Notícias | Outros
Boscardin é o único brasileiro a avançar no Banana
11/02/2019 às 21h37

Boscardin se junta a Natan Rodrigues e Ana Luiza Cruz na segunda rodada

Foto: Luiz Cândido/CBT

Criciúma (SC) - O primeiro dia de disputas na categoria 18 anos do Banana Bowl teve a eliminação de treze brasileiros envolvidos nas chaves de simples da 49ª edição do tradicional torneio infanto-juvenil, que acontece na cidade catarinense de Criciúma. O catarinense Pedro Boscardin foi o único a avançar e se junta ao baiano Natan Rodrigues e à paulista Ana Luiza Cruz, que são cabeças de chave e só estreiam nesta terça-feira.

Boscardin seguiu em frente no torneio ITF J1 disputado nas quadras de saibro da Sociedade Recreativa Mampituba depois de vencer um duelo nacional contra o paranaense Eduardo Taiguara, único brasileiro vindo do quali, por duplo 6/2. O catarinense de 16 anos e número 89 no ranking mundial juvenil da ITF enfrenta na segunda rodada o canadense Taha Baadi, cabeça 14 e 43º colocado, a partir das 11h (de Brasília) desta terça-feira.

Mais cedo, por volta das 10h, Ana Luiza Cruz fará sua partida de estreia. Número 98 no ranking da ITF e vinda de uma semifinal no Paraguai, a canhota paulista de 17 anos é cabeça 14 do torneio e enfrentará a norte-americana de 15 anos e 140ª colocada Hina Inoue. Já o cabeça 11 Natan Rodrigues, 44º do ranking, atua a partir das 14h e enfrenta o espanhol Alejandro Garcia, 126º do mundo.

Sete brasileiros foram eliminados na chave masculina. João Victor Loureiro perdeu por 6/3 e 6/4 para o suíço Jeffrey Von Der Schulenburg, Bruno Oliveira sofreu 7/5 e 6/3 do sérvio Goran Zivotic, Gustavo Heide perdeu para o argentino Thiago Tirante por 6/4 e 7/6 (7-2). Outro brasileiro superado por um argentino foi Marcio Eduardo Silva, que perdeu por 6/3 e 6/2 para Roman Burruchaga. Nicolas Zanellato sofreu um duplo 6/2 do canadense Nicolas Ocana Lavoie, o convidado Gustavo Bernardi sofreu um duplo 6/0 do espanhol Carlos Gumeno, e Rafael Marques da Silva perdeu por duplo 6/4 para o israelense Roi Ginat.

Cinco brasileiras disputaram a chave feminina como convidadas e não passaram da estreia. Nalanda Silva perdeu por duplo 6/3 para a chilena Jimar Gonzlaez, Priscilla Jankina sofreu 6/0 e 6/1 da peruana vinda do quali Daianne Hayashida, Camilla Bossi foi derrotada pela eslovena Ziva Falkner por duplo 6/1, Namie Isago caiu diante da norte-americana Jaedan Brown por 6/4 e 6/2 e Isabel Oliveira sofreu 6/1 e 6/0 na estreia contra a japonesa Saki Imamura.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis