Notícias | Dia a dia
Federer e Zverev abrem final da Hopman às 6h
04/01/2019 às 20h00

Suíço e alemão se enfrentam pela Hopman pelo terceiro ano seguido

Foto: Arquivo

Perth (Austrália) - Pelo segundo ano consecutivo, Suíça e Alemanha irão decidir o título da Copa Hopman. As duas equipes, aliás, terão as mesmas formações da edição passada da competição, quando Roger Federer e Bencic levaram a melhor sobre Alexander Zverev e a canhota Angelique Kerber.

Federer e Zverev farão o primeiro jogo da série, a partir das 6h (de Brasília) deste sábado. Em competições de nível ATP, os atuais números 3 e 4 do mundo já se enfrentaram seis vezes, com três vitórias para cada lado. O jovem alemão de 21 anos levou a melhor no duelo mais recente, a semifinal do ATP Finals em novembro último.

Pela Copa Hopman, o suíço e o alemão irão duelar pelo terceiro ano consecutivo. Zverev venceu um jogo de três tiebreaks pela fase de grupos de 2017, em torneio que foi conquistado pela França. Já Federer derrotou o rival durante a série decisiva da última edição.

O segundo jogo do dia será entre Kerber e Bencic. Embora o ranking favoreça a experiente alemã de 30 anos e número 2 do mundo, é Bencic quem lidera o retrospecto. Nas competições da WTA, a jovem de 21 anos e 54ª colocada tem três vitórias e apenas uma derrota contra a rival. Kerber venceu também o jogo válido pela final da última Copa Hopman.

Em caso de uma vitória para cada lado, o título será definido na partida de duplas mistas, como aconteceu no ano passado e nas cinco edições anteriores. Com 30 anos de história, a Hopman foi definida com um 2 a 0 pela última vez em 2012, a favor da República Tcheca de Tomas Berdych e Petra Kvitova.

Aos 37 anos, Federer pode conquistar seu terceiro título de Copa Hopman na carreira. Além da vitória ao lado de Bencic no ano passado, o suíço também fez parte da dupla campeã em 2001, ao lado de Martina Hingis. A última vez que um país defendeu o título da competição aconteceu com os Estados Unidos nos anos de 2003 e 2004. James Blake ganhou um título com Serena Williams e outro ao lado de Lindsay Davenport.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis