Notícias | Dia a dia
Klier vence principal favorito e faz semi na Tunísia
25/01/2019 às 11h43

Klier tenta alcançar a primeira final de sua carreira profissional

Foto: Arquivo

Monastir (Tunísia) - A temporada de Gilbert Klier Júnior já começa com um resultado positivo. O brasiliense de 18 anos já está na semifinal do ITF M15 no piso duro de Monastir, na Tunísia, depois de vencer o cabeça 1 italiano e 336º do ranking Andrea Pellegrino por 6/4 e 6/2.

Klier está em busca da primeira final de sua carreira profissional e enfrentará no sábado o turco Altug Celikbilek, 469º do ranking. Do outro lado da chave, aparecem o italiano Riccardo Balzerani (495º) e o tunisiano Skander Mansouri (586º).

Atualmente, Klier não figura no ranking mundial da ATP e tem como recorde pessoal o 1.282º lugar. Destaque no circuito juvenil no ano passado, o brasiliense chegou a ser o número 10 do mundo na categoria e pôde utilizar este ranking para entrar diretamente na chave. Com a restruturação do circuito profissional, é possível utlizar o ranking juvenil do ano anterior para entrar nesses torneios, que subsitituem os futures no calendário.

O torneio desta semana e os demais eventos de M15 já não valem mais pontos para a ATP, mas sim para o recém-criado ranking de profissionais da ITF, estabelecido em dezembro do ano passado. Klier aparece apenas no 1.243º lugar da nova lista divulgada pela Federação Internacional, mas certamente dará um salto na classificação. A semifinal vale 30 pontos no ranking da ITF, com possibilidade de 60 para o vice-campeão e 100 em caso de título.

Os atletas que se destacam no circuito de transição da Federação Internacional garantem lugar em compeitções maiores. Os torneios de nível challenger da ATP agora oferecem quatro vagas na chave principal e mais três no quali para jogadores bem colocados no novo ranking da ITF.

Reis cai nas quartas - O pernambucano de 18 anos João Lucas Reis foi eliminado nas quartas de final do ITF M25 no saibro de Palm Coast, na Flórida. Único brasileiro na disputa, Reis perdeu por 6/1 e 7/5 para o italiano Alessandro Petrone. Reis aparece nesta semana no 591º lugar do ranking da ATP e tem como recorde pessoal a 554ª posição alcançada em novembro do ano passado. Como o torneio só oferece pontos na ATP ao campeão e ao vice, o pernambucano vai receber 18 pontos no ranking da ITF.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis