Notícias | Dia a dia
Kvitova vira a final em Sydney e leva seu 26º troféu
12/01/2019 às 08h59

Kvitova lutou muito para superar Barty na decisão

Foto: Divulgação

Sydney (Austrália) - Quinta mais bem cotada ao título no Premier de Sydney, a tcheca Petra Kvitova acabou levando, pela segunda vez na carreira, o troféu do torneio australiano. Sua 26ª conquista no circuito veio neste sábado, em uma dura final contra a local Ashleigh Barty, vencendo de virada e com placar final de 1/6, 7/5 e 7/6 (7-3), após 2h22 de duelo.

A canhota tcheca sofreu no início da partida, perdeu seus dois primeiros games de serviço e viu a australiana abrir 4/0 logo de cara. Depois de enfim conseguir confirmar o saque pela primeira vez, a número 8 do mundo ainda amargou mais uma quebra no primeiro set, em que foi arrasada pela rival em apenas 27 minutos de disputa.

Sem se abater com o resultado na primeira parcial, Kvitova elevou seu nível de jogo, transformado o aproveitamento de apenas 43% nos pontos disputados com o saque em um número muito maior, chegando a 77% no segundo set. Isso fez com que ela não enfrentasse um break contra sequer, ao passo que aproveitou a primeira chance de quebra que teve para empatar o jogo.

O terceiro e decisivo set foi disputadíssimo, com as duas jogadoras mostrando um nível muito parelho. Barty chegou a abrir 3/0, mas não sustentou a vantagem por muito tempo e viu a adversária empatar em 3/3. Com mais duas quebras para cada lado, a definição foi para o tiebreak, no qual Kvitova perdeu apenas um ponto com o saque e venceu três nos serviços da australiana.

"Dei tudo o que tinha e terminei com cãibras. Foi uma grande final, lutei até o último instante. É assim que uma decisão deve ser", analisou a tcheca, que também enalteceu sua oponente. "Foi um jogo muiti difícil, ela variou bastante, se mostrou bastante diferente das últimas vezes que nos enfrentamos. Posso dizer que foi muit mais desafiador dessa vez", finalizou. 

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis