Notícias | Dia a dia
Mauresmo abre mão da Davis e treinará Pouille
06/12/2018 às 17h37

Mauresmo assumiria o cargo de capitã da Davis no ano que vem

Foto: Arquivo

Paris (França) - Anunciada em junho como capitã da equipe francesa da Copa Davis para as temporadas de 2019 e 2020, Amelie Mauresmo renunciou a posição e voltará a ser treinadora em tempo integral de um jogador. A ex-número 1 passará a integrar a equipe de Lucas Pouille, jogador de 24 anos que chegou ao top 10 em março e terminou a temporada no 32º lugar do ranking.

Mauresmo está com 39 anos e já trabalhou no circuito masculino como treinadora de Andy Murray e também já foi capitã da Fed Cup entre os anos de 2013 e 2016, com destaque para uma campanha até o vice-campeonato há dois anos.

Por meio de uma nota oficial em seu site, a Federação Francesa de Tênis (FFT) confirmou a saída de Mauresmo e o nome de Pierre Cherret para assumir a equipe. Cherret também será o responsável pela delegação olímpica masculina de Tóquio dos Jogos de Tóquio em 2020 e pela formação de novos jogadores visando as Olimpíadas de Paris em 2024.

"Esta decisão acompanha a escolha de Amélie Mauresmo para se juntar ao staff de Lucas Pouille como treinadora. A ex-número 1 do mundo aceitou esse desafio e renuncia à posição de capitã da equipe da Copa Davis para realizar essa missão. A Federação Francesa de Tênis apoia e incentiva este projeto que serve os interesses do tênis francês".

Já Pouille comemorou a chegada da nova treinadora e ainda agradeceu à federação francesa por ceder Mauresmo à sua equipe. "Estou muito feliz em começar meu novo trabalho com Amelie Mauresmo!", disse, por meio do Twitter. "Sua experiência como jogadora e treinadora pode me ajudar a alcançar meus objetivos. Tenho certeza que vamos fazer grandes coisas juntos. Obrigado à FFT pela ajuda fornecida".

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis