Nem vento para Nadal
Por José Nilton Dalcim
7 de junho de 2019 às 18:56

Nunca foi tão óbvio cumprir uma profecia. Desde que voltou a jogar em alto nível em Roma, e ainda por cima com título em cima de Novak Djokovic, era evidente que Rafael Nadal recuperaria a confiança e o tênis mágico sobre o saibro para tentar o 12º título de Roland Garros. Não houve adversário, nem histórico, nem vento que pudesse impedir isso. Não se sabe contra quem ou quando, mas isso não faz diferença. Rafa é o favorito.

Conforme a previsão, o vento forte de até 40 km/h foi um ingrediente importante nos jogos desta sexta-feira. Prejudicou a qualidade das duas semifinais, obrigou os tenistas a fazer curiosas improvisações e quem usou mais topspin conseguiu esfriar a cabeça antes. Nadal jogou bem demais para estas condições radicais, Dominic Thiem abriu vantagem sobre Nole até a chuva chegar pela segunda vez e forçar um adiamento controverso para o sábado cedo.

Federer resistiu o quanto pôde, e desperdiçou chances valiosas nos dois primeiros sets que poderiam ao menos tornar o jogo bem duro. Mas falhou na hora de empatar por 3/3 a primeira série e desperdiçou 2/0 na outra. A esperada dificuldade de controlar seus golpes mais retos ou de chegar bem à rede diante do vento somou-se a uma atuação magnífica de Nadal.

O espanhol cravou 82% do primeiro saque e surpreendeu duplamente com o backhand, ora batido na paralela no pé do adversário, ora violento e cruzado. Se é fato que não fica fácil volear naquelas condições, também é extremamente difícil achar passadas e ângulos tão milimétricos. Saiu de quadra com 33 winners, oito a mais que Federer, um padrão que eu tenho ressaltado em todos os jogos de Rafa neste torneio.

A façanha de Nadal é recheada de números. Para começar, nenhum tenista em qualquer nível ATP já fez 12 finais num mesmo torneio e agora iguala Margaret Court nos Grand Slam, ela que tem 11 títulos e 1 vice na Austrália. Jamais perdeu uma semi em Paris, e na soma de todas elas só perdeu 3 sets. Está agora com 92 vitórias em 94 possíveis no torneio, tendo vencido os dois únicos jogos em que foi levado ao quinto set, e estende a incrível marca sobre o saibro em partidas de melhor de 5 sets para 117 em 119 feitas na carreira.

Em seus duelos diante de Federer, encerrou a série de cinco derrotas consecutivas e o jejum que vinha desde janeiro de 2014. Sobe para 24-15 no geral (sendo 14-2 no saibro), vai a 10-3 nos Slam (dos quais 6-0 em Roland Garros) e 4-0 em semis de Slam (as outras duas na Austrália).

E quem será seu adversário? Thiem se adaptou muito melhor ao vento com seu topspin pesado dos dois lados e viu Djokovic contrariado e falível num primeiro set bem abaixo do que vinha jogando. A chuva chegou em boa hora, o sérvio conseguiu colocar a cabeça no lugar no final do segundo set, mas o austríaco voltou a abrir vantagem com 3/1. Aí outra vez choveu e a organização decidiu por adiar de vez a partida para o sábado, ainda que já tivesse aparecido o sol em Paris e faltassem pelo menos três horas para escurecer.

Impossível prever como irão reagir cada um no retorno. O sábado promete tempo seco porém o vento de 30 kim/h continua. A organização não se antecipa e aguarda os sets finais para dizer se a final permanece no domingo ou vai para segunda-feira. Se Thiem completar a vitória até o quarto set, imagino que a decisão será no dia seguinte, mas se Djoko reagir ou levar ao quinto set – e principalmente se vencer -, a chance de adiamento é enorme.

Final imprevisível entre as meninas
O vento acordou cedo e também atrapalhou muito as semifinais femininas, disputadas simultaneamente nos estádios secundários. A vitória de Ashleigh Barty foi uma das mais notórias gangorras da temporada. A australiana teve set-point para 6/0, mas foi perder no tiebreak. Aí Amanda Anisimova fez 3/0 sem ceder um ponto sequer e caiu por 3/6. No terceiro, a adolescente abriu 2/1 com saque, Barty virou para 5/2 e precisou de seis match-points para enfim disputar a primeira final de Slam da carreira, aos 23 anos.

Se Anisimova lembra fisicamente Monica Seles, será Marketa Vondrousova quem tentará repetir a iugoslava, que foi a última (e apenas segunda) canhota a vencer a fase profissional de Roland Garros, em 1992. A tcheca de 19 anos mostrou maturidade num jogo em que a experiente Johanna Konta liderou por algumas vezes, incluindo 5/3 e três set-points, depois 5/4 e saque.

A final tende a ser nervosa, ainda mais se com a expectativa de vento forte, o que torna tudo um pouco mais lotérico. Vondrousova tem o saibro como piso predileto, se mexe muito bem e também gosta de variar. No entanto, perdeu os dois duelos feitos contra Barty. A australiana, aliás, concorre a assumir a vice-liderança do ranking em caso de título.

Boa notícia, a final feminina passará ao vivo na Band aberta também.


Comentários
  1. Juarez Vieira de Oliveira

    DALCIM, NÃO SEI SE CONCORDA COMIGO, NADAL NOLE E TIEM NÃO TEM CULPA DE NADA, MÁS UM TORNEIO DESSE PORTE NÃO PODERIA TER UMA FINAL ASSIM.TUDO CONSPIROU A FAVOR DE NADAL, A CHAVE, A CHUVA E O VENTO OS ADVERSÁRIOS . nÃO SEI PORQUE A CHAVE DO TORNEIO SEMPRE FAVOREÇE NADAL, NÃO SEI QUAL O CRITÉRIO SE TEM MOTRETA, MÁS É MUITA COINCIDÊNCIA. O TORNEIO FOI MUITO INJUSTO PARA O SÉRVIO E TIEM. CREIO.

    Responder
  2. Luiz Fabriciano

    Como sempre faço, toda vez que uma situação me disponibiliza um limão, tento fazer uma limonada. Hoje, uma das coisas que me deixou alegre na derrota do Djokovic, foi ver a belíssima Kiki Mladenovic feliz da vida no box do Thiem.
    Amanhã vou torcer por ele, apesar de que não poderei ver o jogo e espero que Novak Djokovic ainda tenha tempo de aprender com os vacilos de hoje.

    Responder
  3. Luiz Henrique

    O que Nadal está conseguindo em Roland Garros é surreal…seja 11 ou 12, acho mais fácil Bolt ter seus recordes batidos, um time da NBA ou Champions League ganhar 6 ou 7 títulos seguidos, alguém no futuro tb chegar a 20 slams….mas ganhar 11 (ou 12) vezes o mesmo slam? Não consigo imaginar. Isso aí talvez seja o maior feito esportivo da história.

    Responder
  4. Bruno

    Eu disse antes,Thiem cresceu na hora certa
    É mais novo,tem ótimo preparo físico e se não se afobar tenho certeza que será jogo duro.

    Responder
  5. Gabi

    E não é que existe o eSeries Roland Garros?, torneio de tênis virtual?!

    Luiz Fernando, vá lá participar!!

    Eu já to velha, sou old school!!

    Responder
  6. Adriano Souza

    Não interessa se o Djokovictory não tem o mesmo carinho do publico que o Zé do balão e o Algós do Rodick tem. Oq interessa é que ele continue na ativa ganhando Slams, pra tristeza dos pé de barro kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder
  7. Sandra

    Dalcim, sei que você ainda está em ritmo de Roland Garros, mas fiquei curiosa, não dá para esperar, se o Kyrgios faz em Wimbledon o quemfez em Roma , , de jogar a cadeira, ele não teria punição também , ou maior do torneio, afinal Wimbledon e cheio de frescura, pelo pelo menos tem teto retrátil rssss

    Responder
  8. periferia

    Vendo os comentários contra as atitudes do Djokovic….fico pensando….um cara que nasceu em uma região difícil…….um lugar onde o nacionalismo e o extremismo são coisas naturais….
    Imagino o tanto de preconceito esse cara recebeu durante dua formação do resto da “Europa elitizada”.
    Quando chega no todo tem jogadores que além de mitos do esporte em geral…..sobra em carisma….novamente ..talves por culpa dessa falta de confiança em si (Não como jogador e sim como ser humano)…sofre com as críticas e desconfiança…..Djokovic já é um mito….mesmo se encerrar a carreira hoje ja seria…..ele está a altura dois grandes

    Responder
  9. Nilson

    Como torcedor do federer, fiquei até feliz pelo tamanho da derrota. Pensei que seria mais humilhante. Acho que o Nadal deva ganhar mais 3 RG. Tb já acho que o espanhol vá superior o Federer em Grandl Lam. Apesar de ser nosso maior Rival, ele é simplesmente espetacular.

    Responder
  10. Augusto Montenegro

    Esse Renato lembra um chato chamado “Marquinhos” que nunca mais li nada dele. Agora, por onde anda o Marcão? Ali escrevia bem heim.

    Responder
  11. Gabi

    Muito merecida a homenagem à Chris Evert!!
    Além da jogadora muito excepcional que foi, me parece uma pessoa muito íntegra e decente!!

    Responder
  12. Sônia

    Puxa vida, Barty atropelou. Parabéns Barty, super merecido, estava na torcida. Mudando de assunto, Dalciiiim, muitas reportagens mencionando Thiem como “ThieMito” rsrsrs, inacreditável como tudo se copia, inacreditável rsrsrs, e como os “entendidos” só comentam “o momento”, principalmente os da “terceira idade” (Terceira idade? Vermelho? Gosto não rsrs).

    ThieMito, pra mim voce é o campeão moral, como dizem rsrs, amanhã, sorry, vou assistir não, meu estômago é sensível “por demais”, total cilada. Fica aqui minha energia positiva, meu pensamento, meu coração, minha torcida. Tchauzinho, indo para a chácara. Beijos.

    Responder
  13. Daniel

    Para quem fala que o Federer deveria se aposentar, está muito velho, etc.
    Fez uma temporada digna no saibro e chegou a Roland Garros até… a mesma rodada que o nº 01 do mundo.
    Joagando assim, pode ir até os 45 anos, só fará bem para os apreciadores de um belo tênis.

    Quanto ao Thiem, se tinha problemas na parte mental do jogo, foram todos superados nessa partida, kkk

    Djokovic arrogante como sempre. Joga muito, um dos maiores, mas acha que é mais que todo mundo.

    Se tivesse ganho, o admiraria ainda mais como tenista e ainda menos como pessoa.
    O grande tenista consegue ganhar partidas em que corre atrás o tempo todo (jogando mal).
    E ele é fera nisso. Hoje não deu.

    Responder
  14. R. P.

    Ninguém discorda que Djoko fez uma partida miserável, errando tudo que podia. Olhando a frieza dos números entre os jogos Nadal x Federer e Djokovic x Thiem, as proporções de erros e acertos entre Federer e Djoko estão quase ao rigor do empate. A diferença foi a qualidade do adversário. Federer foi varrido, Djoko faltou pouco. O pior Djoko quase venceu o melhor Thiem. Se tivesse jogado desse jeito contra o Nadal, teria levado uma surra igual o Federer. Conclusão: as chances do Thiem vencer esse Rolanga é zero + coisa nenhuma.

    Responder
    1. Rodrigo S. Cruz

      Olha,

      Como nesta pasta aqui você postou de forma civilizada e bacana, eu respeito tua opinião.

      Só acho que você está bem equivocado.

      O Nadal que se cuide!

      O Thiem está jogando muito, com uma energia bem diferente, e acho que tem boas chances amanhã…

      O Djoko errou muito, porque o Thiem fez ele errar…

      Responder
  15. Maior geração do tênis chegando

    Boa thiem vc no saibro fará mas história que o djokovic avizei antes do jogo kk……com 25 anos o thiem deve ganhar dois Roland Garros e será um novo Andy Murray pra mim ..agora as djokovizetes vão sentir na pele oq é o jogador envelhecer ele vai começar a perder sempre pó thiem e vai ser freguês dele e do kyrgios..ae vão aprender a respeitar o Federer que só perdeu pó Djokovic pq já estava velho em decadência ..mas na história nunca djokovic será nível Federer nunca

    Responder
  16. Sérgio Ribeiro

    E realmente o N 1 e o N 2 sobravam. Mas o GOAT Paraguaio com a sua empáfia, pôs tudo a perder. Um comportamento mesquinho e medíocre, antes, durante e depois , assim como fazem seus torcedores Fakes Fanáticos. Conseguiu a proesa de ser eliminado pelo Back simples , por um cara SEIS anos mais velho em 2011, por um SEIS anos mais jovem em 2019 ( ambos nas Semis ) , e apanhou para um da sua idade , STANIMAL na Final de 2015. E ainda querem compará-lo ao Rei do Saibro em seu Habitat. Vai continuar 1 x 6 pois não comparece. O Craque Fujão, compareceu como sempre fez a vida inteira contra qualquer um. Rafa Nadal não tem nada a ver com isso e segue favorito como sempre. Espero que o “ grupinho “ que sacaneou nos últimos três anos o SuperEstimado, tenha aprendido de vez a lição. Já estou vendo alguns finalmente se rendendo ao Talento de Dominic Thiem . ABS !

    Responder
  17. Luiz Henrique

    Sou Nadalista e estou um pouco chateado pela derrota de Djoko, pois Djoko é um grande freguês de Nadal no saibro nos últimos 3 anos, enquanto o Thiemito é o único q venceu Nadal no saibro nos últimos 4 anos. Acredito q Djoko era mais fácil e ainda poderíamos mandar um recado, com um 3 x 0 pra tentar inverter um pouco a vantagem mental do sérvio q venceu bem no AO. Pena q djoko n veio…mas depois das marmeladas q ele fez ontem, foi bem feito perder

    Responder
  18. sandra

    Dalcim, não sei a sua opinião, mas Djokovic não ganhou hoje, mas acho que ainda vai ganhar muita coisa, E será que chegou a vez do Thiem? o jogo deveria ser na segunda

    Responder
  19. Beto

    O Renato ficou todo ofendido qdo ontem choveram provocações ao Federer.
    Nas msgs que postou até agora na derrota do djoko, tá fazendo o que não gosta que façam com ele.

    Responder
  20. Rodrigo S. Cruz

    [Paulo Almeida]
    7 de junho de 2019 às 22:47
    Claro, Adriano.

    “O GOAT nem deveria ter entrado em quadra hoje e mesmo com todas as adversidades ainda ganhou um set. Fregueser sempre foi passivão e cabeça baixa, enquanto Djokovic não iria deixar o Nole Slam escapar por causa de condições varzeanas de jogo”.

    Só que as condições varzeanas eram pros 4 semifinalistas, bebezão…

    E se o prejuízo fosse só pro Federer, você não viria nem comentar.

    Portanto, deixe de hipocrisia.

    O único tenista que foi lá abrir a boca e reclamar, com toda arrogância e grosseria, foi o Novak Chilique-vic.

    O Federer apenas deu outra demonstração de que além de melhor tenista, é melhor ser humano…

    No mais, curta aí a tua fossa pela eliminação do chiliquento, goat paraguaio.

    Quem ri por último rir melhor.

    Você riu ontem, e nós rimos hoje

    kkkk

    Abração!

    Responder
  21. Sônia

    Rsrsrs, apostei no sérvio… PENINHA, pois 16<18 rsrs. Inacreditável como esses deuses do tênis são sádicos, inacreditável, rsrsrs, como já estou vacinada, não sofro mais rsrsrs.

    Agora, dizer o quê para voce ThieMito, dizer o quê? Te amo lindão, acredita lindão, “yes you can”. Na torcida para que os nojentos dirigentes coloquem seu próximo jogo na segunda-feira, pois se o sérvio vencesse, com certeza seria.

    Beijos.

    Responder
    1. Sérgio Ribeiro

      Pois é, Sônia. Enquanto nos últimos 3 anos vinha o “ grupinho “ todo de manés , de SuperTHIEMAdo , você vinha de ThieMITO. Conhece muito mais que as figuras que agora passaram a chamar o garoto de Dominic Thiem. Mesmo assim fazem o mesmo com Zverev. Somente lembrando que chamei a atenção para ANISIMOVA . Está vai dar alegrias em breve ! Bjs

      Responder
  22. Eu

    O entrevistador no final do jogo falando em francês e thiem não só entende como responde em inglês, um querido, pensando, imagino, na maioria das pessoas que estava ouvindo mas que não fala français!!

    Responder
  23. Paulo Almeida

    Vendeu caro a derrota pelo menos e fizeram o melhor jogo desse torneio que vale menos que um Masters 1000, apesar de trocentos erros pra cada lado.
    Se a organização não tiver o mínimo de bom senso e passar a final pra segunda, o Capivara já pode comemorar essa piada.

    Responder
    1. Sérgio Ribeiro

      Vale menos que um MASTERS 1000 , caríssimo Paulo Chatonik Robson Valmir Jonaser Gavião Almeida ? Na , boa. Aproveita depois dessa , já que és disparado o maior passador de recibos da história do blog e aprenda de uma vez por todas. O Goat Paraguaio jamais chegará … Kkkkkkkk Abs!

      Responder
      1. Lucas

        O chiliquevice perdeu hoje , o verdadeiro e ainda goat , perdeu ontem , aos 38 , no saibro , contra seu maior algoz ,e contra o vento .Chiliquevice é uma grande campeao , isso é inegável , os números estão aí ,mas vendo o Fedal dá pra perceber a distancia que os separa .

        Responder
  24. LION

    Desculem djokovistas, mas muitas vezes é difícil torcer para ele. Ele não raro especula demais no jogo, não parte pra vitória! Hoje foi incrível como ele simplesmente se tornou um jogador FROUXO na hora de complicar a vida do Thiem! Quantas vezes ele abriu 30-0 ou 40-15 e permitiu o Dominic chegar? Umas trocentas!! Derrota ultra-merecida, porque hoje eu dou razão aos seus desafetos, ou seja, ele jogou um tênis muito COVARDE!!!

    Responder
    1. Augusto Montenegro

      Exatamente. Nem sei se você torce para o Djoko tbm, mas me faz muita falta daquele Djokovic de 2011. Que fazia paralelas! Que tinha gana de ganhar.

      Responder
  25. Luiz Fernando

    Grande vitoria do Thiem, merecida, e o titulo estará em boas mãos seja quem for o vencedor. Thiem no mesmo ano vence Rafa, Federer e Djoko, não me lembro de alguém fazer algo semelhante nos últimos anos, embora claro q possa ter acontecido; quem sabe os seus haters não constatem q esse cara só não tem grandes vitorias ainda pq encara o Big3. Claro q sou e sempre serei Rafa, mas ao meu lado meu filho, q também é Rafa, disse q Thiem merece ser campeão, com o q eu concordo, desde q não seja amanha ou segunda kkk… As semis reuniram os 3 expoentes do piso na atualidade, e dois deles farão a final.

    Responder
  26. Rodrigo S. Cruz

    Boa, Thiem!

    CHUUUUUUUUUUUPA, Paulinho Almeida!

    kkkkkkkkk

    Em com chave de ouro , com um belo forehand na paralela, Dominic Thiem “stuns” Djokovic…

    Responder
  27. Renato

    Kkkkkkkkkkkkkkkk

    No próximo post vou explicar porque Novak é freguês da molecada e inferior tecnicamente a Nadal e Thiem. Kkkkkk.

    Chupa!! Chupa!!!

    Thiem 2 x 1 em confrontos em Roland Garros. Freguês de Thiem em Paris!

    Responder
  28. Luiz Fernando

    Thiem teve dois matchpoints e deu dois slices medíocres, a deusa da vitoria não costuma perdoar isso, ainda mais diante de um oponente como Djoko. O servio sacando 56…

    Responder
    1. Sérgio Ribeiro

      És ou não um comentarista de resultados? E foste ou não extremamente ARROGANTE quando embarcou com a turminha na onda do SuperTHIEMAdo. Quando o garoto passou a ser importante aos seus interesses ( principalmente bater Federer e Novak ) , mudou a postura. Na boa, chama a Gabi rsrsrs Abs!

      Responder
      1. Luiz Fernando

        Pra variar vc falando besteira. Eu sou um dos poucos q sempre elogiou Thiem, quando mereceu, e ele tem merecido. E vc q só comenta após os jogos terminarem, acho q sua praia é futebol kkk. Grande abraço.

        Responder
  29. Gabi

    E agora abre um solzão em Paris!!
    Parece ctba, amanhece frio e garoando, depois abre um sol e esquenta, em seguida fecha o tempo e chove, para depois fazer um calor de verão e termina o dia com uma garoa fina e nublado rs.
    Entendedores entenderão rsrs.

    Responder
  30. Rodrigo S. Cruz

    Jogo nervoso…

    Gangorra absoluta

    Nova quebra de saque do filho caçula do capeta, Novak Oportunovic.

    Vai sacar em 4/5.

    Thiem, perdendo chances que podem custar muito, mas muito caro, principalmente contra o sérvio…

    Responder
  31. Eu

    Por que a Lacoste não faz uma bermuda branca que não fique transparente? Acho djoko tá totalmente transparente.

    Wimbledon todo de branco tá quase chegando, mas ainda dá tempo de colocar mais tecido ou um tecido diferente esta roupa ehehehe

    Responder
  32. Rodrigo S. Cruz

    E o CAÇULA do CAPIROTO, tinha voltado um pouco melhor do que o Thiem no quinto set.

    A balança pendia pro lado dele, mas não aproveitou…

    Thiem o quebra novamente, e saca pro jogo.

    Porém, nada definido ainda.

    Gangorra de jogo!

    Responder
  33. Rodrigo S. Cruz

    Kkkkk

    E o que foi que eu acabei de dizer?

    Que Novak OPORTUNOVIC, rei da entressafra, iria se aproveitar da ajudinha de São pedro, e voltar melhor novamente!

    Já quebrou de volta.

    Tudo igual, quinto set.

    Responder
  34. Bruno

    Olha aí Luiz Fernando,
    A torcidinha do Djokovic tentando diminuir o torneio por ele estar perdendo.
    Não sabem perder,sempre tentaram diminuir uma provável nova vitória do Nadal,que por sinal mais que merecida.
    Nem ele e nem Federer ficaram de mimimi por causa das condições.

    Responder
    1. Sônia

      Excelente Bruno, mas cuidado, a maioria da torcida do sérvio é legal, eu pessoalmente sou amiga de vários djokovistas lá na academia, são pessoas maravilhosas, infelizmente não posso dizer o mesmo dos torcedores do argh argh, pois todos que conheci pessoalmente, deletei rapidamente. Aqui nesse blog há muitos fakes do argh argh travestidos de djokovetes, querem tumultuar, agredir, ofender… vigiai amigo, não jogue pedras no sérvio por causa desses seres. Djokovic estava sob pressão e não soube lidar muito bem com essa pressão, “cada um é cada um”. Somos seres humanos, todos nós temos momentos bons e momentos ruins, portanto… que a paz esteja sempre contigo. Beijos.

      Responder
    2. Luiz Fernando

      Sabe Bruno cada um emite opinião q quiser, RG está atrasado em relação à infraestrutura mas vencer o torneio vale muito, seja quem for o campeão, isso ninguém muda. Quanto a tentar deturpar a realidade é os fatos, a torcida do Federer será sempre imbatível kkk..,

      Responder
  35. Roberto Garcia

    Que jogo sofrível… agora… se eu sou o treinador do Djoko….

    1) Pare com esses chiliques ridículos!

    2) Esses seus dropshots sao horríveis…. fora de hora e em momentos cruciais. Esqueça, vc é mediano neste quesito

    3) Pare de subir a rede como um maluco, sem fazer um approach decente. Não viu que tá perdendo todas? Vc não é Federer!

    4) Jogue onde vc é o melhor do mundo. Trocaçaão de bola no fundo da quadra. Deixa Thiem variar. Quer ganhar? Isso e ponto final!

    Será que tá tão complicado assim?

    Obs… que transmissão antiprofissional lamentável do bandsports… o cara odeia o Djoko mesmo…. só enaltece o Thiem…. patético….

    Responder
    1. RCM

      Roberto estou com você!!! Diria tudo isto ao Djokovic pitizento e nada esportista. Por ser um numero 1 ele tem fundamentos muito ruins (smash, voleio). Na verdade, é um verdadeiro paredão. E pior, sempre que pode joga sujo.

      Responder
  36. Rodrigo S. Cruz

    [Leo Gavio]
    7 de junho de 2019 às 19:40

    “Amanhã Djokovic 3 a 1. Nem quinto set vai ter, e o jogo será no domigo mesmo.
    E a vitoria do servio. se ventar demais, talvez Nadal tenha chance, se não ventar tanto vai ser uma surra igual a de 2015”.

    kkkkkkkkk

    Mais uma profecia FURADA de Léo Gavião, o vice-rei dos recibos!

    Responder
  37. Rodrigo S. Cruz

    Senhoras e senhores do blog,

    Não importa mais pra mim, se o Thiem vai vencer ou vai perder essa partida.

    Pra mim, ele já é o vencedor moral.

    Porque é inacreditável a completude do ARSENAL que ele apresentou até aqui.

    Vejam:

    1. Winners de forehand e backhand cruzados
    2. Backhand vencedor na paralela
    3. Drop-shot sem defesa
    4. Contra-deixada angulada
    5. Winner de slice
    6. Lobby vencedor ofensivo
    7. Lobby defensivo

    A única coisa que deixou a desejar foram os ACES. A contagem é bem pobre dos dois jogadores:

    4 pro Djoko, e 5 pro Thiem.

    Na partida de hoje, o austríaco mereceu mais a alcunha de ” MAESTRO”, do que o próprio Federer…

    Responder
    1. R. P.

      Concordo totalmente. Thiem merece a vitória, a despeito das ridículas condições climáticas.

      Djokovic tem que aprender a usar a força mental de um multicampeão a seu favor. Não que eu ache q o Djoko está fazendo questão de ganhar essa partida, pois sabe que o caneco já tem dono, mas um atleta de sua envergadura profissional não pode deixar que a irritação leve seu jogo para o ralo, e neste duelo ele está sendo simplesmente lastimável: pouquíssimo winners, jogo de rede pra lá do ridículo e uma carreta de ENF. Derrota merecida.

      Responder
      1. Sérgio Ribeiro

        Djokinho não está fazendo questão de vencer a partida ??? Eu já te perguntei , caríssimo R.P. ( Paulo F ) . Tem alguma coisa que o amigo diga que valha a pena ? rsrsrs Abs !

        Responder
  38. Paulo Almeida

    O GOAT está jogando muito mal, sem primeiro serviço e a essa altura até prefiro que saia na semi do que apanhe amanhã pro Nadal, o único que ainda ameaça o posto de melhor da história de Novak Djokovic.
    Vai lá, Thiem. Mesmo prejudicado nessa várzea de torneio, quem sabe consiga um milagre.

    Responder
    1. Rodrigo S. Cruz

      kkkkkk

      Jogando mal uma ova!

      O GOATzinho do Paraguai está jogando tudo que ele pode e sabe!

      Deixando até a CUECA borrada dele em quadra! kkkkkk

      Contudo, seu tênis defensivo e ultra-entendiante, não funcionou, a contento ,contra o tênis AGRESSIVO do Thiem.

      Todavia, como já duas vezes contou com a ajudinha de São Pedro, ele ainda pode reverter tudo.

      Oportunismo sempre foi o forte dele, o verdadeiro rei da entressafra.

      Aguardemos…

      Responder
  39. R. P.

    Como se RG já não fosse um dos piores torneios do ano, ainda temos essa narração miserável da BandSports. Nunca vi um sujeito tão parcial e antiprofissional. O cara não esconde o ranço contra o Djokovic. O que será que o sérvio já fez que justifique tanta mágoa?

    Responder
    1. Paulo Almeida

      É simples, Djokovic machucou demais os bibelos da ATP e por conseguinte a nação de fedaltards desse canal.
      É só colocar no mudo.

      Responder
  40. Paulo F.

    Sempre os mesmos destilando imbecilidades.
    Em tempo: que torneio cada vez mais varzeano.
    O fake lógico tem razão em chamar de Laje.

    Responder
    1. Rodrigo S. Cruz

      O Lógico não é fake…

      É uma das figuras mais divertidas e bem-humoradas do blog.

      Sabe satirizar de forma criativa, sem destilar ódio explícito ou recalque.

      Além de ser bem mais antigo que você…

      Responder
  41. Rodrigo S. Cruz

    Vento volta a atrapalhar.

    A priori, quem acaba se dando mal é o sérvio:

    Thiem lhe aplica um lobby defensivo que o vento desvia e faz o Djokovic errar a bola.

    Break-point!

    Todavia, começa de novo a chover, e eis que nova interrupção!

    Parece que todas as vezes que o jogo está indo pro brejo para o sérvio, a chuva volta e lhe dá uma ” mãozinha”.

    Se de acordo com o forista Lógico, Rafa Nadal é o primogênito do capeta, seria Djokovic o CAÇULA?

    kkkkkkkkk

    Responder
    1. Rodrigo S. Cruz

      Errado!

      Medíocres são os comentários dos fakes nolistas que nunca pegaram em uma raquete, em toda vida deles!

      Roddick foi um tremendo tenista!

      Ex-número 1 do mundo, campeão do US open , e um dos maiores sacadores que já existiram!

      Os saques mais fortes dele já chegaram a mais de 235 km/ h.

      Chupa essa manga, Fakes…

      Responder
  42. André Barcellos

    E eu que sempre torci pelo Djokovic pra enfrentar o Nadal mudei e, pela primeira vez, por causa dos torcedores do Djoko e porque sua personalidade tem se mostrado absolutamente egocêntrica, torço pra o Thiem enfrentar o Nadal.
    E se Nadal ganhar o torneio, como é muito provável, será porque é um monstro na terra batida e merece muito.

    Responder
  43. Rodrigo S. Cruz

    Jogo emocionante.

    Acontecendo de TUDO!

    No ponto mais bonito do jogo até agora, Thiem HUMILHA Djokovic, com uma contra-deixada muito angulada…

    Todavia, o Djokovic segue com a solidez característica de sempre, e quase quebra o austríaco.

    Com muita coragem, Thiem se salva com um drop-shot, no qual Djoko chega, porém joga para fora…

    Daí saca bem e se salva de um grande perigo.

    Em seguida consegue 3 break-points, e no segundo obtém aprimeira quebra nesse quinto set.

    Na sequência, Thiem consegue outro golpe sensacional sobre Novak:

    Uma passada de slice na paralela! VALEU O INGRESSO, só esse daí…

    4 x 1.

    Mas o jogo é uma gangorra, e nunca podemos duvidar do poder se reação do sérvio…

    Responder
  44. André Barcellos

    O jogo está dependendo do momento do Thiem. Quando ele joga bem, abre no placar. Quando joga mal, erra tudo. Perdeu o quarto set assim.

    Responder
  45. Renato

    Por favor, tenham vergonha na cara antes de chamar Novak de jogador completo. Hoje ele mostrou que é o medíocre dos medíocres jogando na rede. Não está nem entre os 20 mais completo da história.

    Responder
  46. RCM

    Djokovic não sabe perder! Tem um comportamento desequilibrado, quebra raquetes, bate no pé, enfim, exemplo péssimo para um esportista. Difícil alguém com boa índole torcer pra alguém que usa a sua posição pra se favorecer. Ele sempre foi assim! No contexto, nunca será como Nadal e Federer!!!

    Responder
  47. Rodrigo S. Cruz

    Quinto set, a que tudo indica será cansativo e brigado até o pultimo ponto.

    Enquanto isso, Rafael “CAGALHAL”, sorri de orelha a orelha.

    O sortudo, além de ter pegado uma chave fecal, uma ventania que destruiu Federer, ainda chegará descansado na decisão…

    Responder
    1. Augusto Montenegro

      E vai pegar uma baba na final! Por que o espanhol não respeita nenhum deles no seu habitat. Respeita um pouco mais o Djoko.

      Responder
  48. Augusto Montenegro

    Djokovic tá jogando nada! Que falta de confiança! Se for pra jogar assim, eu prefiro que saia do torneio hoje. Para não passar vergonha amanhã.

    Responder
  49. Rodrigo S. Cruz

    5/5.

    Djokovic toma outro lobby ofensivo humilhante de Thiem.

    E dessa vez dá um chilique engraçado… (rs)

    Contudo, Thiem se desconcentra no game, erra duas bolas bobas em sequência.

    O sérvio quebra, confirma o saque e teremos um ÉPICO quinto set…

    Responder
  50. Rodrigo S. Cruz

    Dominic Thiem continua espancando demais a bolinha.

    O que acaba sendo um “anticorpo” contra a correria incansável do sérvio campeão de maratonas…

    E assim, continua a INFERNIZAR o Djokovic, e a horda de Fakes que o cultuam.

    Devolve a quebra, e ainda confirma o saque pra passar à frente:

    5/4.

    Responder
  51. Rodrigo S. Cruz

    Quarto set muito parelho.

    Com duas quebras do Djokovic, e uma do Thiem, até aqui.

    A quebra que o Thiem conseguiu, aliás, foi de outro mundo:

    Chamou o Djokovic pra rede, acertou um backhand reto, mas que acabou virando lobby ofensivo, assim que tocou na fita, e surpreendeu totalmente o sérvio…

    A cena dele correndo desesperado atrás do lobby que foi winner, foi um dos momentos mais inusitados do jogo…

    Sem falar na cara de bunda que ele e o Paulo Almeida devem ter feito… kkkkkk

    Contudo, ele lidera com uma quebra a mais.

    Sigamos…

    Responder
  52. Rodrigo S. Cruz

    Que VOLUME de jogo, o Thiem vem apresentando.

    Djokovic era como um uma vara que envergava, envergava, mas não quebrava, no terceiro set…

    Mas até que no quarto set-point, o “Thiemito” conseguiu humilhar o seu famoso maratênis.

    Potência + Precisão é o antídoto…

    Nada está perdido, mas agora o sérvio terá de correr atrás do prejuízo.

    Jogo muito bom.

    Responder
  53. Renato

    Novak vai mostrando sua falta de caráter, falta de educação, grosseria e egocentrismo. Por isso não tem muitos fãs e jamais estará à altura de Nadal e Federer. Jamais estará entre os três maiores da história!

    Responder
  54. Bruno

    Chiliquento monstrando quem realmente ele é.
    Nunca terá um reconhecimento de Federer e Nadal,
    Um verdadeiro palhaço e educação zero.

    Responder
  55. Fred José Ferreira Ribeiro

    Notícias | Dia a dia | Roland Garros

    NOTÍCIAS
    CHAVE MASCULINA
    CHAVE FEMININA
    HISTÓRIA
    BRASIL NO TORNEIO
    SAIBA MAIS
    Federer é otimista quanto à volta ao saibro em 2020
    07/06/2019 às 18h43

    Suíço ainda não definiu seu calendário para o próximo ano
    Suíço ainda não definiu seu calendário para o próximo ano
    Foto: Divulgação
    Paris (França) – Como tem sido comum em quase todos os torneios que disputa, Roger Federer foi perguntado nesta sexta-feira se sua participação até a semifinal de Roland Garros foi a última de sua carreira no Grand Slam francês. Afinal, o suíço completa 38 anos em agosto e chegou a ficar praticamente três sem ter atuado no saibro, antes de decidir voltar ao piso em 2019.

    “Acho que fiz um ótimo torneio. Fiquei surpreso com o quanto eu cheguei longe neste e com o quanto eu consegui jogar bem. No próximo ano, assim como para qualquer outro torneio, eu não sei o que vai acontecer. Ainda vamos ver”, disse Federer após a derrota por 6/3, 6/4 e 6/2 para Rafael Nadal nesta sexta-feira em Paris.

    “Mas eu definitivamente gostei da temporada de saibro e de Roland Garros, então isso ajudaria nas chances de voltar ao saibro. Não é como se eu tivesse ido muito mal. Então, desse ponto de vista, está tudo bem”, acrescentou o atual número 3 do mundo, que ainda atuou nos Masters 1000 de Madri e Roma antes do Grand Slam francês.

    Campeão de Roland Garros em 2009 e finalista em outras quatro ocasiões, Federer não disputava o torneio desde 2015. Ele ficou surpreso também com o carinho que recebeu do público. “O apoio da torcida não poderia ter sido melhor. Talvez um dos torneios que eu fui mais bem recebido em meus 20 anos de carreira. Eles sempre estiveram presentes e me apoiavam nos treinos, nos jogos e sempre que me encontravam. Eles estavam sempre felizes em me ver. Então isso foi legal”.

    Suíço foi dominado por Nadal nesta sexta-feira
    Federer sofreu a 24ª derrota em 39 jogos contra Nadal. O suíço havia levado a melhor nos últimos cinco encontros, todos eles no piso duro, mas não supera o rival no saibro há mais de uma década. Nadal agora tem 14 vitórias e apenas duas derrotas contra o suíço nas quadras de terra batida.

    “Ele faz você se sentir desconfortável do jeito que ele joga no saibro e defende a quadra. Não há ninguém que jogue sequer remotamente parecido com ele”, disse o suíço, que venceu Nadal no saibro pela última vez no Masters 1000 de Madri de 2009. “Eu nem sei quem eu preciso procurar para treinar antes de jogar contra ele”.

    O senhor não acha uma declaração emblemática ?Será que Federer no saibro não tem um jogo que incomode Nadal ou o problema é ter esse jogo durante “todo o jogo”?

    PS: Vendo o jogo de Federer e os jogos de Djoko e Thiem não pareceu que Federer esteja abaixo de Thiem e Djoko,mas abaixo do Nadal

    Responder
    1. José Nilton Dalcim

      Sem dúvida, Fred, mas é explicável. Nadal tem um estilo tão fora do padrão que é difícil nesta fase do torneio, em que restam poucos jogadores em Paris, se achar alguém para treinar, ou seja, um canhoto com topspin pesado. Acho que no saibro hoje Federer está abaixo dos três, mas não atrás para qualquer outro.

      Responder
  56. Pedro

    Na verdade não sei por que o Federer chegou como zebra nesse RG. Apesar de não ser fã dele, pra mim ele é sempre um dos favoritos. Ja alcançou varias finais en RG, ganhando juntamente com o Djoko 1vez. Então, ele sabe sim jogar no saibro. Creio eu que mentalmente, quando vc joga contra Nadal no saibro.. sabe que qualquer erro ou oportunidade perdida vai pagar caro. Todas as armas que Federer possui(que sao muitas), no saibro eles se tornam mais dificeis de serem executadas. Acho que essa é a grande diferença ou razão pela qual Federer nao ganhou mais torneios no saibro. Agora , uma coisa não esperava do jogo de ontem… Que Nadal ganharia em 3 sets do Federer nunca passou pela minha cabeça… Espero que a final seja contra Djokovic…Nadal merece ser campeao ganhando contra 2 outros(Federer e Djoko)

    Responder
    1. José Nilton Dalcim

      Acho que ele foi bem, Lucas, exatamente dentro das expectativas. Ganhou de quem tinha de ganhar, perdeu de quem é superior. Não houve desgaste físico exagerado, então acho que ele vai firme para a grama.

      Responder
  57. Roberto Rocha

    Algins comentários que me fazem lamentar…
    Foi um jogo entre 2 tremendos jogadores em condições dificílimas.
    Federer jogando em nível assombroso com a idade que tem. Nadal incrível com tamanho domínio em um Maior.. .E felizes somos nós que vivemos em uma época em que 3 jogadores possuem mais de 10 Majors! E possuem coadjuvantes como Murray, Del Potro, Fogninni, Tsitsipas…

    Responder
  58. V Mauricio

    Eu não pude assistir o jogo, mas acompanhei o ponto a ponto e, pelo que vi no inicio, pareceu que seria um jogo muito mais equilibrado do que foi. Mas já era bem previsível que isso aconteceria. Dificilmente Federer conseguirá ganhar algum dia de Nadal em RG. Engraçado que todos falam que Nadal só ganha de Federer no Saibro, mas em Slams o placar está 10 a 3 pra Nadal e 4 a 3 fora de RG. Todos os Federistas ansiosos por Wimbledon, mas ano passado Federer parou nas quartas e Nadal chegou nas semis. Se Nadal conseguir jogar em Wimbledon como jogou ano passado, tem lá suas chances de conseguir um tricampeonato ali, mas certamente Djoko e Federer serão favoritaços!! Quanto a RG, acho que ainda está totalmente aberto. Thiem está jogando muito, mesmo acreditando que Nadal prefira enfrentá-lo a ter de encarar Djoko.

    Responder
    1. José Eduardo Pessanha

      Federer estava com a mão lesionada no ano passado. Daí o resultado fraco em Wimbledon. Com o físico que ele está nesse ano, é favoritaço pra Wimbledon.
      Abs

      Responder
  59. Carlos

    Mestre Dalcim, uma dúvida: para ser considerado o GOAT, não seria necessário Federer ganhar do Nadal em Roland Garros? Isso, na minha opinião, não deixa de ser um calcanhar de aquiles na carreira do Federer, uma falha em seu currículo, já que ganhar pelo menos uma do Nadal em RG indicaria um sucesso completo como jogador de tênis, considerando todos os pisos.

    Responder
    1. José Nilton Dalcim

      Sim, seus maiores estados de fúria nos últimos anos sempre foi isolar a bola… rsrs… Compreensível. Quem já jogou contra o vento sabe como isso é frustrante.

      Responder
  60. Maria izabel

    Fantástico ver Federer e Nadal mais uma vez.Infelizmente,pode ter sido a última em RG.Não entendo o porque reclamar tanto de vento,RG,é um dos mais lindos Grand Slans.A não ser que esteja totalmente enganada,isso só o Dalcin pode dizer,nenhum tenista é obrigado a jogar lá.Agora ficar achando desculpas para tudo pela amor ,não é?Sei que ninguém gosta de perder,mas a atitude do Federer jogando a bola na torcida foi ridícula.Gentleman não faz isso.Aliás,suíço educado só quem não os conhece bem.Bom,o jogo não foi lindo,mas eficiente.Federer está perdendo o tempo da bola e muito impaciente.Ficar dando slice toda hora,e como errou vários!
    Sei que são dois monstros em quadra.E o tênis vai ficar ruim quando passarem.
    Desmerecer 11 RG ,dizendo bobagens como favorecimento em sorteios,tempo,que tem pacto com aquele é pura sandice de quem vê o tênis com olhos de maldade.Usufruir desses momentos são tão mais incríveis. Ver belas jogadas de ambos os lados e vibrar é tão bom!
    Ótimo final de semana .

    Responder
  61. Antonio Gabriel

    Dalcim, pela sua análise você está apostando que vai dar Thiem amanhã, ai eu lhe pergunto, você acredita que ele está jogando bem mais que Djoko ou é a instabilidade que o sérvio vem apresentando (hora joga bem hora erra quase tudo) ? Dito isto, quem vc acredita que teria maior possibilidade de conseguir o improvável, ou seja, ganhar do Nadal ?

    Responder
    1. José Nilton Dalcim

      Não aposto na vitória do Thiem, mas é fato que Djokovic precisará elevar o nível na retomada porque estava muito instável na sexta-feira. Claro que Djokovic é o adversário com maiores condições de encarar Nadal.

      Responder
  62. Paulo Almeida

    Jamais um cara que foi a vida inteira destruído pelos rivais (principalmente pelo Nadal) pode ser cogitado como GOAT. Frauderer construiu sua carreira em cima do medíocre Andy Roddick e só por isso tem números mentirosos de Grand Slam e semanas como número 1. Deve ser uma das maiores enganações da história do esporte sem a menor dúvida.

    24×15 e 10×3 em GS para o espanhol define SIM quem é o melhor entre os dois. Até uma pessoa que nunca assistiu a uma partida de tênis chega a essa conclusão lógica. Ainda forçaram que esse joguinho protocolar seria o jogo do ano, kkkkkkkkkkkkkkk. Horroroso!

    A maior rivalidade do tênis SEMPRE será Djokovic x Nadal, com o sérvio destruindo o espanhol no hard e o contrário acontecendo no barro. A segunda é Djoko x Fregueser. Essa Fedal é nível Djoko x Murray.

    Responder
    1. Gildokson

      Os olhos do Dalcim devem sangrar toda vez que lê esse “disco arranhado” que tu faz como comentário.
      Chamando um tenista como Andy Roddick de medíocre, o cara decidiu vários Slans, misericórdia cara!! Tu deve pensar que o tênis começo em 2011 neh?!
      Tênis é um esporte complexo e cheio de fatores, tu devia saber disso. Na soma de todos esses fatores Federer é o que se saí melhor, alguns feitos de Federer jamais serão alcançados.
      Pede para o Djokovic cravar 10 finais de Grand Slam consecutivas , uma semi e mais 8 consecutivas por exemplo?!
      Pede pra ele encarar de igual pra igual 3 gerações diferentes de tenistas com os mais diversos estilos de jogo e mesmo assim continuar como favorito sempre?
      Ou melhor, pergunta pra ele se ele prefere ter H2h favorável contra os rivais ou ser apresentado em qualquer lugar do mundo como O MAIOR CAMPEÃO DE GRAND SLANS?

      Tu ja deve imaginar o que ele responderia neh?! Não a toa estão os 2 aí se dedicando ao máximo e correndo que nem loucos atrás dos recordes do maior de todos.

      Responder
      1. Paulo Almeida

        O mesmo bla bla bla de sempre. Como disse no post anterior, números mentirosos de GS e semanas como número 1 construídos em cima de Roddick e outros pangarés. É enganação sim.
        Nenhum GOAT em nenhum esporte é vassalo de rival. Acorda pra realidade, freguês!

        Responder
  63. Adriano Souza

    Roland Garros é de longe o pior Grand Slam. O clima é péssimo. Uma hora ta chovendo, outra hora ta ventando forte, puts! O maior campeão desse torneio só podia ser o Zé do balão mesmo kkkkk

    Responder
  64. André Barcellos

    Tenho lido o blog há anos, mas tem ficado difícil.
    Cara, como esse blog tá cheio de gente asquerosa…
    Pegam no pé do Federer por despeito puro. Só pode.
    Esquecem que o cara está com 38, é da mesma idade de Mahut, Hewitt, Davidenko, Roddick, Nalbandian.
    Imagina essa longevidade!
    Nenhum desses caras joga mais.

    Ok, Nadal sempre foi muito superior no saibro, e é apenas isso. Hoje, inclusive, fez um jogo digno, apesar das condições.
    Poderia ter levado o primeiro ou o segundo sets.
    Nadal jogou demais. Mesmo com vento..
    Mas tem os entendedores de tênis de uma semana pra cá, que esquecem tudo o que o cara já fez.
    1207 vitórias? 101 títulos, 20 Grand Slam…
    etc
    Qual a razão pra detestarem tanto alguém assim?
    Em tempo: não pretendo perder mais meu tempo.
    Saudações a quem merece.

    Responder
  65. Filipe Mota

    O jogo da final tem que ser na segunda feira. Se esse jogo ocorrer no domingo, evidente que o finalista que enfrentará Nadal sairá muito prejudicado. Não só no aspecto físico, mas também mental. Ficar em compasso de espera para terminar um jogo, que pode ser desgastante e já no dia seguinte enfrentar o Touro miúra, que já está treinando, fazendo gelo, yoga e o escambau a quatro é uma tarefa inglória. Para termos uma final digna e competitiva, o jogo deve ser na segunda. Basta ver a final em Roma, onde era evidente a desvantagem de Nole. Agora, obrigar a jogar dias seguidos num Grand Slam é agir em detrimento do espetáculo. É inaceitável.

    Responder
  66. Alves

    Federer jogou bem sim, mais Nadal esta aonde teu jogo é indiscutível melhor, jogadores que usam muito topspin tem mais vantagens em saibro (wawrinka, thiem, tsisipas, Nadal, Pablo cuevas, e etc)…Federer bate mais chapado, bola na subida a tendência é a bola ganhar potência em quadra rápida. Assim como del potro, zverev, djoko não geram muito topspin.

    Responder
  67. Adriano Souza

    A final tem q ser adiada pra segunda, independente de quem ganhe o jogo. E se o Frauderer não pediu o adiamento da partida, o problema é dele. O Djokovic pediu o adiamento porque não é bobo. Mas pra ser sincero, não acho q o Thiem precise do vento pra vencer o Big 3

    Responder
    1. Paulo Almeida

      Claro, Adriano.

      O GOAT nem deveria ter entrado em quadra hoje e mesmo com todas as adversidades ainda ganhou um set. Fregueser sempre foi passivão e cabeça baixa, enquanto Djokovic não iria deixar o Nole Slam escapar por causa de condições varzeanas de jogo. Quem duvida do caráter exemplar do sérvio é só hater que queria que ele tivesse o mesmo fim do suíço.

      Sim, o Thiem pode muito bem ganhar o jogo em condições normais, tem muita bola pra isso. Aceito perder numa boa para um grande jogador, mas hoje realmente teria sido uma lástima perder daquele jeito! Só lembrando que em Madrid Djokovic esteve quebra atrás nos dois sets e conseguiu se recuperar.

      Responder
      1. Rodrigo S. Cruz

        Blá, blá, blá.

        Conversa mais fiada!

        O maior hater que tem aqui todo mundo sabe que é você…

        Impossível você inverter mais uma vez as coisas.

        Chamando o Federer que é um gentleman, de “cabeça baixa”, apenas porque ele não reclama das coisas como o seu “amorzinho” faz.

        Federer deu um exemplo de educação e civilidade. Por isso todos gostam dele.

        Enquanto o teu “amoreco” reclamou, para tentar ganhar as coisas no TAPETÃO, por ser chiliquento e mau perdedor.

        Abracinhos, Fake loser…

        Responder
    2. R. P.

      Federer não pediu o adiamento pq sabia que não conseguiria bater o Nadal. Apesar do vento prejudicar mais o estilo do Federer, o próprio afirmou isso na entrevista depois do jogo contra Stan; depositou suas esperanças na chuva, no VENTO e até numa doença do rival.

      Djokovic, por sua vez, fez muito mal em começar essa partida. Já é terrível manter os olhos abertos naquela ventania cheia de poeira, para quem usa lentes de contato é ainda pior. Seu jogo de precisão, pouco spin e muitas trocas de bola, demanda condições normais, não essa várzea que é RG. Como se o vento não atrapalhasse o suficiente, deixaram os dois batendo bola debaixo de garoa; um absurdo! Organização amadora que não respeita jogadores, público e telespectadores.

      Responder
  68. Jonatas Bruno

    Em que pese a condição climática, Federer não tinha mesmo muito o que fazer para prevalecer perante ao Nadal,que para não perder o costume,sempre com uma resposta pronta. Ainda assim, houve alguns lances em que Roger escolheu mal as jogadas, algumas dessas na ‘boca do gol’, no quadradinho, e outras em que optou pela jogada de segurança, geral do assim oportunidade para o Rafa se recuperar no ponto.
    Já o Djokovic aproveitou a brecha da chuva, para se mandar o mais breve possível para o vestuário,a partir daí já pude notar que tão cedo não iria voltar a dar o ar de graça. Convenhamos, foi melhor mesmo ter sido suspenso. O que se viu, foi uma versão ‘B’ do esporte em si, descaracterizando o propósito central.

    Ironicamente coube aa quadras secundárias os jogos mais convidativos, mesmo o teor da tensão embutido, naturalmente compreensível.
    Tenho em mente que a final feminina, tende a triunfar quem vencer o primeiro set.

    Responder
  69. José Eduardo Pessanha

    Dalcim, você notou uma melhora no físico do Federer em relação a 2018 ? Ano passado ele estava tendo que bater na bola várias vezes na corrida, principalmente de forehand. Nesse ano, pelo menos na minha percepção, ele está mais atlético. Acredito que ele deva dar uma melhorada no saque nas próximas semanas. Se fizer isso, será muito favorito em Wimbledon.
    Abs

    Responder
  70. Rodrigo

    Agora esperamos Nadal chegar nascfases finais de Wimbledon. Federer perdeu mas jogou bem dois sets. Vi uma federer que teve paciência em muitos momentos. Pensando em uma grama que está mais lenta, a calma para ás vezes trocar umas bolas será importante

    Responder
  71. Pedro

    Dalcim,

    Seria muito bom para o esporte se Thiem vencesse RG. Federer ganhasse Wimbledon. Nole vencesse o US Open, e o grego alguns torneios 1000. Acabaria o ano com Nole, Federer, grego, Thiem e Nadal. O que você acha?

    Responder
  72. Sandra

    Dalcim, porque você acha tão impossível ganhar do Nadal? O Federer hoje quebrou varias vezes o saque o Nadal, Goffin já havia quebrado, se Fhiem estiver inferior , não acho impossível não , eu acho sim, indeoendere da capacidade dele , ele deu uma sorte que eu nunca havi visto na minha vida , não só pela ch@ve, mas principalmente pelo clima louco de PAris , o Federe José se não fosse o vento poderia ter ganho, ele deveria ter batido o pé também, t

    Responder
      1. Julio Marinho

        Hora nenhuma, mestre. Não disse que você disse, em nenhum momento. Eu, que estou cogitando a hipótese do quão hercúleo seria para o Federer vencer o Nadal em um bom dia em Roland Garros. Eu não me lembro se jogou bem na derrota para o Djokovic, mas efetivamente jogou mal (bem curto) contra o Soderling.

        Abraço

        Responder
        1. José Nilton Dalcim

          Sim, acho que essa chance só existe se Nadal não jogar o seu melhor, Júlio. Por mais que Federer tenha várias opções táticas e recursos técnicos, o saibro é um piso complicado para seu estilo e seu físico atual.

          Responder
  73. Julio Marinho

    Fale, Dalcim.

    Sou enorme fã do Nadal e ciente de que ele será favorito no saibro em todos os jogos, até ele se tornar um jogador bem diferente do que é hoje. Um fenômeno.

    Porém, como torcedor do Federer, e, diante de tantos Fedais na terra batida, alguns de tempos longínquos, uma meia dúzia de vezes, Federer teve chances de fazer o jogo acontecer para ele. Quebras à frente, esquerda em dia, bom físico. Nesses momentos, o suíço apresenta uma falha mental/tática de não consolidar as vantagens. Eu sei, Nadal é um animal, faz aquelas passadas espetaculares, briga por todo ponto. Porém, o Federer é magistral e possui todas as ferramentas para seguir a disputa, manter uma vantagem, prevalecer em um momento crítico. Assim como Federer errou contra Djokovic na final de Wimbledon e US Open em que perdeu de 3-1, me parece que ele é acometido por uma pressa/ansiedade que lhe leva à pane no plano de jogo. E depois disso o jogo acaba. Talvez, ele faça isso, por ter uma memória de que funciona quase sempre e esquecer quem está do outro lado da rede. Djokovic e Nadal não saem do jogo e não ficam apavorados se Federer está em um momento melhor. Eles VÃO TE FAZER VENCER.
    Dito isso, e diante daquele 40-0 em que foi quebrado no 2o set (o saque sumiu), o que acha que o Federer (em uma situação fantasiosa que nunca ocorrerá) poderia fazer para consolidar e capitalizar momentos de vantagem e tornar o jogo mais aberto? Ou, será mesmo IMPOSSÍVEL vencer o Nadal em um bom dia em RG? O próprio Federer disse que alguns pontos definiram a partida e tem certa razão: o 1o e o 2o set foram bem parelhos, mas algo ocorre além da genialidade do adversário. Convenhamos, 40-0 não é algo nesse nível de jogo a ser desperdiçado (isso independentemente do quão bem Nadal possa ter jogado alguns pontos).
    Só uma observação final: a maior vitória da carreira do Federer para mim foi a final do AO 2017, justamente, porque ele prevaleceu contra seu rival, que jogava bem, no 5o set com uma quebra atrás. Ele brigou por cada ponto, confiou em suas armas e o saque esteve ao lado. O que será que passou pela cabeça dele de tão diferente (aquele foi um jogo em que em 99% dos universos alternativos ele perdeu o 5o set e o jogo).
    Abraço!

    Responder
  74. Danilo BR

    Dalcim! A supremacia de Nadal é descomunal em Roland Garros… É algo assustador que ultrapassa o absurdo! Vc acha que ele estando 100% física e mentalmente existe alguma chance pra alguém em RG? Inclusive acho que deveriam dar a chave da Philippe Chatrier pra ele rsrsrsrs! O Usain Bolt do saibro… dureza pra quem tenta secar como eu… não consigo simpatizar com ele kkkkkkkkk!

    Responder
  75. Sandra

    Dalcim, você não me leve a mal, mas não é possível alguém ter tanta sorte como o Nadal, nem mesmo o Federer.?? Mas acho que vai acontecer um milagre Thiem ou Djokovic vão conseguir derrubar o Nadal rsssos

    Responder
  76. Nattan Lobatto

    “Você chega num ponto que fica feliz só de conseguir alguns golpes e não parecer ridículo.” (FEDERER, Roger).

    Se a lenda afirmou isso é pq as condições de jogo estavam inóspitas. Logo, algumas verdades precisam ser ditas:

    1. O Fedal poderia até ter o mesmo resultado, porém com mais emoção.
    2. Roland Garros tá perdendo pra muitos M1000 em logística e planejamento.
    3. Acertaram em adiar o Jogo de Nole para sábado.
    4. Federer é um gentleman.
    5. Nadal é um fenômeno no barro que adptou se adptou seu jogo de forma magnífica em certos momentos para outros pisos.
    6. Novak Djokovic é o cara que pode bater o espanhol na final.
    7. Este é um doa melhores blog de tênis.
    8. Ainda tem muito vento pra sobrar rsrsrs

    Abs e boa noite pra geral.

    Responder
  77. Marco

    Se continuar ventando pode esquecer jogo amanhã, Thiem leva em quatro sets e será surrado pelo Nadal no domingo.

    Uma pena, a qualidade do torneio fica mt comprometida com essas coisas. Com vento normal seria uma grande semifinal entre Djoko e Thiem, com o austríaco tendo totais condições de vencer… com esse vento aí ficou uma porcaria.

    Responder
  78. Fernando Godinho

    Dalcim, vi alguns comentários da imprensa européia que o Djokovic saiu de RG antes de ser anunciado o adiamento. Seria possível ele realmente ter feito isso após pressionar para interromper a partida?
    Ele estava reclamando com o diretor desde o primeiro set. Federer e Nadal foram lá e enfrentaram as condições sem ficar chorando com ninguém

    Responder
  79. Nadalindo

    O pangaré do Federer tem que agradecer muito ao São Robin Soderling. O titulo de 2009 que tem no saibro é muito Fake.
    24-15 no H2H; o boca murcha não é o GOAT nem aqui, nem em marte.

    Responder
    1. Marcelo Baiano

      Só pelo seu apelido, já percebemos o seu gosto duvidoso para não falar mal gosto! Federer é GOAT aqui, em Marte, em Júpiter, em qualquer lugar do universo! Pergunte para qualquer um que entenda de tênis e que não seja fanático e que seja uma pessoa ponderada e equilibrada!

      Responder
  80. JAN DIAS

    Tristeza….mas ele fez tudo que pôde…

    Agora, DJOKO e THIEM se lascaram..terminar o jogo no dia seguinte é uma droga… E pra mim tá aberto, qualquer um dos 2 pode vencer..

    A macumba do espanhol é poderosa….

    Responder
  81. Renato

    Apenas uma informação para um Ze ninguém, a quadra não estava lotada no começo do jogo, mas TODOS os ingressos estavam vendidos. Preciso dizer mais alguma coisa ou desenhar?

    O glorioso Álvaro José fez a citação do MAIOR clássico de todos, e citou como segundo Borg x Big Mac , que eu assino embaixo.
    Creio que depois Sampras x Agassi.

    Responder
    1. Paullo

      Pior ainda, compraram e não foram!!
      Tipo o Edir Macedo com o filme dos 10 mandamentos: comprou todos os ingressos e saiu a notícia que foi um dos filmes com maior bilheteria kkkkk. Mas as salas estavam vazias

      Responder
    2. WILSON ASSIS DE SOUZA

      Álvaro José não é parâmetro. Ele é o maior puxa saco do Federer. Ele fica chamando Federer de sua majestade, numa tremenda falta de respeito com os adversários, e com quem não acha. Álvaro, como pessoa, tem todo o direito de achar Federer o rei, mas como narrador esportivo, ele tem que ser o mais imparcial possível, pois tem que respeitar quem pensa o contrário. Agora, quanto ao maior clássico, eu sou torcedor do Djokovic, mas para mim, é Bjorn Borg X John McEnroe.

      Responder
      1. RCM

        Realmente um absurdo o Álvaro José puxando o saco. Grande falta de ética! Deu vontade de mandar um twitter pra ele: ” Ueh, kd a vossa majestade?” kkkkk

        Responder
    3. Luiz Fabriciano

      Tá, responde aí: quem compra ingresso 2 meses antes, está escrito no ingresso semi-final, horário, data e quadra ou o nome do tenista que o comprador quer que esteja lá?
      Talvez até seja difícil responder essa.

      Responder
  82. Rafael

    A rodada como um todo deveria te sido cancelada. Haveria chance de isso acontecer mestre? Fora isso, o Nadal prevaleceu e eu acho que se o tempo estiver bom amanhã, o Djoko vai levar!

    Responder
  83. Jonas

    Esse jogo só mostrou a superiodade de Nadal sobre Federer.

    No piso favorito do suíço há equilíbrio. Mas no saibro há uma freguesia absurda, vexatória. Em Grand Slam Nadal lidera por 10 a 3 contando o massacre de hoje. Rivalidade mesmo é Nadal e Djokovic. O Federer é mais um jogo protocolar em Grand Slam.

    Quanto ao Djoko, pegou uma chave duríssima com uma sequência complicada. Zverev, Thiem e Nadal…a meu ver se o Thiem passar será atropelado assim como Federer. Se Djoko passar pode ter jogo.

    Responder
    1. André Barcellos

      O piso favorito do Federer é indoor hard, e neste não há equilíbrio, pois está 5 a 1 pra o suíço.
      NA grama ele apenas joga melhor que todos.

      Responder
      1. R. P.

        2×1 Djokovic na grama; 5×3 Djokovic na hard (só majors). Em suma: na hard e na grama Federer é superado pelo sérvio; no barro pelo Nadal; ou seja, entre os 3, ele não é o melhor em nenhum piso.

        Responder
    2. Marcelo Baiano

      Que raciocínio mais equivocado, Jonas! No piso favorito de Federer, não há equilíbrio. É porque Federer é tão bom que até no piso neutro (quadra sintética), ele tem performances extraordinárias! Preste atenção:

      Grand Slams no Saibro: 11×1 para Nadal (superioridade total do jogador mais defensivo no piso mais lento)
      Grand Slams na Grama: 8×2 para Federer (muita superioridade do jogador mais ofensivo no piso mais rápido)
      Grand Slams no Piso Sintético: 11×4 para Federer (grande superioridade do suíço no piso intermediário (nem tão rápido quanto a grama, nem tão lento como o saibro)

      Já o H2H, existem vários fatores que provocam um certo desequilíbrio a favor do tenista mais forte e menos técnico: a vantagem de ser canhoto, a vantagem de jogar com backhand de duas mãos, a quantidade bem maior de confrontos no saibro do que na grama, a estratégia dos “balões” que me lembram os “chutões” do futebol por serem feios e apelativos, a maior resistência e força física, sem contar as bizarrices que atrasam o jogo e minam o adversário mais velho, mais técnico e mais agressivo.
      Pode ter certeza: Federer é o melhor jogador de todos os tempos, tecnicamente falando! Quem entende mesmo de tênis, sabe reconhecer que isso é quase tão certo quanto dois e dois são quatro!

      Responder
  84. Rafael

    Dalcim, claro que Nadal é favorito em RG, nem vamos falar sobre isso. Dei uma olhada nos próximos Slams e vi que Nadal defende semifinal em Wimbledon e semi também em Nova York! Que dureza! Sabemos que ele tem tênis pra defender ou até vencer outra vez esses torneios mas, vc acredita que ele terá físico? Será que ele está inteiro?? Abraço

    Responder
      1. Wilson Rocha

        Sabe os motivos, Dalcim
        Um ano mais velho, a concorrência fora do saibro é bem maior, basta vê que de 2014 até agora, Nadal só ganhou cinco títulos que nâo foram no saibro e a tendência é ficar cada vez mais raro.

        Responder
  85. Miguel BsB

    Senhores,um vento desses, tem que parar o jogo mesmo!
    Mais um pouco, Magrelovic tava sendo soprado pra fora da Chatrier…rs
    Brincadeira Nolistas hehe

    Responder
  86. Roberto Léo

    Se o Federer, que é super prejudicado pelo vento pelo seu estilo de jogo diz: “Também não há como treinar nessas condições. Foi difícil, mas eu aceito isso. Ele jogou de uma maneira incrível. Ele tem habilidades incríveis no saibro. Mas eu já sabia disso antes mesmo do jogo”. Perdeu, não colocou culpa no vento, elevou seu adversário. Sabe perder, como sabe ganhar.

    Agora, ficar de mimimi por causa de vento… tênis é esporte praticado prioritariamente ao ar livre, o clima age contra ambos jogadores, tem que saber se adaptar; se não concorda, há torneios em quadras cobertas, com todas condições controladas.

    Responder
    1. AlexPicelli

      Não poderia deixar de parabeniza-lo pelo comentário, o mais sensato. Cotonete jogou na mesma quadra do Thiem, se venta para um venta para outro, nada de “o Servio estava abaixo por causa disso ou daquilo”, na real, estava abaixo porque o Thiem sabe jogar melhor daquela forma, mesmo raciocínio segue para o Federer x Nadal, com uma diferença, Federer exaltou o Nadal. No jogo, já vi Finais de RG entre eles que o Rei jogou pior, hoje ele não foi tão mal.
      Agora dizer que as condições climáticas não alteraram as formas de todos os 4 jogarem seria burrice, pois esta vencendo (thiem 3×1) e venceu os que melhor se adaptaram as condições climáticas.
      Acho que a final se repete como 2018.

      Responder
  87. Augusto Montenegro

    Depois de tantas vitórias consecutivas em grand slams, os abutres aparecem com o mesmo lenga-lenga de sempre, detratando o number 1. Hoje não jogou nada. Verdade. Com vários erros não forçados. O tempo inteiro reclamando do tempo. MAS………. amanhã é outro dia, meus caros. Kkkkkkkkkkk As casas de apostas estão pagando pouco pela vitória do sérvio. Por que será heim?! A propósito, vocês sabem que o único jogador que Nadal realmente respeita nessa reta final é o Djoko.

    Responder
  88. Leo Gavio

    Amanhã Djokovic 3 a 1

    nem quinto set vai ter, e o jogo será no domigo mesmo.

    e a vitoria do servio. se ventar demais, talvez Nadal tenha chance, se não ventar tanto vai ser uma surra igual a de 2015

    Responder
      1. Luiz Fabriciano

        Talvez ele não, mas…
        Cacos depois de lesão, mas só perdeu para o Djokovic e nas quartas de final. Cacos depois de lesão faz o jogador perder em primeiras rodadas.
        Essa desculpa está envelhecida.

        Responder
  89. Renato

    Fiquem atento pois Novak vai tramar pra adiar o jogo pra segunda “se ” vencer.
    Não se pode dar presidência de nada para um cara que tem um suposto currículo no crime como eu escrevi algumas vezes. Muito suspeito pra estar no comando do Conselho.

    Mas parece que Thiem realmente vai entubar o bagre sérvio. 3 x 1 com certeza!

    Responder
  90. Renato

    Espero que Federer de sorte de enfrentar Nadal em Wimbledon. 20 anos de circuito e enfrentou o espanhol apenas três vezes na grama, motivo do h2h fake.

    Roger jogou bem os dois primeiros sets e poderia ter vencido sim. A vantagem de winners é devido apenas ao terceiro set, pois Roger parou de jogar. Aliás, quantos jogos entre eles o bugre careca marcou mais bolas vencedoras?

    Felizmente está acabando a temporada de barro e Rafa votará a ser coadjuvante, a “terceira força ” Mais uma vez vai ficar chupando dedo em Wimbledon e só se der muita sorte vai ter chances no u.s open. Finals? Só quando Jesus voltar pra terra.

    Responder
  91. Marcelo Guerreiro

    Quanto a 2a semifinal, na minha opinião acho que a organização sabendo da previsão do tempo, deveria ter começado a rodada mais cedo junto as meninas, ou ter iniciado o jogo na quadra 2 ou 3 em seguida as semi-finais femininas.

    Responder
    1. Renato

      Deve estar em um hotel cinco estrelas em Paris descansando e tomando vinho, ou de volta para a Suíça descansando em sua mansão. E vc aqui, percebe?

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *