Notícias | Dia a dia
Menezes e Sakamoto estreiam bem no México
15/04/2019 às 19h48

Menezes marcou sua nona vitória em challengers na carreira

Foto: Arquivo

San Luis Potosi (México) - Primeiros brasileiros em quadra pelo challenger mexicano disputado no saibro de San Luis Potosi, João Menezes e Pedro Sakamoto estrearam com vitória na competição. O mineiro e o paulista venceram seus jogos na tarde desta segunda-feira e garantiram vaga na próxima edição do torneio de US$ 54 mil.

Mineiro de 22 anos e número 372 do mundo, Menezes buscou a virada contra o argentino de 24 anos e 323º colocado Matias Descotte por 6/7 (7-9), 6/4 e 6/3 em 2h26 de partida. Esta foi sua quinta vitória em chaves principais de challenger na temporada e a nona na carreira.

Menezes tem como melhor ranking da carreira o 292º lugar, alcançado em agosto do ano passado. Por ter vencido seu primeiro jogo no México, ele já faz três pontos na ATP, podendo chegar a sete se vencer mais uma. Seu próximo adversário será o sérvio Pedja Krstin, sétimo favorito cabeça de chave e número 192 do mundo.

Logo na sequência, foi a vez de Sakamoto também avançar na competição. O paulista de 25 anos e que ocupa o 480º lugar no ranking marcou por 6/4 e 6/2 em apenas 1h26 contra o jovem eslovaco de 21 anos e número 331 do mundo Alex Molcan. Ele agora desafia o cabeça 14 espanhol Roberto Ortega Olmedo. Embora tenha sido semifinalista do torneio no ano passado, Sakamoto não defende resultados. Os 32 pontos já foram descontados há duas semanas. 

Sakamoto chegou a ocupar o 376º lugar do ranking em fevereiro deste ano e tem dez vitórias em challenger na carreira. O paulista de Guarulhos venceu há uma semana um torneio profissional de nível future no saibro argentino, mas seu resultado mais expressivo em 2019 foi furar o quali do Brasil Open e disputar seu primeiro ATP em São Paulo.

Outros dois brasileiros estão na chave do torneio. Ainda nesta segunda-feira, o jovem paranaense de 19 anos Thiago Wild, 382º colocado, desafia o francês Baptiste Crepatte. Já na terça, o experiente paulista de 30 anos e 442º do ranking João Souza, o Feijão, enfrentará o mexicano vindo do quali Gerardo Villasenor, número 549 do mundo.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis