Notícias | Dia a dia
Justin Gimelstob é preso por suposta agressão
22/11/2018 às 16h43

Los Angeles (EUA) - Ex-top 20 nas duplas e ex-treinador de John Isner, o norte-americano Justin Gimelstob foi preso por agressão. De acordo com o Los Angeles Times, ele foi acusado de atacar um homem na noite de Halloween, quase três semanas atrás, mas se entregou à polícia apenas na última quarta-feira.

A acusação é de que Gimelstob atacou o ex-amigo Randall Kaplan, que estava andando pela rua em Los Angeles por volta das 18h30 da noite do dia 31 de outubro junto da esposa e de sua filha. Foi neste momento que o ex-tenista profissional supostamente teria protagonizado a agressão.

Kaplan apresentou uma queixa ao tribunal de Los Angeles no dia seguinte e caso já tem uma audiência marcada para o dia 3 de dezembro. Enquanto isso, Gimelstob foi libertado logo após se apresentar à polícia ao parar uma fiança de US$ 50 mil.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis