Notícias | Top Spin
Wintour pede retirada do nome de Court de quadra
25/01/2019 às 11h27

Melbourne (Austrália) – Anna Wintour, editora da revista Vogue, juntou-se ao coro dos que acham que a Quadra Margaret Court deve mudar de nome, por ela ser contra o casamento entre pessoas do mesmo sexo. Court, de 76 anos, detentora de 24 títulos de simples de Grand Slam, atualmente é pastora cristã e causou polêmica em 2017 ao criticar os jovens por questionarem sua sexualidade e pedir aos australianos para votar contra o casamento gay, que acabou legalizado. 

Wintour aproveitou-se de um discurso no Aberto da Austrália para levantar a questão, mas o trecho não consta do vídeo publicado pelo canal Australian Open TV. ''Acho inconsistente com o esporte ter o nome de Margaret Court num estádio que faz tanto para unir as pessoas através de suas diferenças. Intolerância não tem lugar no tênis.'' Anteriormente, Billie Jean King e Martina Navratilova, lendas vivas do tênis, haviam criticado as declarações de Margaret Court em visita ao Melbourne Park e recomendaram a mesma coisa à Tennis Australia, a federação australiana. Court tem estado regularmente no Aberto da Austrália, mas não compareceu ao torneio no ano passado.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis