Notícias | Dia a dia | ATP Finals
Com Sock, Mike Bryan vence o Finals pela 5ª vez
18/11/2018 às 15h16

Bryan e Sock venceram Wimbledon, US Open e o Finals em 2018

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - Vencedores de dois títulos de Grand Slam em 2018, Mike Bryan e Jack Sock encerraram a ótima temporada com o título do ATP Finals. Os norte-americanos salvaram um match point e levaram a melhor na final deste domingo contra os franceses Pierre-Hugues Herbert e Nicolas Mahut por 5/7, 6/1 e 13-11 em 1h31 de partida.

O resultado serviu como revanche para Bryan e Sock, que haviam perdido para Herbert e Mahut durante a fase de grupos do Finals. Na última sexta-feira as duas parcerias se enfrentaram, com os norte-americanos já classificados e os rivais lutando por vaga, e os franceses venceram por duplo 6/2.

Este é o quinto título de ATP Finals na carreira de Mike Bryan. Número 1 do mundo aos 40 anos, o norte-americano tem quatro conquistas ao lado do irmão gêmeo, Bob, que se recupera de cirurgia no quadril. Os gêmeos triunfaram nas edições de 2002, 2003, 2009 e 2014. Na carreira, Mike Bryan acumula 121 conquistas. Ele voltará a jogar ao lado irmão no ano que vem.

Por conta do afastamento de Bob Bryan por lesão, Mike jogou com diferentes parceiros no segundo semestre. Com seu atual parceiro, foi campeão de Wimbledon, do US Open e agora do Finals. O veterano também jogou ao lado do francês Edouard Roger-Vasselin, com quem disputou as finais de Washington e Viena. Por sua vez, Sock tem 26 anos e venceu 14 títulos de duplas no circuito.

O resultado também impediu que Herbert e Mahut conquistassem um título no Finals, torneio que disputam pelo quarto ano seguido. Logo no primeiro ano da dupla, eles venceram o US Open. Na temporada seguinte, eles triunfaram na grama de Wimbledon. Já em 2018, os franceses fizeram a festa em casa, no saibro de Roland Garros.

O set inicial foi de muitas oportunidades para ambos os lados, mas a quebra só aconteceria no sétimo game, após um lob de Mahut sobre Mike Bryan. O veterano francês de 36 anos acabou perdendo o saque logo na sequência com uma dupla-falta. Com o placar empatado por 4/4, Sock salvou dois break points em seu saque e manteve os norte-americanos em vantagem, mas Mike Bryan voltaria a perder o saque pouco depois e Mahut evitou quatro chances de quebra para fechar o set. A segunda parcial foi amplamente dominada pelos norte-americanos, que não enfrentaram break points, cederam apenas quatro pontos em seus games de serviço e conquistaram duas quebras.

O match tiebreak começou equilibrado, apesar de uma ligeira vantagem da dupla americana, mas Herbert cometeu dois erros seguidos, em um smash e um voleio, permitindo que Bryan e Sock abrissem 6-3. A dupla dos Estados Unidos vinha sustentando a liderança até fazer 9-5. Mahut salvou um match point no saque de Mike Bryan e Herbert encaixou dois bons saques logo depois. Sacando pela vitória, Sock permitiu o empate, mas Bryan foi brilhante na rede para retomar a dianteira. No quinto match point, Sock fez mais um erro não-forçado. Os franceses ficaram a um ponto do título, mas novamente Bryan teve intervenções decisivas e uma dupla-falta de Herbert encerrou a partida.

Comentários