Notícias | Dia a dia | Australian Open
FRASES: veja o que estão comentando no Aberto
22/01/2019 às 22h12

“Estou feliz de jogar com estes adversários. Acho que eles me fazem melhor e aprendi muitas coisas enfrentando-os. Não tenho nada a perder, só há coisas positivas.”
Tsitsipas, de 20 anos, o mais novo semifinalista do Aberto australiano desde Andy Roddick em 2003.

“Eu comecei meu canal no YouTube, algumas pessoas me inspiraram a criar.  Amo cinema, fazer filme, fotografia. Acredito que há várias formas positivas que se pode usar a seu favor. Isso me relaxa. Me conecto com meus fãs e pessoas que estão interessadas em mim.”
Tsitsipas sobre seu canal no YouTube que já tem mais de 27.500 inscritos.

“Caras, vocês têm de se inscrever, por favor, inscrevam-se.”

Tsitsipas.

“Você não é só um grande tenista, é um bom vendedor também.”
Courier, elogiando o tino comercial do grego na entrevista em quadra, .

“Estou nas semifinais. Não é o dia para falar disso. Obrigado por sua preocupação a respeito. Coisas que acontecem num torneio, apenas isso.”
Nadal recebeu atendimento médico para enfaixar a barriga e preocupu os jornalistas, pois em Brisbane teve um problema muscular no estômago.

"Acho que estou jogando um tênis muito bom. Trabalhei muito. Tudo isto tem sido uma experiência realmente incrível. No ano passado, nesta época do ano, estava jogando um challenger em Newport.”
Danielle Collins, de 25 anos, a primeira universitária a alcançar as semifinais de  um Grand Slam desde 1996 com Meredith McGrath em Wimbledon.

"Foi legal Laver estar lá. Quero dizer, ele é uma lenda do esporte, assim como Rafa."
Tiafoe, de 21 anos, que disputou sua primeira quartas de final de um Grand Slam.

“É uma loucura. Não achava que isso fosse acontecer. Se na pré-temporada tivessem me dito ‘Você vai jogar com Rafa nas quartas na Rod Laver Arena, com Rod Laver assistindo’, provavelmente eu iria gargalhar. É inacreditável. Estar nas quartas de um Slam, sabendo que posso fazer isso, é a coisa mais importante.”
Tiafoe

“Acho que agora ela está pronta fisicamente, acho que emocionalmente também, porque é uma grande mudança na vida de qualquer um ter um bebê e acostumar-se à nova vida. Leva um tempo. Seu nível está bom. Acho que ela precisava de uma grande luta e isso aconteceu hoje. Foi importante, especialmente da forma como terminou.”
Patrick Mouratoglou, de 48 anos, técnico de Serena há 7 anos.

“Claro que acredito que ela ganhará. Se não acreditasse, deveria ir treinar outra pessoa. Em primeiro lugar, sempre acho que ela pode ganhar, e ela vai ganhar. Acho que deveria ter essa mentalidade. Porque ela é Serena.”
Mouratoglou acreditando que Serena vai conseguir seu 8º título em Melbourne.

“Ela não pensa como outras jogadoras. Já trabalhei com vários jogadoras na vida… Há apenas uma Serena em termos de mentalidade. Você se torna quem você é pelo jeito que pensa. Há algumas poucas coisas que campeões fazem ou pensam que são diferentes de outras pessoas.”
Mouratoglou, o técnico francês que  conduziu Serena a 10 títulos de Grand Slam, três títulos do WTA Tour e uma medalha olímpica de ouro.

Comentários