Notícias | Dia a dia
Irmãos Bryan marcam retorno para Auckland
10/12/2018 às 18h18

Irmãos Bryan não jogam juntos desde o Masters de Madri

Foto: Arquivo

Auckland (Nova Zelândia) - Os gêmeos norte-americanos Bob e Mike Bryan já têm data para voltar a jogar juntos no circuito. O retorno da vitoriosa parceria será na segunda semana de 2019, quando eles disputarão o ATP 250 de Auckland, em preparação para o Australian Open.

O último torneio que os irmãos Bryan disputaram juntos foi o Masters 1000 de Madri, em maio. Depois disso, o canhoto Bob precisou se afastar das competições para tratar de uma lesão no quadril e realizar uma cirurgia no dia 2 de agosto, que encerou precocemente sua temporada.

Por conta da lesão do irmão, o destro Mike Bryan jogou com diferentes parceiros no segundo semestre. A dupla de maior sucesso foi com o também norte-americano Jack Sock, com quem conquistou os títulos de Wimbledon, do US Open e do ATP Finals.

Vencedores de 116 títulos de ATP jogando juntos, incluindo 16 troféus de Grand Slam, os gêmeos de 40 anos se acostumaram a dividir ou a aparecer bastante próximos no ranking mundial. Entretanto, por conta da temporada atípica, Mike é o atual número 1 do mundo enquanto Bob é o 14º colocado.

Esta será a terceira participação dos irmãos Bryan em Auckland. Eles já jogaram o torneio em 2010 e 2015, mas sempre perderam logo na rodada de estreia. "Ganhamos 114 títulos juntos, mas ainda não conseguimos vencer em Auckland. Temos que mudar isso. Esperamos que 2019 possa ser o nosso ano", diz o comunicado à imprensa assinado pelos dois irmãos.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis