Notícias | Dia a dia
Governo cede e Madri deve manter o Masters
06/12/2018 às 12h09

O magnífico complexo da Caixa Mágica

Foto: Arquivo

Madri (Espanha) - Ficou mais próximo o acordo entre o governo madrilenho e o proprietário do Masters 1000 de Madri, o romeno Ion Tiriac, e assim ficou grande a chance de a competição se manter na capital espanhola por mais 10 anos.

Em maio deste ano, Tiriac ameaçou mudar o evento de Madri para a Alemanha a partir de 2021, quando vence o atual contrato, caso o governo local não aceitasse uma série de exigências, que incluíram aporte financeiro e a construção de um novo estádio.

Na terça-feira, o prefeito Luis Cueto se reuniu com porta-vozes da oposição para decidir se aceitavam os requisitos de Tiriac: renovação do contrato por mais 10 anos, aumento do patrocínio oficial para incrementar premiação conforme exigência da ATP e a construção de um estádio para 10 mil pessoas no anexo da Caixa Mágica.

Segundo Cueto, a obra deverá ficar com a iniciativa privada e isso foi um passo importante na chance de acordo. "Há consenso de que o torneio fique em Madri e cresça", diz o prefeito ao El Mundo. "Estava falando com a área de urbanismo sobre a ampliação da Caixa". A ideia é assinar a renovação do contrato em janeiro.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis