Notícias | Dia a dia
Anderson vence final mais alta do tênis profissional
05/01/2019 às 12h42

Anderson começa bem a temporada 2019

Foto: ATP

Pune (Índia) - O sul-africano Kevin Anderson precisou de três tiebreaks e boa dose de sorte para conquistar neste sábado o sexto título de nível ATP de sua carreira. Na final mais alta da história, derrotou o croata de 39 anos Ivo Karlovic, por 7/6 (7-4), 6/7(2-7) e 7/6 (7-5).

Anderson, numero 6 do atual ranking, mede 2,03m enquanto seu adversário, que entrou como 100º e reaparecerá no 69º, tem 2,11m de altura. Foi a quarta vitória do sul-africano em cinco duelos diante de Karlovic, o primeiro desde maio de 2014.

Como se esperava, a partida foi um festival de aces e saques sem devolução. Anderson devolveu um pouco melhor e somou oito break-points na partida, mas sem sucesso. Karlovic, que foi quebrado uma única vez em toda a semana em Pune, não teve qualquer oportunidade.

O índice de pontos vencidos com o primeiro saque foi astronômico: 89 para o campeão e 88% para o vice, com 21 aces para Anderson e 36 para Karlovic. Aos 32 anos, o sul-africano avança 100 pontos no ranking, mas ainda está distante do quinto colocado Juan Martin del Potro. Foi a 19ª final de Anderson, que no terceiro tiebreak viu Karlovic sacar com 5-4. Conseguiu duas ótimas passadas e virou.

Mais velho finalista de um torneio ATP desde Ken Rosewall, em Hong Kong de 1977, Karlovic buscava o nono troféu da longa carreira e o primeiro desde julho de 2016. Na última temporada, caiu para além do 130º posto do ranking e disputou na maior parte do tempo torneios de nível challenger.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis