Notícias | Dia a dia
Clezar avança em Buenos Aires, Monteiro cai
12/11/2018 às 16h03

Clezar precisou de apenas 1h15 para superar a rodada de estreia

Foto: Arquivo

Buenos Aires (Argentina) - A segunda-feira foi de emoções distintas para dois brasileiros que estiveram em quadra pela primeira rodada do challenger de Buenos Aires. Enquanto o gaúcho Guilherme Clezar estreou com vitória, o cearense Thiago Monteiro foi precocemente eliminado do torneio de US$ 50 mil no saibro da capital argentina.

Clezar precisou de apenas 1h15 para vencer o sérvio Miljan Zekic, 270º do ranking, por 6/3 e 6/2. O gaúcho de 25 anos e 254º colocado enfrenta nas oitavas de final o vencedor da partida entre o cabeça 8 argentino Facundo Bagnis e o uruguaio Martin Cuevas.

A vitória desta segunda-feira rende seis pontos no ranking a Clezar, que não defende resultados nesta semana, mas tem 15 pontos a descartar na semana que vem. Caso chegue às quartas, o gaúcho já conseguirá a contagem necessária para impedir a perda de posições no dia 26 de novembro. O melhor ranking de sua carreira foi o 153º lugar, alcançado em agosto de 2015.

Já Thiago Monteiro ficou em quadra por apenas 1h03. O cearense teve dificuldades com o saque e sofreu cinco quebras na derrota por 6/0 e 6/3 para o argentino Pedro Cachin, jogador de 23 anos e 253º do ranking. O resultado foi uma revanche para Cachin, já que Monteiro havia derrotado o argentino este ano no challenger de Campinas.

Este foi o último torneio na temporada para Monteiro, que começou 2018 no 124º lugar e aparece atualmente na 112ª posição. O cearense de 24 anos e ex-número 74 do mundo tem, entretanto, 58 pontos a descontar nas próximas duas segundas-feiras e deve terminar o ano por volta do 130º lugar do ranking mundial.

O tênis brasileiro ainda tem dois representantes em Buenos Aires. O paulista Thomaz Bellucci, ex-número 21 e atual 244º do ranking aos 30 anos, deverá estrear na terça-feira contra o italiano de 22 anos e 150º colocado Gianluigi Quinzi. Já o gaúcho Orlando Luz, jovem de 20 anos e 387º colocado passou por um qualificatório de três rodadas e aguarda a definição de seu primeiro adversário na chave principal.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis