Federer ou Djokovic? Dê seu palpite.
Por José Nilton Dalcim
18 de agosto de 2018 às 21:57

ghost_lojaPela quarta vez, exatamente a cada três anos, Roger Federer e Novak Djokovic irão decidir o Masters 1000 de Cincinnati, como aconteceu em 2009, 2012 e 2015, sempre com vitória do suíço. Frustração para Nole, que persegue o único título de nível Masters que falta a sua notável coleção. Já Federer persegue o 99º troféu da carreira, aos 37 anos.

Quem vencer este 46º duelo entre eles, liderado por margem mínima por Djokovic (23 a 22), sairá certamente ainda mais fortalecido para o US Open que vem aí.

Momento para mais um desafio do Blog, valendo bom prêmio para aquele que mais se aproximar do resultado correto desta imperdível final, marcada para as 17h deste domingo: um voucher de 15% de desconto em qualquer compra de até R$ 1.200 na  Loja TenisBrasil.

Indique vencedor, placar e duração da partida, conforme modelo abaixo.

Claro que vale primeiro os vencedores; entre os que acertarem, o placar que mais bem explicar o andamento dos jogos; em caso de novo empate, a duração dos jogos. Por fim, persistindo a igualdade, leva quem postou primeiro.

Caso queiram (e devam) fazer comentários sobre as semifinais ou a decisão, escrevam e opinem exclusivamente no post abaixo. Deixem aqui somente os palpites numéricos. Fica mais organizado.

A votação se encerra quando for dado o primeiro saque. E, é claro, se ganhar alguém de fora do Brasil, terá de indicar um endereço no país para receber o prêmio.

Importante: são permitidos palpites na área pública do Facebook oficial do site TenisBrasil, mas não valem palpites por email. O divertido aqui é justamente todo mundo poder conferir a aposta dos demais.

Se possível, seguir o modelo abaixo, o que facilita muito na hora da apuração:

Federer vence Djokovic, 2 sets a 1, parciais de 6/4, 5/7 e 6/4, após 2h35

Boa sorte!


Comentários
  1. Ricardo Gonçalves Pacheco

    Djoko espetacular! O primeiro tenista a conquistar os nove torneios de master 1000 na História. E de quebra à frente dos dois principais rivais no tête à tête!

    Ricardo

  2. Rafael

    Só pra registrar participação, sem concorrer a nada, gostaria muito que Djoko levantasse o último M1000 que lhe falta e se tornasse o único a fazer isso, etc e tal.

    Mas o favorito, pelo retrospecto, pela quadra, pelas próprias declarações de Djoko – brincando – nas últimas edições, que precisaria esperar Fed se aposentar p vencer Cincy , é Federer.

    Apesar disso tudo, se fossem 5 sets, apostaria $$ em Djoko.

    Em melhor de 3, no entanto, e se Federer ganhar o primeiro, acho que Fed leva por 2 x 0.

    Embora Fed até aqui também n esteja aqueeeeele primor, mas está acima, para esta final.

    PS: Tudo muda se Djoko utilizar o “Djokosmash”. Aí sai da frente, rsrsrsrsrsrs

  3. Rafael

    Djoko 2 x 0 (6/4, 6/2). 1h35.
    Mesmo oscilando, o Sérvio tem a melhor devolução do circuito e se defende como poucos. Um volume de jogo impressionante!
    Idemo!

  4. Marcelo Reis

    Eu não vou nem palpitar porque só quero ver um jogo lindo, independente de quem vença.

    Mas hoje Roger esteve melhor que ontem, e o Goffin valorizou no 1º set. Esse “magrinho” tem umas pequenas bombas em suas mãos, boa mira e é rápido! Saudável pode causar danos no U.S. Open, como fez nesse torneio.

    Não vi o jogo do Novak! Mas torço que jogue(m) bem amanhã para alegria das torcidas.

    Na torcida pela Halep também!

    PS. Lembrando que temos 1 GS para cada um do Big 3 esse ano. O último promete!

  5. Sousa

    Dalcim, como é computada a partida no caso de desistência de um tenista? Caso um tenista desista por lesão quando o placar está empatado, sem vantagem pra nenhum dos lados durante o jogo? Nesse caso é considerado um jogo vencido pelo jogador que não desistiu? Caso o jogador desista antes do confronto, não é considerada a vitória no H2H?**

    Responder ↓

  6. Kennys

    Dalcim, o que vc tem achado do jogo dos dois? Não assistir os jogos de ontem à noite, mas no jogo do Federer de hoje, ele me pareceu sem ritmo errando muito e quase sem tempo de bola, sem falar na briga dele com a rede… Acho que o Federer chegou a final pq o Del Potro não passou.
    O Djoko tbm não está em grande fase.
    Sendo assim, o Nadal continua o favorito para o US Open, independente do resultado amanhã?***

    Federer vence o jogo por 2 sets a 1, parciais de 7/6 6/7 e 6/3 em 2h e 30min

Comentários fechados.