Notícias | Dia a dia
Wawrinka quer mais jogos para crescer a confiança
12/02/2019 às 08h52

Wawrinka pode rever seu algoz do Australian Open

Foto: ATP

Roterdã (Holanda) - Pouco a pouco, o suíço Stan Wawrinka vai recobrando seu melhor tênis e encontrando o ritmo de jogo. Nesta segunda-feira, ele deu uma prova de que está cada vez melhor ao bater o francês Benoit Paire na primeira rodada do ATP 500 de Roterdã, triunfando em sets diretos depois de 71 minutos de embate.

“Foi difícil enfrentar um grande amigo, mas acho que conseguimos mostrar bons golpes. Vencer o primeiro set foi crucial para entrar com confiança no segundo”, analisou o atual 68 do mundo, que marcou parciais de 7/6 (7-4) e 6/1.

“Voltar a Roterdã é demais, a atmosfera aqui é muito boa e Richard Krajicek (diretor do torneio) tem feito um grande trabalho sempre melhorando o evento”, acrescentou o suíço de 33 anos, que agora espera pelo vencedor da partida entre o canadense Milos Raonic, cabeça de chave número 4, e o alemão Philipp Kohlschreiber.

Derrotado pelo canadense logo na segunda rodada do Australian Open, Wawrinka acredita estar jogando bem e espera conseguir seguir adiante no torneio holandês para pegar cada vez mais ritmo de jogo.

“Estou me sentindo bem no geral, tive uma boa pré-temporada e consegui entrar em forma novamente. Agora, preciso de mais jogos para conseguir recobrar minha confiança. Tenho que ser paciente, pois o ano é longo e que exige fisicamente, mas o importante é que estou jogando bem”, afirmou o tenista de Lausanne.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis