 ou 2014 e nao em uma final.por isso acho que as chances do djoko aumentam.

  41. Carolina

    – A parte da chave que tem De Minaur, Cecchinato, Tsonga, Goffin e Musetti está interessante. De repente sai um Djokovic vs. Cecchinato nas oitavas. Mas o resultado deve ser diferente desta vez.

    – Uma provável segunda rodada entre Korda e Tsitispas acende um sinal de alerta.

    – Roberto Bautista Agut e Pablo Carreno Busta na parte de baixo da chave e bem longe do Big 3…

    – Será que veremos um qualifier nas quartas de final ou quem sabe nas semis?

    – Kohlschreiber vs. Verdasco?

    – Não sei o que pensar de Kenin vs. Ostapenko na primeira rodada. Só posso dizer que novamente estou na torcida por uma boa campanha da Ostapenko, mas é melhor não ter muitas expectativas.

    1. Carolina

      E por falar em qualifiers, teve o Brooksby salvando match points em 0/40. Ainda não foi suficiente para virar fã, mas admito que fiquei impressionada. O Karatsev que se cuide! No papel esse é um dos jogos mais interessantes da primeira rodada.

  42. Vitor Hugo

    Não entendi a sua pergunta se alguém arriscaria um favorito para Novak x Nadal? Creio que está brincando, né, Dalcim?
    O sérvio tem vexatórios 7 x 19 no barro, nunca venceu um Nadal em forma em RG e não vence o espanhol a 5 anos no piso, além de ter sido massacrado na final do ano passado na final mais vexatória da história de RG.

    Sobre Federer, sendo realista, não vejo ele vencendo o Berretinni hoje…. Contra os outros rivais da chave, até as quartas, tem chances sim!

    1. Paulo F.

      Sempre tentando subverter os fatos, hein Marquinhos?
      Que feio…
      Em 2008 o Federer perdeu de 6-1; 6-3 e 6-0.
      Em 2020 o Djokovic perdeu de 6-0; 6-2; 7-5.
      Ou seja, apenas no terceiro set em 2020, Djokovic fez mais games do que Federer fez toda a partida em 2008.
      Provocações fazem parte.
      Agora mentir, não dá.

      1. Vitor Hugo

        Não estou falando do Federer aqui, mas sim de Novak, entendeu? E pelo contexto todo a derrota de Novak foi sim a mais humilhante.

      2. Sérgio Ribeiro

        Duas derrotas ridículas caríssimo, P. F. O que agravou a do Sérvio foi a falácia de seu Treinador o colocando como favorito… Já o Craque pensava na quebra do recorde das incríveis CONCECUTIVAS de Björn BORG em WIMBLEDON 2008 lodo a seguir . Não deu mais perdura até hoje sem que Sampras ( o segundo melhor na Superfície ) , conseguisse supera-los .Abs!

      3. Rodrigo Azevedo

        Sério que vcs ficam discutindo qual “derrota” foi pior?

        Kkkkkkkkkk

        Os dois levaram o prato do mesmo jeito…

      4. Rodrigo S. Cruz

        Pra mim, e pra muita gente, a derrota atual do Djokovic foi bem pior e mais vexatória que a do Federer.

        A do suíço ocorreu no longínquo 2008. Só os haters requentam isso.

        Em 2019 ele também perdeu, mas não foi dessa forma ordinária que o sérvio amargou no ano passado.

        O Djokovic domina o tênis atualmente, é favorito contra o suíço no saibro, mas foi PISOTEADO pelo Nadal em 2020.

        Nada justifica isso. Nada!

        E na boa – querer citar aqueles miseráveis 5 games do sérvio no set final é uma piada né?

      5. DANILO AFONSO

        Paulo não perca tempo com esse assunto. Já temos uma “jurisprudência” consolidada atestando com várias estatísticas que a derrota de 2008 foi muito mais acachapante. Essa página já está carimbada.

        1. Paulo F.

          Pois é, semana que vem o Multi-Personalidades vai tentar emplacar de novo essa mentira.
          – Qual será a justificativa da semana que vem para a de Federer ser menos humlhante?
          Em 2008 Federer já era “velho”?
          Kkkkkkk

        2. Paulo Almeida

          Por mais que a gente desenhe, as figuras não conseguem entender a obviedade de mais games e mais tempo em quadra, Danilo. Melhor deixá-las com suas crenças fanáticas fora da realidade.

    2. Paulo Almeida

      Mais vexatório ainda é um 14×2 no saibro, um aproveitamento pifio de 12,5%. No geral, continua bem ruim ainda com 24×16 contra.

      Fregueser só tem uma vitória convincente contra o Nadal na terra batida em Hamburgo, já que a vitória em Madri 2009 foi em cima de um jogador estafado pela longa batalha no dia anterior contra o futuro rei do tênis. Este, por sua vez, ganhou 5 jogos em cima de um Nadal em alto nível e mais 2 em cima de uma versão pior, mas que era número 6 do mundo. É melhor uma vitória em Rolanga do que nenhuma.

      1. Gildokson

        Essa de Hamburgo é aquele em que o Federer encerrou uma invencibilidade de 81 jogos na terra batida do espanhol?? Acho que foi neh? Federer é f… mesmo kkkkkk
        Isso me fez lembrar quando ele quebrou aquela invencibilidade do Djoko também em 2011 kkkkkkkkkk

        1. Paulo Almeida

          Continua sendo só uma (unidade, unitário) vitória convincente no torneio que foi reduzido a 500tinho, Gildokson.

        2. Sérgio Ribeiro

          Essa quebra de longa invencibilidade de ambos é uma demonstração clara pra que serve o h2h , caro Gildokson. E tinha que ser o Craque e justamente no Saibro kkkkkkkkkkkkk . Abs!

      2. Vitor Hugo

        Não estou falando de Federer, mas sim de Djokovic, entendeu?
        Não é sempre q vou perder meu tempo respondendo fakes, so, enjoy!

        1. Paulo Almeida

          Não responde normalmente porque é facilmente jantado, assim como seus parças da ala xiita freguesiana.

          E pra mim fake é quem está sempre mudando de nick, como no seu caso, kkkkk.

      3. Sérgio Ribeiro

        Esqueceu dos 14 x 10 nas demais superfícies a favor do Craque Suíço. E conquistar dois MASTERS 1000 na superfície pra cima do Rei do Saibro com direito a Pneu em Hamburgo é pra poucos . Daí justificar o fato de ser o Terceiro maior vencedor de partidas em RG ( mesmo pulando vários) , acima de Borg , Vilas , Lendl , Wilander e CIA . E na Grama apenas 3 x 1 pois o Touro caiu cedo muitas vezes e também pula os preparatórios junto com o “ goat “ Paraguaio rs . Já o Suíço com suas 5 FINAIS em RG mostra que é um Saibrista de prima .., rs . Abs!

        1. Sérgio Ribeiro

          Ps. Acredito que os Deuses do Esporte não nos privarão de um embate FINAL entre o Suíço e o Sérvio em Paris . Já dá pra imaginar o semblante de Novak com o show de curtinhas que vai tomar do professor kkkkkkkkk. Abs!

        2. Paulo Almeida

          Só 14×10? O cracaço sérvio tem 22×9, ou seja, dá o troco fora do saibro, enquanto o GUAT chegou a levar vergonhosos 9×6 no hard até 2014, kkkkk.

          Legal, o Djoko ganhou Monte Carlo, Madri e Roma duas vezes em cima do Nadal em plena forma. Não há comparação, não insista.

          1. Sérgio Ribeiro

            Deixa de ser fanfarrão, mane’ . Está’ 4 x 4 entre ambos no Saibro. E Novak ainda não é “ goat “ de coisíssima alguma . E Craque somente existe um !!! . Abs!

        3. Paulo F.

          Pois é, e como é o desempenho de Roger contra Rafa em Roma e Monte Carlo mesmo?
          Ele tem algum troféu lá?
          Djokovic tem, e em cima do mestre do suíço, tanto em Roma como em Monte Carlo.

          1. Sérgio Ribeiro

            Federer é Hexacampeão do AUSTRÁLIA OPEN , meu caro. Procure saber quantos títulos o Touro possui em Melbourne… rs Abs!

          2. Paulo F.

            Na Austrália? Rafael Nadal 3 x 1 Roger Federer.
            Com direito ao ridículo choro infantil de Federer em 2009.

    3. Daniel C

      E lembrando que no ano anterior, um Federer quase quarentão e sem jogar há muito tempo no saibro, deu mais trabalho pro Nadal na semi de RG rs

      Enfim, se tem alguém que pode surpreender o Nadal em RG, é o Tsitsipas ou algum outro Next Gen. Como eu já disse, o Djokovic trintão e praticante do tênis atriz com feijão, só vai entrar em quadra para cumprir tabela contra o Nadal

    4. Carlos Henrique

      HAHAHAHA ótima veia cômica. Federer foi tirado pra nada durante os três sets de 2008 e tenho que ler que a final do ano passado de RG foi a mais vexatória.

      1. Paulo F.

        Piada né? Considerar como GOAT alguém que levou um pau daquele jeito em 2008.
        Já sei, era velho aos 27 anos.

  43. Emerson Nogueira

    Dalcim tu acha numa boa que alguem vai impedir Rafa ganhar este torneio?clari só se acontecer uma catástrofe. E falo o que vale para ele este GS.E digo Federer vai Ganhar do Djoko se encobtrarem ou Djoko cai antes!

  44. Luiz Evandro

    Acho o setor do Djokovic o mais fácil, mas Goffin e Federer na sequência podem levá-lo a um estafe mental contra o Nadal. O Federer pode muito bem ser batido pelo Berretini, e o Nadal tem mais dificuldades com Sinner e Rublev.
    Tudo na teoria!
    Também acho que Pouille ou Cuevas, e Sandgren serão jogos interessantes contra o Djokovic.
    A maior incógnita é mesmo o Federer.

      1. Sérgio Ribeiro

        Concordo caro , Dalcim . Até um freguês de carteirinha tem direito a um dia de glória rs . Abs!

          1. Sérgio Ribeiro

            Sem dúvida. Não o vence desde 2013 . E idem para o Suíço desde 2015 ou as últimas SETE partidas . Abs!

  45. Allan Fonseca

    Creio que Nadal só perde se tiver o azar de algum problema físico durante o torneio. Ele é muito superior em RG a qualquer adversário. Para o Federer, se conseguir chegar à terceira rodada, já é um ótimo desempenho, pensando nos objetivos que ele se colocou. Com um físico recuperado e mais ritmo de jogo, ele pode ir bem na grama e no piso duro. Não vai ser fácil, mas, nesta altura da carreira, também não tem mais qualquer pressão sobre si. Vai que, em uma semana de glória, ele não belisque ainda alguma coisa? Já aconteceram coisas semelhantes no passado. Ivanisevic em Wimbledon, o próprio Sampras em seu último US Open.

  46. Rafael Prado

    Boa noite Dalcim! Vc sabe se haverá algum serviço de streaming que transmitirá Roland-Garros?? Eu assino o ATP TENNIS TV mas ao que parece-me eles não transmitirão Slam. Estou sem TV a cabo… $$$
    Abraço!

    1. José Nilton Dalcim

      Não, ATP não transmite Slam. E neste ano Roland Garros não lançou seu aplicativo ao vivo. Então você terá de tentar a tv ou os sites de streamings não-oficiais, Rafael.

  47. Rodrigo S. Cruz

    THIEM – Chave mediana – Andujar, Delbonis e Fognini em fase negra, não merecem grandes preocupações. Só que em seguida, tem o Ruud que é chatinho, e então o Zverev. No caso do Thiem recuperar o seu jogo, aí sim ele vira um postulante destacado.

    NADAL – Chave perigosa – depois do treino de luxo com o Sinner que deve sentir o peso desse jogo, virá o Rublev ou Karatsev. E eles podem ser adversários indigestos realmente. Em seguida viria o patão Djokovic ou o patão Federer. Ou seja, rodadas bônus (rs) Na final, o espanhol pode pegar o ascendente grego. Mas em uma decisão de Roland Garros quem seria doido de apostar contra o Nadal?

    TSITSIPAS – Chave ridícula! O grego já pode se considerar na semifinal…

    DJOKOVIC- Chave mediana – o Cuevas vive péssima fase; o Humbert até pode dar algum trabalho; e o Goffin, na fase atual, pode ser atropelado! Em seguida, o sérvio pode reencontrar o Federer que até agora não apresentou nada. Nesse caso, o mais lógico seria uns 3 x 0 fácil pro Encosto…

    FEDERER – Chave duríssima para seu nível atual – muito longe do seu melhor tênis, ele vai ter pela frente o Berretini. Duvido que o suíço avance. Mas se passar, na sequência tem o Encosto, e depois o Nadal. ESQUECE! Melhor dar o fora antes e se dedicar à relva!

  48. Fedex

    Dalcim, vc realmente ver o Federer conseguindo chegar no duelo contra o Novak? Acredito que não. O foco do suíço é a grama, não deve passar pelo Berretine. Acredito que se ele ganhar 2 jogos já sairá com o seus objetivo mínimo alcançado. Mas pode esperar que o suíço vai dar trabalho ainda esse ano, principalmente se o físico ajudar. Percebi seu braço direito mais musculoso, provavelmente tbm deve ter melhorado a musculatura das pernas, é uma questão de tempo para ele conseguir pegar ritmo.

    1. Chetnik

      Eu tenho mais músculo no meu mindinho do que o Federer no corpo inteiro. O cara é um frangão total.

  49. Marcilio Aguiar

    Sou péssimo em palpites, mas acho provável semis entre Djoko x Nadal e Tsitsipas x Thiem (apesar da fase ruim acho que ele vai engrenar).

    Para o Federer espero um papel digno e, se chegar às quartas, que de algum trabalho ao Djoko.

    Dalcim, dentre todos os não favoritos principais quem poderia aprontar uma zebra e tirar um dos quatro prováveis finalistas? Karatsev, Rublev ou Ruud?

    1. José Nilton Dalcim

      Considerando que Ruud está do lado que não jogam Nadal nem Djokovic, apostaria nele… rsrs…

  50. Paulo F.

    Ficarei surpreso se Federer chegar nas quartas, aí eu esperarei que seja escovado da quadra como aconteceu em 2012.

      1. Paulo F.

        Não aparece as estatístcas de winners?
        Ué, mas segundo as federetes, não é quem ganha mais winners o que importa?
        kkkkkkk
        O nobre Luiz Fernando tem razão, aqui é diversão garantida!

        1. Sérgio Ribeiro

          O nobre L. F. vai se divertir muito com o sumiço do baba ovo mor ( as coisas se inverteram rs ) , assim que o Espanhol abrir 21 x 18 em SLAM . Provavelmente a Kombi deve sumir do Blog pra consertar as avarias direto na oficina kkkkkkkkkkkkk. Abs!

      2. Gildokson

        No mês seguinte o Federer devolveu em Wimbledon… hoje você está me trazendo boas lembranças Paulo kkkkk até que enfim você sendo um pouco bonzinho comigo kkkkkkkk
        Abs!!!

      1. Paulo F.

        Não, em 2011 Federer deu uma mão daquelas para o Nadal, dando outro RG de graça para o seu mestre.

  51. Ronildo

    Péssimo negócio para o Djokovic este torneio de Belgrado. Se ele chegar na final vai parecer que RG terá 3 semanas.

  52. Majô

    Sensacional esse sorteio.Os três grandes do mesmo lado!Teremos excelentes jogos nesse RG,infelizmente Federer não está na sua melhor performance, e segundo disse não está focado para RG.Apesar de federista não creio em suas palavras,imagina ele aos 39 anos vencer RG a casa de Nadal?Se sair Federer torcerei para Nadal,afinal é um monstro na Chartrier.E Dalcin que belíssima escultura e homenagem fizeram para Nadal hein?
    Não demora muito Djocko vai querer uma em AO e Federer em Wimbledon se ocorrer,será algo meio “arranjado”.
    Ótimo final de semana para todos.Au revoir Paris!!!

  53. Vinicius

    Mais uma excelente análise mestre, vou apostar no Dominic Thiem q não vem jogando bem, mas vai adquirir confiança com o passar dos jogos.

  54. John John

    Não acredito que Federer chegue as quartas, e vejo Tsitsipas com condições de ser campeão.
    Nadal e DJokovic provavelmente vão se pegar na semi, se fosse final cravaria Nadal, mas semi é menos tenso, creio que o sérvio tenha condições de ganhar.

  55. Roberto Rocha

    Confiante pelo título em Roma, com nítida evolução no seu jogo e fisicamente inteiro, Nadal é favorito contra qualquer adversário no saibro. Claro que pode perder para Djokovic, mas eu diria que ele vai empatar o H2H…
    Djokovic aliás enfrentou hoje uma das maiores babas que eu já vi no tênis. Como não tem nada com isso, descarregou o caminhão de melancias em cima do camarada e segue tranqüilo para vencer o torneio.

  56. Rodolfo

    Olá mestre o que achou da naomi dizendo que amovais responder perguntas?
    Achei bem forçado e infantil os argumentos dela

    1. José Nilton Dalcim

      Também não gostei. Acho que entrevistas são importantes. Ela poderia simplesmente se recusar a responder a perguntas não bem colocadas ou maliciosas.

      1. Sandro

        Amigos, acho que “EGO” da Osaka já está inflando acima do necessário. A declaração dela soa pra lá de antipática e já dá sinais do tão fadado “ESTRELISMO” de algumas que pessoas que “SE ACHAM” depois da fama… Acho que ela está querendo “causar” e pra aparecer decidiu criar polêmicas em vez de pendurar uma melancia no pescoço…

      2. F.R.

        Tb acho. E tb concordo com o Nadal, que disse que respeita a decisão de Osaka, mas fala sobre a importância da imprensa e de como atletas não teriam o mesmo reconhecimento ou popularidade sem as pessoas que escrevem sobre o esporte. Parte essencial da coisa. ??

  57. Maurício Luís *

    Big 3 do mesmo lado da chave?? Mããasss que GRACINHA! Agora só tá faltando combinarem de dar entrevista de mãozinhas dadas.
    O Medvedev na vice-liderança do ranking realmente bagunçou o coreto desse “Trio Calafrio”. Quem não tá se lixando é o Nadal. Saibro em melhor de 5 sets… o baloeiro passa o rodo em todo mundo.

  58. alfred

    Sei não Dalcim, se o Federer for pegando ritmo nas primeiras rodadas e vencendo obviamente, acho que ele chega nas quartas sim.

    Agora vencer o djoko, que nos últimos anos ganha 99% dos confrontos em slam, ai fica quase impossível…

  59. Sandra

    Dalcim , pode fazer a crítica que vc quiser , mas esse sorteio de Roland Garros e sempre esquisito, não consigo achar ele honesto como nos outros 3 slams

    1. Sandra

      A única coisa que da para acreditar nesse torneio são os 13 títulos do Nadal , vc saberia informar se nesses 13 títulos ele pegou alguma chave difícil?

        1. Sandra

          Vc não acha Dalcim , praticamente impossível o Nadal não levar mais esse ? A garotada ficou do lado dele , e não acha difícil essa garotada aguentar 5 sets ?

  60. Henrique Cipriano

    Nadal sempre será o nome mais temido em Roland Garros. Assim, embora Djokovic tenha a chance de impedir o 21º slam de Rafa, terá que suar muito para derrubar o canhoto espanhol, que já demonstrou em Roma que continua soberano na terra. Quanto ao Federer, se chegar nas oitavas de final será um grande feito, considerando a evidente falta de ritmo. Por fim, torcerei no outro lado da chave por Tsitsipas, que dos jovens é o que mais tem me agradado, embora não acredite muito em um título, pois RG é o slam mais difícil de ser vencido, por causa de um tal Rafael.

    1. Paulo Almeida

      Mas já está com tanto medo assim de tomar 12×6 em Slam do rei do tênis e predador natural do entressafreiro? ??????????????

  61. Edgard Upinho

    Dalcim, imagino que Nadal seja o favorito mais uma vez e não creio que Federer chegue as quartas para enfrentar Djoko. Uma pergunta : O senhor acredita que Djokovic venceria Nadal na final de RG 2011 caso não tivesse sido parado pelo suiço? Lembro que em 2011, em Roma, quando perguntado sobre quem preferia enfrentar (Djoko ou Murray), Nadal foi sincero e respondeu: “não sou tonto, prefiro Murray”. O britânico/escocês fez uma semi final dura contra Djokovic naquele ano em Roma, mas o sérvio conseguiu vencê-lo. Tb torcerei pelo sérvio, pois creio que pela consistência do seu jogo e títulos, ele é o que mais merecedor a ter o recorde de possuir pelo menos dois títulos em cada um dos Slams. Obrigado, Dalcim.

    1. José Nilton Dalcim

      Puxa, é uma pergunta difícil. Eu diria que Djoko tinha grande chance por tudo que já havia acontecido até ali. Mas veja que ele foi dominado pelo Federer na semi talvez já sentindo a pressão natural do momento. Abs!

      1. Marcelo F

        Dalcim, não concordo que Djoko foi “dominado” nesse jogo. Eu acho que foi um jogo muito parelho. O sérvio vinha em grande fase, como nunca se tinha visto antes, e acho que entrou com excesso de confiança e se surpreendeu com a enorme qualidade do jogo do suíço naquele dia. Federer jogou muito nesse jogo. Só mesmo ele mesmo parecia capaz de parar Novak. Até porque o Nadal já tinha perdido duas finais pra ele no saibro naquele ano. Claro que em RG o espanhol se transforma, mas acho que seria bem possível uma vitoria sérvia se esse jogo acontecesse. Eu diria que esse Federer x Djokovic foi um dos 10 melhores jogos que já vi, fácil.

  62. rafael

    Que sorteio hein mestre?! O BIG 3 do mesmo lado da chave é sensacional! Acredito muito na semi entre Nadal x Djoko (final antecipada), mas duvido que o Federer consiga ir longe, infelizmente. Realmente o Tsitsipas se deu muito bem, mas não creio que ele ou outro da next gen possa fazer frente ao Nadal ou Djoko em uma final.
    Que venha RG e torcerei para o Djoko fazer história ao ser o 1 tenista a ter, ao menos, 02 títulos em cada um dos Grand Slams.
    Boa cobertura mestre!

Comentários fechados.