Notícias | Dia a dia
Kyrgios garante que saída do top 50 não preocupa
03/01/2019 às 16h17

Kyrgios estará solto na chave do Australian Open

Foto: Divulgação

Brisbane (Austrália) - Atual campeão do ATP 250 de Brisbane, o australiano Nick Kyrgios não conseguiu passar das oitavas de final do torneio neste ano e com isso irá amargar uma dura queda no ranking. Ele perderá ao menos 18 colocações na próxima semana, saindo do top 50, o que parece não ser um grande problema.

“Não poderia me importar menos de sair do top 50. Realmente não estou pensando no meu nível de jogo agora, farei o de sempre nos próximos dias”, garantiu o intempestivo australiano, que no ano passado parou nas oitavas de final do Australian Open, seu próximo compromisso.

Técnico de renome no circuito, o também australiano Roger Rasheed, que já trabalhou com nomes como Lleyton Hewitt, Jo-Wilfried Tsonga e Grigor Dimtirov, falou sobre a nova condição que o compatriota enfrentará em Melbourne, onde entrará solto na chave, podendo encarar até mesmo os primeiros do ranking logo na estreia.

“Os cabeças de chave querem evitar Kyrgios nas primeiras rodadas. Uma rodada noturna contra ele pode ser uma perspectiva muito ruim", afirmou Rasheed, que espera a volta aos trilhos de Kyrgios. "Se ele alcançar as quartas de final já pode vislumbrar ficar entre 25 primeiros novamente”, aposta o treinador australiano.

Confiante apesar do resultado não tão bom em seu primeiro torneio da temporada, o australiano de 23 anos acredita que possa dar trabalho a qualquer rival que tenha pela frente no Australian Open. “Acho que não importa contra quem jogue, o mais importante é que eu possa me encontrar em quadra”, analisou Kyrgios.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis